Últimas

Segunda-Feira, 17 de Março de 2008, 19h:20 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

CONFRONTO

Grupo de Abicalil é vaiado; professores param

Ságuas Moraes, secretário de Estado de Educação  Educadores decretam greve geral em todo Estado; petistas Ságuas e Verinha enfrentam saia-justa à frente da Educação

  Em assembléia-geral nesta segunda, na escola  Presidente Médici, em Cuiabá, os profissionais da educação decidiram, por maioria, entrar em greve e ainda reagiram com sonora vaia àqueles sindicalistas do grupo do deputado federal Carlos Abicalil, que defenderam o fim do movimento grevista. Esta é a segundo greve na educação no governo Blairo Maggi e a primeira registrada com o deputado petista Ságuas Moraes à frente da pasta. A adjunta da secretaria é a ex-deputada opositora Vera Araújo, a Verinha, outra petista. Desde esta segunda à noite, as 647 escolas estaduais, com mais de 500 mil alunos matriculados nos 141 municípios, já começaram a ser esvaziadas.

  Os educadores reivindicam uma série de direitos. O principal deles é reajuste do piso médio nacional que venha a definir o menor salário em R$ 1.050. Hoje, o piso está em R$ 818 por 30 horas/aulas para efetivo e interino. De última hora, o governo apresentou uma sinalização. Mandou avisar que, no próximo mês, poderia colocar em discussão uma proposta de elevar o piso médio para R$ 912, mas para ter validade a partir de julho. A proposta, que nem chegou a ser oficializada, foi rejeitada pelos mais de 600 educadores que lotaram a escola Médici.

   O presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público do Estado (Sintep), Gilmar Soares Ferreira, aliado do deputado governista Abicalil, acabou vaiado quando, em seu discurso, se posicionou contra a greve. Também foram vaiados o professor Edmilson Albino e a presidente da subsede do Sintep de VG, Aparecida Cortêz, por se posicionarem na mesma linha. Eles são militantes do PT e da mesma corrente Unidade na Luta (ex-Campo Majoritário), do qual fazem parte Abicalil e os deputados estaduais Alexandre Cesar e Ságuas Moraes, que hoje conduz a Seduc.

   A voz de Helena Bortolo, presidente da subsede do Sintep de Cuiabá, acabou prevalecendo na assembléia-geral. Ela puxou o movimento pela greve. Petista de carteirinha, Helena integrou o grupo dos 13 da Executiva do PT que, em 2006, se posicionaram contra a entrada do partido no governo Maggi.

   Conforme a decisão em assembléia-geral, os quase 30 mil profissionais da educação adiantaram que não vão recuar. Se o governo Maggi não atender as reivindicações, vão manter a greve por tempo indeterminado.

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • Professora em Greve | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vejam como são as coisas: essa Aparecida Cortez, a vaiada, até outro dia xingava o Murilo e toda a Secretaria de Educaçao da VG, querendo aumento de salário para os professores de VG que ganham melhor que os da Rede Estadual. Agora ela vergonhosamente nos trai, pelegando em favor do Ságuas e Abicalil de quem é caboa eleitoral. Onde está a vergonha minha gente!

  • Deusdel Ferreira de Sousa Filho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A ex-deputada de oposição "Professora" Verinha com toda certeza deve estar favorável a greve. Greves, panfletagens, "luta", e manifestações em favor dos professores sempre foram suas principais bandeiras. Isso é que dá não ter verdadeiramente uma ideologia. Gente assim demonstra que não defende os interesses do povo, os interesses de uma classe social que foi usada de escada para ascensão política, para conseguir realizar o sonho de representar realmente a si esmo, aos interesses próprios.

  • Silvia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Kakakaka...... Este Blairo e mesmo inteligente, conseguiu desmoralizar os Petistas, ele apoio o Lula por interesse particular, deu o Educação para o PT em troca, sabendo da bomba relogio montada.

  • Leonardo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É isso que dá... essa turma da Unidade na Luta só mete os pés elas mãos! Quer fazer parte de um governo que não está nem aí para os verdadeiros interesses que o PT sempre pregou em prol dos trabalhadores. Isso só serve para queimar ainda mais o partido. Será que dessa vez eles aprendem?

    Helena Bortolo tá muito é certa. Parabéns, professora!

  • Paulo Soares | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Antes o problema era a Ana Carla, agora o problema é o PT. Só posso dizer uma coisa: HAHAHAHA! Toma Verinha. Agora veja os erros que você cometeu na gestão AC, criticando-a. Queria que ela te desse uma criticada pra você ver o que é bom.

