Últimas

Segunda-Feira, 02 de Junho de 2008, 12h:57 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

RONDONÓPOLIS

Irmã revela que Muniz deve concorrer a prefeito

  A empresária Ádria Muniz revelou nesta segunda (2) que, dependendo do resultado de uma pesquisa Vox Populi, a ser apresentada nesta semana, o seu irmão Percival Muniz (PPS) deve entrar oficialmente na disputa à Prefeitura de Rondonópolis. Ex-prefeito por dois mandatos, Muniz ocupa hoje mandato de deputado estadual. Até então, ele estava determinado a apoiar o peemedebista Zé do Pátio, mas começaram a entrar em conflitos. A tendência é das oposições racharem, com duas candidaturas, a de Pátio, com apoio do tucano Rogério Salles e, agora, a de Percival Muniz. O prefeito Adilton Sachetti (PR) buscará a reeleição.

   Questionada se Muniz não descumpriu acordo, já que antes anunciou que apoiaria Pátio e que não seria candidato, Ádria Muniz argumenta que todos os discursos do irmão sempre pontuaram no sentido de que poderia aderir a candidatura do peemedebista e que Pátio, por sua vez, também admitia recuar. O termômetro seria o resultado de uma pesquisa neste mês de junho. Em princípio, o acordo seria a tríplice-aliança lançar o melhor nome que aparecesse nas amostragens entre Pátio, Muniz ou Rogério Salles (PSDB).

  Ádria observa que surgiram fatos novos, o que acabaram por comprometer o projeto da oposição de marchar de forma harmônica rumo à eleição. Lembra que antes do Carnaval o PMDB começou a se articular para emplacar a ex-deputada Teté Bezerra como secretária de Estado, uma sinalização da reaproximação do PMDB com o PR do governador Blairo Maggi e do prefeito rondonopolitano Adilton Sachetti. "Aí, começou a ter problema porque o propósito do grupo não seria se unir ao PR".

   Depois, conta Ádria Muniz, o cacique peemedebista Carlos Bezerra declarou, em entrevista, que o partido iria conquistar a prefeitura com Zé do Pátio e que em 2010 o time já estava escalado. Seria Silval Barbosa candidato a governador, o próprio Bezerra ao Senado, Teté a deputada federal e Rogério Salles a estadual. "Nesse caso, o Percival ficaria de fora e inclusive sem indicação, sequer, para vice". Diz que Bezerra mandou avisar, também em entrevista, que "quem não estivesse com o PMDB iria apanhar igual cachorro de Bororo (numa referência a índios Bororo da região)".

  Como o PMDB chamou para si o debate, Ádria Muniz avalia que o PPS sentiu-se no direito de buscar projeto próprio. Conta que o deputado socialista chamou Pátio e Salles para o diálogo e alertou que o projeto estava individualizado e que seria necessário um levantamento científico, ou seja, uma pesquisa quantitativa e qualitativa para detectar o melhor nome à disputa a prefeito. Zé do Pátio, conta a empresária, saiu da reunião e no dia seguinte o PMDB recusou a proposta, achando que Percival Muniz poderia sair vitorioso na pesquisa interna. "Se o Zé do Pátio está liderando as pesquisas porquê tanto temor! O PPS entendeu, então, que pode ter projeto próprio. Isso fortalece as candidaturas a vereador e também ajuda no projeto para 2010. Do jeito que está, se o PPS ganha com o PMDB é prejuízo maior do que se perder sozinho. Diante disso, propomos para o Percival ser o candidato. É melhor do que ser coadjuvante".

   Polarização

   Na avaliação de Ádria Muniz, as pesquisas mostram que o nome do ex-prefeito é competitivo. "Percival pode competir de igual-por-igual. A candidatura é viável, tanto que começou a receber apoio de diferentes segmentos". Ela observa que a tendência é de Muniz concorrer à sucessão do prefeito Sachetti. "O vácuo continua. Vamos entrar com humildade, com pé no chão e sem muitas pretensões. O PPS não pode perder essa oportunidade". De acordo com Ádria, Zé do Pátio é querido pela população, mas alerta que "isso não quer dizer que seja garantia de voto".

