Últimas

Domingo, 04 de Março de 2007, 17h:38 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

LEGISLATIVO

Homero quer transformar produtor em ambientalista

   Em seu primeiro discurso da tribuna da Câmara, o deputado Homero Pereira (PR), integrante da bancada ruralista, defendeu uma relação harmônica entre a produção e o meio ambiente. Quer transformar os ativos ambientais em crédito para remunerar o produtor que preservar áreas intactas em suas propriedades. Segundo o parlamentar mato-grossense, a intenção é desestimular a derrubada desenfreada de árvores, de modo a não causar prejuízos ao meio ambiente e, ao mesmo tempo, atender a demanda do produtor.

    O discurso do deputado, feito na última quinta (1º), despertou atenção de ambientalistas. Fábio Feldmann, por exemplo, conversou com Homero e se mostrou interessado na proposta. Ambientalista, advogado, militante do Partido Verde e conhecido nacionalmente por ter instituído o rodízio de veículos na cidade de São Paulo, em 1996, Feldmann adiantou que, a partir da sugestão de Homero, vai buscar parceria com os produtores.

   Após o discurso, Homero Pereira também foi procurado pelo diretor de Políticas Públicas da Ong Greepeace, Sérgio Leitão, para quem é possível fazer um trabalho conjunto entre a classe produtora e ambientalistas em favor da biodiversidade. "Temos que valorizar a rica natural do Brasil. Os interessados na conservação dos biomas poderiam negociar cada hectare preservado como hoje é feito no mercado de crédito de carbono. Dessa forma, os produtores, os quais convivem e dependem da terra, se transformariam em uma legião de ambientalistas", defende o deputado.

    Homero enfatiza, por meio de assessoria, que é preciso encontrar soluções duradoras à agropecuária, atividade responsável pelo trabalho e renda de milhares de pessoas em várias regiões, como em Mato Grosso, além de criar instrumentos capazes de reduzir o desmatamento, um dos responsáveis pelo aquecimento global.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Máquinas para reciclar garrafas pets

maquina 400 curtinha   Sob iniciativa da secretaria de Inovação e Comunicação da Capital, dentro dos projetos que buscam a sustentabilidade, a prefeitura vai colocar máquinas de reciclagem de garrafas pets em 15 pontos da cidade e com possibilidade de ampliar os locais de recolhimento. Em troca, o cidadão...

4 fora da reeleição em Rondonópolis

jailton 400 vereador curtinha   Em Rondonópolis, quatro dos 21 vereadores não devem ir à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (DEM), Rodrigo da Zaeli (PSDB), Hélio Pichioni (PSD) e Jailton do Pesque e Pague (foto), do PSDB. Thiago e Rodrigo têm esperanças de concorrer a...

Prefeito apoia vice à briga em Cáceres

eliene liberato 400 curtinha   Francis Maris vai mesmo declarar apoio oficial à pré-candidatura da empresária Eliene Liberato à sucessão em Cáceres. Em público, o prefeito faz mistério para não contrariar outros pretensos candidatos do grupo e que têm esperanças de receber...

Preparando um dos aliados a federal

mauro carvalho 400 curtinha   Embora não comente publicamente, o governador Mauro Mendes está "costurando" acordos políticos com líderes mais próximos, visando não só o pleito de 2020, mas também às eleições gerais de 2022. Em época de busca de projetos e de...

Salvando 1º ano de mandato no cargo

selma arruda 400 curtinha   Embora "sangrando" e com a imagem arranhada, a juíza aposentada e senadora cassada pelo TRE-MT Selma Arruda, que trocou o PSL pelo Podemos, consegue concluir este primeiro de oito anos de mandato. E vai se licenciar nos próximos dias para ceder espaço aquele que financiou a sua campanha,...

Barbudo é menos empreguista de MT

nelson barbudo 400 curtinha   Dos oito deputados federais de MT, o estreante Nelson Barbudo (foto) é o menos "empreguista". Nestes 10 primeiros meses de mandato, ele nomeou no gabinete em Brasília e no escritório político em Cuiabá apenas 15 assessores. Cada gabinete pode ter até 25 secretários...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.