  • Gloria | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Governador tem abusado de seus secretários.Quero ver onde esta história vai dar. Investir em educação e cultura é primordial.Quem se prevalece é o Wilsinho Santos.Salarios em dia, competência e determinação.

  • ANTONIO C. LUZ | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A mistura política às vezes em determinado momento pode ter efeito colaterial irreversível, a exemplo do que aconteceu na Assembléia Geral dos professores ocorrida na tarde desta segunda-feira em Cuiabá. Medir força entre correntes políticas numa causa tão nobre como é a dos professores, foi quase um suícidio político para aqueles que almejam galgar outros degraus na vida política mato-grossense. Com a palavra a ala abicalense! Os interesses partidários ou de poder, deveriam ser descatados num momento como a que a categoria vivencia, não só em MT, mas como no resto do Brasil.

  • Angelo Bocaiuva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E por que isso? afinal não era a secretária Ana Carla que era o problema e que o PT era a solução? E agora o que é? vão trabalhar...é pra isso que esses professores são pagos.

  • PEDRO PAULO BARROS LEITE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    VIVA O PREFEITO WILSON SANTOS ,QUE EM 38 MESES JÁ PAGOU 46 FOLHAS DE PAGAMENTOS,PAGA O MELHOR SALARIO DE PROFESOSRES DO BRASIL , E O QUE MAIS IMPORTANTE NO DIA CERTO.

    O PROFº WILSON SANTOS TEM UM COMPROMISSO SÉRIO COM A EDUCAÇÃO,O QUE NÃO OCORRE COM OS BOTINUDOS,QUE QUEREM BRAÇOS PARA PUXAR ENXADA NO ROÇADO DELES.

    ESSA TURMA DA BOTINA NÃO QUER CEREBROS,POIS CEREBROS PENSAM, E INCOMODAM,TEM DIREITOS E SABE REIVINDICAR.

    AGORA FICA A PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR!!! VAMOS CONTINUAR VOTANDO NESSES "NEO-ARGENTINOS"??? ACHO QUE ESTÁ NA HORA DE SAIRMOS DA NOSSA COMODIDADE E FAALR O QUE LES PRECISAM OUVIR.!!!!

    BBBBBBBAAAAAAAAAASSSSSSSSSSSSTTTTTTTTTTTTAAAAAAAAAA !!!!!!

  • rosa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    bem feito para eles...
    os mestres em fazer greves e reinvidicações....
    hahahahahaha
    pimenta nos olhos dos outros é
    refresco!!!!
    oposição é com o pt, só isso pra eles já tá
    de bom tamanho.

Beco do Candeeiro só abrirá em abril

Carlina 400   A secretária municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Carlina Jacob (foto), em visita ao Grupo Rdnews, revelou que a revitalização do Beco do  Candeeiro, que foi concluída em janeiro, será entregue à população em abril, nas comemorações dos 302 anos de...

Águas, expansão e investimentos

william figueiredo 400 aguas cuiaba curtinha   O diretor-geral da Águas Cuiabá, executivo William Figuereido (foto), disse, em visita à sede do Rdnews, quando aproveitou para conceder entrevista à tv web Rdtv, que a concessionária já distribui água para toda Cuiabá e que, em quase quatro anos...

Creci combate empresas irregulares

benedito odario 400 curtinha   O presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado, Benedito Odário (foto), aproveitou a operação desenvolvida na quinta, com apoio da Polícia Civil e da Decon, para enfatizar que não dará trégua àquelas empresas que, irregularmente,...

Cuiabá paga fevereiro aos servidores

emanuel pinheiro 400   A Prefeitura de Cuiabá quitou nesta sexta (26), último dia útil do mês, a folha de fevereiro. Desde quando assumiu o Palácio Alencastro, em janeiro de 2017, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) tem conseguido pagar o funcionalismo dentro do mês trabalhado. Aliás, essa prioridade,...

3 deputados sob certa cordialidade

janaina riva 400 curtinha   Max Russi, Eduardo Botelho e Janaina Riva (foto), que mandam na Assembleia, demonstram entre eles um certo clima de cordialidade, mas chegaram a entrar em queda-de-braço até fechar um novo acordo político sobre a Mesa Diretora. Com a decisão do Supremo de veto a Botelho no comando do...

Expediente na AL só a partir do dia 8

max russi 400   Por causa do aumento da taxa de incidência de Covid-19 entre servidores e parlamentares, as atividades presenciais da Assembleia foram suspensas na quinta (25). O expediente só retoma em 8 de março. Neste período, estão sendo mantidas somente as atividades estritamente essenciais para o...