  Para ela, o nome de Muniz deve polarizar a disputa ou com o próprio Pátio ou com Sachetti. "Aí, quem vai avaliar é o povo". Adianta que o DEM de Rondonópolis demonstra simpatia para apoio a Muniz. "O Percival não tem obrigação de apoiar o Zé. Além do mais, estão surgindo fatos mais graves: o PMDB já dá sinais no sentido de se juntar ao PR", diz.

   Ádria contesta a matéria "Muniz rompe e conspira para lançar candidatura". Entende que os rompimentos políticos por parte do irmão se deram quando esses grupos já estavam no poder, uma demonstração de que, na sua avaliação, Muniz não se encanta com as benesses do poder. "A maioria dos grupos, como do Bezerra, do Wellington Fagundes e do PT, encostaram no poder. Já o Percival faz o contrário. Então, essa é uma atitude salutar dele".

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • Paulo Henrique | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Adria tome vergonha!Percival não se afastou do poder, Blairo que demitiu ANA CARLA E não quer percival perto dele , pois sabe que o ex-prefeito só joga baixo e com chantagem e tem curriculo de Trair muito extenso.

  • Luiz Antonio Saturnino | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0



    È isso mesmo, o Deputado Perciival parece que não tem apego ao Poder, pois sempre quando ajuda os outros a ganharem, em seguida rompe. Se tivesse ficava aguentando cobras e lagarto e continuava esperando pelas migalhas dos que realmente têm o poder.

    Tá na hora do povo independente de Rondonópolis construir um projeto para a cidade, longe do Bezerra e do seu afilhado Zé do Pátio e do Seaguetti botinudo. Percival é a quebra disso tudo. É a certeza de que eles estarão fora, deixando Rondonópolis continuar a crescer de forma justa.

  • a | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    o zé é o bambambam, por que esta querendo o apoido do muniz, fique com o bezerra

  • Pedro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0



    ...a candidtura de Percival Muniz, só favorece um grupo político!!! o atual grupo (da botina)...mas isso não é tudo, pois todos sem Rondonópolis tem essa avaliação ....agora o pior disso tudo está cheirando fritura!!! lembram se o inferno astral q

  • Marcio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ISSO ERA CLARO. O LARANJA-DE-OURO TRAIDOR.
    VAI PERDER !

  • Paulo O. Junior | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Percival leva uma vantagem sobre os concorrentes, trabalha muito, conhece essa cidade, gosta de politica e sabe fazer politica, e so olhar o que ele fez nas ultimas campanhas.... Acho ainda que essa campanha deve contar ainda com o responsavel pelas vitorias de percival e adilton nas ultimas eleicoes o marqueteiro Francisco de Lagos, novidades devem surgim em breve.

  • joao puba neto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    esse percival é um mestre em trairagem, em trair todo mundo, é um falso. mato grosso não merece uma figura dessa. esse sujeito conversa dele e risco na agua , é a mesma coisa.

  • Rodrigo Duarte | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ze Carlos do Patio nao é candidato,vai apoiar Adilton Sacheti,a mando do Cel.Carlos Bezerra.

    Blairo Senador.E Silval Governador,isso que Bezerra planeja,com Tete de Vice.

    Ja que Pagot disse que nao sera candidato a Governador,contra Jayme Campos.

    Entao,Silval sera o candidato de Maggi ao Governo em 2010.

  • CarlosOliveira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O pessoal do zé agora fica batendo no Percival.. É demais isso pra mim. Como eles querem o apoio se todos os dias escuto pessoas ligadas ao PMDB falando mal do Muniz?

