Últimas

Domingo, 18 de Outubro de 2009, 10h:51 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

HUMOR

Inflação, juro, desemprego e corrupção matam o país

  Apesar de estar sob controle, a inflação é um fantasma que volta e meia assusta. Há preocupação quanto ao risco de instabilidade da moeda e com elevação de juros. No dia-a-dia, o brasileiro costuma ver outros fantasmas, como os do desemprego, da corrupção e da violência. Juntos, destrõem o país. Viram inimigos do povo. De todo modo, a confiança dos brasileiros voltou aos níveis pré-crise quanto à oferta de emprego, aumento da própria renda e endividamento.

   Nem uma marolinha, como chegou a prever o presidente Lula, nem um tsunami, como esperavam muitos empresários. É assim que analistas descrevem o resultado da crise no Brasil, pelo menos até o momento. Um ano depois da quebra do banco de investimentos Lehman Brothers, alguns indicadores econômicos, entre eles o crédito e o desemprego, voltaram aos níveis pré-turbulência, mas nem tudo são flores: as exportações estão menores e a dívida pública não para de subir.

    Ainda é cedo para análises conclusivas sobre o impacto da crise no país, já que alguns indicadores podem levar mais tempo para mostrar os sinais da turbulência. No entanto, já é possível ter uma ideia de como o país vem se comportando com seus indicadores sociais, econômicos e políticos. Afinal, houve recuperação? Onde? Por quê?

--------------------------------------------------------------------------------------
Clique no play e confira, numa paródia de Amigos do Peito, canção da Turma
do Balão Mágico, quais são os ingredientes que, juntos, acabam com o país

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • waldecy | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    gostei muito divertido bem bolado!

Fernanda em almoço com Bolsonaro

fernanda 400 bolsonaro curtinh   A coronel Fernanda, candidata à senadora pelo Patriota, almoçou com Bolsonaro nesta sexta, em uma fazenda, em Sorriso. A militar foi a única que teve o apoio declarado do presidente na eleição suplementar ao Senado que acontece em 15 de novembro. Mais cedo, por volta das...

Prefeita cobra duplicação e ferrovia

rosana_curtinha   A prefeita de Sinop Rosana Martinelli aproveitou a visita do presidente Jair Bolsonaro na Capital do Nortão para cobrar uma solução para a duplicação da BR-163, sob concessão, e também pediu empenho na Ferrogrão e a implementação de porto seco na cidade. O...

Podemos se alia à esquerda em Barra

sandro saggin 400 curtinha   O direitista Podemos, comandado no Estado pelo deputado Medeiros, fechou coligação com partidos de extrema esquerda em Barra do Garças, como PC do B, PT e Pros. Sandro Saggin (foto), até então pré-candidato a prefeito pelo Pode, recuou e compôs com o grupo liderado pelo...

Coordenador quer mostrar obras de EP

vanderlucio curtinha   Coordenador da campanha de Emanuel Pinheiro à reeleição, Vanderlúcio Rodrigues (foto) garante que o grupo vai focar na divulgação de propostas e não fará ataques pessoais aos 7 adversários. O ex-secretário de Obras Públicas avalia que o grupo...

Tucano ainda com sequelas da Covid

ricardo saad curtinha 400   O vereador cuiabano e presidente do PSDB na Capital, Ricardo Saad (foto), segue na luta para reverter as sequelas deixadas pela Covid-19. Mesmo Dois meses após ser infectado, diz que 53% do seu pulmão ainda está comprometido e que, por isso, sente muita falta de ar. Candidato à...

Tentando golpe político em Tangará

amauri 400 curtinha   O deputado estadual Paulo Araújo (PP) sofreu uma tentativa de golpe vinda de uma pessoa em quem ele confiava totalmente, o seu ex-assessor Amauri Paulo Cervo (foto). Até há poucos dias, Amauri estava lotado no gabinete do deputado, na AL, quando se licenciou com intenção de concorrer...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você está animado para votar nas eleições de novembro?

sim

não

nem sei!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.