Últimas

Quarta-Feira, 25 de Abril de 2007, 14h:12 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

OPERAÇÃO LACRAIA

Jaime faz pronunciamento; assessora some do gabinete

   Cinco dias depois da Operação Lacraia, o senador Jaime Campos (DEM), que teve o nome envolvimento numa conversa telefônica comprometedora entre duas acusadas presas, resolve se pronunciar. O parlamentar preparou um discurso, com aval do seu marqueteiro Paulo Leite, e subirá à tribuna na sessão vespertina desta quarta para se defender da acusação de tráfico de influência junto ao Superior Tribunal de Justiça para supostamente garantir Helena Jacarandá à frente do Cartório de Registros de Imóveis de Barra do Garças.

   Jaime fará pronunciamento após a sessão, presidida pela petista Serys Marly, em homenagem aos 45 anos de fundaçao da Universidade de Brasília (UnB). O democrata negará qualquer ligação com o esquema de grilagem de terras, fraudes cartorárias e crimes contra o sistema financeiro. Mais de 30 pessoas foram presas na Operação Lacraia.

     O nome de Jaime foi citado no caso por meio de interceptação telefônica entre a corretora de imóveis Lucélia Parreira e Maria de Lourdes Dias Guimarães, ambas presas pela PF. Lucélia, seguno o Ministério Público Federal, era braço-direito da ex-tabeliã Helena Jacarandá, que também está presa. Na curta gravação, o nome de Jaime é citado como "político forte" e "que conseguiu". Em outra gravação, Cristine Jacarandá, lotada no gabinete de Jaime, conversa com a mãe Helena Jacarandá, fala em acordos espúrios e afirmou que o senador ficou contente por ela ter reassumido o posto de tabeliã.

   Jaime dirá ainda, em seu pronunciamento no Senado, que cinco ministros do STJ se manifestaram no processo que se arrasta desde 2001, envolvendo o nome de Helena Jacarandá. Esse fato já seria, por si só, segundo o parlamentar, suficiente para provar que não tinha como praticar tráfico de influência, como acusa no pedido de investigação o procurador da República, Mário Lúcio Avelar.

    No gabinete

    A filha de Helena da Costa Jacarandá, que foi presa na Operação Lacraia, Cristine Jacarandá, não voltou mais ao gabinete de Jaime Campos desde a última segunda-feira, assim que o caso "estourou".  Ela foi nomeada pelo senador em fevereiro deste ano, a partir da indicação da ex-deputada federal Celcita Pinheiro (DEM). Antes, Cristine atuou como chefe de gabinete por oito anos da própria Celcita.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

4 fora da reeleição em Rondonópolis

thiago muniz 400 curtinha   Dos 21 vereadores de Rondonópolis, somente quatro não vão à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (foto), agora no DEM, Hélio Pichioni (PSD), Jailson do Pesque-Pague e Rodrigo da Zaeli (ambos do PSDB). Eles garantem se tratar de um caminho sem volta. Destes, dois tentam...

Redes sociais, lives e efeito colateral

Em tempo de coronavírus, as redes sociais têm sido fundamentais para disseminar informações. As plataformas são utilizadas, por exemplo, para realização de coletivas, mas, nesta segunda (6), houve um efeito colateral. O governador Mauro Mendes e o secretário de Saúde Gilberto Figueiredo foram "vítimas" de ferramenta de animação do Facebook. Os dois falavam sobre ações para combater a doença...

DEM agora sem amarras dos Campos

frankes siqueira curtinha 400   Sem o controle absoluto dos Campos, como nas últimas duas décadas, desde quando era PFL, o DEM, que não elege vereador em Cuiabá desde 2004, vive melhores expectativas, agora sob comando da ala ligada ao governador Mauro. É presidido pelo secretário de Estado de Governo,...

O pulo de Elias do PSDB para o DEM

elias santos 400 curtinha   Elias Santos (foto), irmão do deputado Wilson, agiu como estrategista na construção de sua pré-candidatura a vereador por Cuiabá. Concluiu que teria mais dificuldades de obter êxito nas urnas no PSDB porque os dois vereadores tucanos que vão à...

DEM e voz na Câmara após 16 anos

marcelo bussiki 400 curtinha   O DEM (antigo PFL) passa a ter voz na Câmara da Capital 16 anos depois. Aproveitando a janela de março em que a Justiça Eleitoral permite mudança de legenda sem risco de perda do mandato, dois vereadores migraram para o Democratas, sendo eles Marcelo Bussiki (foto) e Gilberto Figueiredo, que...

MDB agora com 2 na Câmara-Cuiabá

juca do guaran� curtinha 400   O MDB do prefeito Emanuel Pinheiro, que não elegeu vereador em 2016 em Cuiabá, agora ganha duas vozes na Câmara. Tratam-se de Juca do Guaraná (foto), militante histórico do nanico Avante que resolveu migrar para a legenda emedebista, e do recém-empossado...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.