    Na eleição pra deputado já jogaram baixo, agora vem querer bater, mas ao mesmo tempo ter o apoio, POIS TODOS SABEM QUE ESSA PESQUISA (VOX POPULI) VAI DAR PERCIVAL MUNIZ COMO O MAIS COMPETITIVO, AI ZÉ SE DESESPERA, ADILTON SE DESESPERA...

    E A VERDADE É UMA SÓ... O PERCIVAL NÃO APOIA A TURMA DA BOTINA DE JEITO NENHUM (JÁ FOI FALADO ISSO, ELES SACANEARAM MUITO TANTO A ANA CARLA COMO O PERCIVAL) AI SOBRA PROJETO PROPRIO, OU ZÉ DO PÁTIO.

    E QUEM O PERCIVAL MUNIZ APOIAR VAI GANHAR A ELEIÇÃO. A VERDADE É ESSA, NÃO ADIANTA CONTESTAR. QUEM VAI NOS BAIRROS SABE O QUANTO O PERCIVAL MUNIZ É QUERIDO.

  • Vinicius Braga | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Romilson, aqui no site todos tem acesso a escrever quantas opniões quiserem, fazendo pseudonimos ou não. Na minha opinião isso não engrandece o debate político e não mostra a verdade popular.

    Não estou aqui pra defender este ou outro candidato, afinal estamos numa democracia, todos são livres para expressar sua opinião.

    Essa semana me falaram que vai sair uma pesquisa do Instituto Vox Populi. O instituto, segundo me informaram, nunca errou nas pesquisas das últimas eleições em Rondonópolis.

    Portanto, essa semana saberemos quem será o possível verdadeiro prefeito de Rondonópolis, caso a conjuntura política não mude.

    PS.: espero que você divulgue a pesquisa aqui no seu site, caso tenha acesso.

    Grato

2 da AL em chapas distintas à AMM

nininho 400   Dois deputados estaduais estão divididos em chapas de honra da eleição da AMM, que acontece no próximo dia 15. O curioso é que Ondanir Bortolini, o Nininho (foto), filiado ao PSD e hoje presidente de honra da entidade comandada pelo segundo mandato consecutivo por Neurilan Fraga (PL), caiu fora da...

Trentini perde de novo para Pitucha

roland trentini 400 curtinha   Na queda-de-braço nos bastidores, o ex-prefeito por três mandatos de Alto Garças, Roland Trentini (foto), perdeu de novo para o rival político histórico, o também ex-prefeito Júnior Pitucha. Ambos, que já protagonizaram disputas acirradas, tensas e...

2 maiores líderes sob crise partidária

mauro mendes 400 curtinha   Os dois maiores chefes de Executivos em MT hoje enfrentam problemas partidários internamente. O governador Mauro Mendes (foto), mesmo sendo a principal estrela do DEM no Estado, não está confortável dentro do partido por causa de conflitos com os irmãos Júlio e Jayme Campos....

MM e deputados derrotados do MDB

carlos bezerra 400 curtinha   Por coincidência, deputados do MDB que tiveram seus candidatos derrotados nas urnas estão de afagos com o governador Mauro. E até convidaram-no para deixar o DEM e migrar para o MDB, numa articulação do cacicão do partido, o federal Carlos Bezerra (foto), que puxou a corda da...

Os Maia fincam força no Legislativo

silvio maia 400   O ex-prefeito por quatro vezes de Alto Araguaia, Maia Neto, perdeu nas urnas na majoritária, mas ganhou na proporcional. De um lado, a irmã Martha Maia, seu braço-direito durante todos os mandatos, foi derrotada à prefeita por Gustavo Melo, que se reelegeu. Por outro, Maia Neto viu dois dos seus...

Reeleito, Gustavo derruba o clã Maia

gustavo melo 400   O jovem prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), de 36 anos, manteve mesmo o "apertado" favoritismo, conforme mostrou na reta final a pesquisa do instituto Analisando, e derrotou o clã Maia. Venceu por 962 votos de diferença. Filiado ao PSB, Gustavo chegou a 4.805, enquanto Martha Maia (PP) registrou 3.840...