Últimas

Sexta-Feira, 23 de Março de 2007, 22h:10 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EXECUTIVO

Homero confirma a Blairo acusação feita por Jaime

    De Curitiba (PR), onde se encontra desde quinta-feira, o governador licenciado Blairo Maggi telefonou para o deputado federal Homero Pereira, a fim de checar se seriam verdadeiras as acusações feitas pelo senador Jaime Campos, durante espécie de 'comício' num vôo da TAM de Cuiabá a Brasília. Ouviu do parlamentar que, de fato, a reportagem de A Gazeta desta sexta, assinada pelo repórter Auro Ida, retrata a verdade dos fatos.

    Maggi, então, externou sua contrariedade com os ataques do senador pefelista. Ponderou, porém, que não iria respondê-lo. Jaime Campos chegou a dizer que na gestão da 'turma da botina', a 'comissão' subiu de 10%, comum nos governos anteriores' para 50%.

Confira abaixo a reprodução das duas matérias sobre as polêmicas declarações de Jaime publicadas nesta sexta em A Gazeta.

Governo está podre, afirma Jaime

Auro Ida
Da Redação

  "O governo Maggi está podre. Só não sofre impeachment porque segura ele na Assembléia Legislativa". A afirmação foi feita pelo senador Jaime Campos, um dos principais líderes do PFL, ao transformar o vôo JJ-3599 da TAM, que saiu do aeroporto Marechal Rondon às 5h30 da última terça-feira com destino a Brasília, num "comício" contra a administração estadual.

    Ele sinalizou claramente que está caminhando para o rompimento com o governo Maggi. Sem papas na língua, Campos fez inúmeras acusações, entre elas, de que, na gestão da "turma da botina", a "comissão" subiu de 10% comum nos governos anteriores para 50%. "Um absurdo", avaliou.

    De pé no corredor do avião, dirigindo-se ao deputado federal Homero Pereira, que estava ao lado do jornalista e advogado João Pedro Marques, Jaime Campos fez um verdadeiro comício e, em voz alta, bradou que o governo Maggi está uma vergonha e que existem uma enxurrada de dossiês contra a administração estadual.

   "Há uma montanha de dossiê que irá abalar a República". O seu alvo principal foi a secretaria de Infra-Estrutura, cujo secretário é Vilceu Marchetti, indicado pelo PFL. Sentado na poltrona à frente, o secretário de Fazenda, Waldir Teis, fazia de conta que dormia, enquanto, por sua vez, o secretário de Indústria, Comércio e Minas e Energia, Alexandre Furlan, lia uma revista. Fingia que estava alheio ao destempero verbal do senador.

    Enquanto isso, Homero sofria com os impropérios de Jaime, que o acusou de fazer "prospecção" de prefeitos em dificuldades para, depois, o secretário de Educação, Luiz Pagot, vir com "o mangueirão de diesel" para "arrebanhá-los para o PR. Meio sem jeito, Homero tentou se defender, mas o senador pefelista, nas duas horas de vôo, não deixou quase espaço para ele protestar. De bom, o parlamentar republicano ouviu de Jaime que irá se eleger senador da República em 2010, sucedendo o senador Jonas Pinheiro (PFL). "O Jonas não aguenta mais. O Homero será o sucessor dele no meio rural". O Jonas vai para casa depois desse mandato".

JPM sai na defesa da dministração

Auro Ida
Da Redação

   Depois de ouvir as críticas, acusações e as denúncias do senador Jaime Campos, João Pedro Marques tentou defender o governador Blairo Maggi, observando que o chefe doe executivo estadual mandou apurar todas as denúncias que foram feitas contra a sua gestão. "Se tudo que o senhor está dizendo é verdade, tenho certeza que o governador não sabe. Acho que o senhor deveria falar para ele que irá tomar as providências", ponderou.

   "Você está falando isso porque o Teis está aqui", reagiu Jaime Campos. Nesse momento, de acordo com a fonte, Teis acordou momentaneamente e olhou para trás. Sem se importar com o fato, o senador acusou ainda a turma da botina de ser "fominha". Segundo ele, "o povo (membros do governo) quer apanhar tudo. Não deixa nem uma merendinha, nem um cala boca", reclamou. No dia anterior à viagem, Jaime Campos informou a um grupo de pefelista do interior que não indicou ninguém para compor o governo do Estado. "Eu não indiquei. Apenas assinei a indicação do partido", ressaltou. Por isso, segundo ele, não tinha compromisso com o governo Maggi.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Voto a favor e agora contra Congresso

jose medeiros 400 curtinha   O pitbull do governo Bolsonaro, deputado José Medeiros (foto), está pegando carona num protesto, marcado para 15 de março, onde não deveria porque os seus atos não correspondem ao discurso. Medeiros foi um dos parlamentares que aprovaram o orçamento impositivo de R$ 30...

Pátio, "chororô" e chance de reeleição

ze do patio 400 curtinha   Em Rondonópolis, o prefeito Zé do Pátio (foto), com seu estilo populista, adotou a estratégia de se passar por vítima dos grupos políticos. Leva sempre a mensagem para as massas de que é um prefeito rejeitado pela elite política pelo simples fato de estar apoiando os...

Taques nem aí para colegas tucanos

pedro taques 400 curtinha   Caiu a ficha, enfim, da cúpula do PSDB em MT sobre o jogo de cena de Pedro Taques (foto). Os tucanos esperaram até ontem para ver se o ex-governador iria ao partido se pronunciar sobre eventual pretensão em disputar o Senado. Taques deu de ombros para os colegas de partido, que lançaram hoje,...

Campos e tese sobre vice de Emanuel

joacelestino_curtinha_400   Depois de uma reunião na segunda passada, na casa do prefeito Emanuel, com pré-candidatos ao Senado, entre eles, Leitão, Neri, Max, Júlio e Jayme, ficaram conversando de forma reservada o prefeito de Cuiabá e os irmãos Campos. Ali, finalizaram um acordo de cavalheiros para que o...

Recuo do DEM e agora no Republicano

gabriel guilherme 400 curtinha   O DEM terá de excluir da lista de pré-candidatos a vereador pela Capital o nome do jovem Gabriel Guilherme (foto), de 22 anos. Ele optou por se filiar ao Republicano. Lotado na Assembleia como assistente da Secretaria de Orçamento e Finanças e filho do ortopedista Paulo Fonseca...

Galvan vai deixar PDT e ir pra o PRTB

antonio galvan 400 curtinha   Embora não tenha perdido de vistas o Aliança pelo Brasil, partido que está sendo criado por Bolsonaro, Antonio Galvan (foto), presidente da Aprosoja e que acabou levado à frigideira dentro do PDT em meio ao embate por tentativa de candidatura ao Senado, se mostra disposto a ingressar no...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.