Últimas

Sábado, 14 de Julho de 2007, 10h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

Artigo

Jornalista afirma que ex-senador alimenta fuxico

     Em artigo, o jornalista cuiabano Ivaldo Lúcio comenta a indicação do nome de Luiz Pagot para o cargo de diretor-geral do Dnit e acusa o ex-senador Antero de Barros de prestar desserviço ao se opor ao pleito do ex-secretário do governo Blairo Maggi. Ivaldo relembra a história da família Paes de Barros e dispara contra o presidente do PSDB de Mato Grosso. "Agora sem mandato, o senhor Antero alimenta uma central de fuxico distribuindo dossiês tentando impedir a nomeação de Pagot para a presidência do Denit.
Com isso perdem Mato Grosso, o povo, e ele próprio".

    Clique aqui ou leia logo acima à esquerda, na seção Artigos, os comentários do jornalista Ivaldo Lúcio.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Antonio Luiz de Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Essa história do pagot já está enchendo o saco. O pior são aqueles que acobertando certos interesses vivem repetindo de que quem ganha com a nomeação do pagot é mato grosso. Será? têm gente que pensa que ele vai poder investir toda a grana do dnit somente aqui em mato grosso. É aquele velho ditado "uma mentira sendo dita várias vezes por algumas pessoas acaba virando verdade". Não sou contra a nomeação de quem esteja apto a exercer qualquer cargo. todavia, temos que refletir sobre as acusações sobre o Pagot, de acumular dois empregos, o que para os servidores públicos é proibido. Agora, se para ele não é crime, então, pode liberar para todos os servidores estaduais exercerem também duas atividades ao mesmo tempo. A justiça não é para todos???

  • ELIFAS JOSE RIBEIRO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESTE CIDADÃO IVALDO LUCIO QUE SE DIZ JORNALISTA ELE DEVE ESTAR NA CONTRA-MÃO DA HISTORIA, ELE DEVERIA "IMITAR" ARNALDO JABOR,MERVAL PEREIRA, LUCIA HIPOLITO,SÃO JORNALISTA QUE FALAM O QUE O POVO SENTE NÃO TEM COMPROMISSO POLITICO COM NINGUEM, SE SENHOR QUER DEFENDER O PAGOT TUDO BEM,AGORA COMO JORNALISTA DEFENDA A LEI QUE PROIBE O FUNCIONARIO PUBLICO DE EXERCER DUAS ATIVIDASES AO MESMO TEMPO, SE BEM QUE O SENHOR DEVE ESTA FALANDO PELA BOCA DE ALGUEM, MAS O JORNALISMO É OU ÉRA O QUARTO PODER DA DEMOCRACIA? EM TEMPO: EU Ñ SOU ELEITOR DO EX-SENADOR.

  • Antonio Carlos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Tudo isso aconteceu por um acordo feito a epoca que o senhor Carlos Brito era secretario da casa civil do governo Blairo Maggi e decidiu ajudar antero e dante, riva e bosaipo que estavam elamiados pela corrupção nos oito anos de dante. deu no que deu.... pouparam os "homens" agora estão levando "ferro" deles. E bom pro Blairo, pagot e Carlos Brito aprender. em politica nao se dve poupar nimguem... mais dias menos dias os viloes viram mocinhos e vice versa.

  • Marcelo Alves | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    EU NÃO TENHO AFINIDADE COM O SR ANTERO, O PSDB, NEM POR POLÍTICA PRA DIZER A VERDADE.
    MAS GENTE, O TAL DO PAGOT FOI PEGO COM A MÃO NA MASSA. ERA NOMEADO NO SENADO GANHANDO 10 MIL POR MÊS, SENDO QUE NA VERDADE TRABALHAVA NA HERMASA A MAIS DE MIL QUILÔMETROS DE DISTÂNCIA.
    FUNCIONÁRIO FANTASMA É POUCO. QUERIA VER SE FOSSE AO CONTRÁRIO, ELE RECEBECE DA HERMASA E DESSE EXPEDIENTE NO SENADO.
    MAS PARECE QUE O DINHEIRO DO POVO Ñ TEM DONO.
    AÍ VEM ESSE JORNALISTA E ESCREVE ESSE ARTIGO PRA PUXAR SACO DESCARADAMENTE.
    POXA, POR FAVOR, NOS POUPE DESSE PUXASAQUISMO.

  • Clovis Epaminondas dos Santos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não vejo o Ivaldo Lúcio na contra mão da história, nem tão pouco como puxa saco, acontece que Mato Grosso carece de pessoas exercendo cargos importantes do Governo Federal, coisa que não tem acontecido por incompetência dos seus representantes no Congresso Nacional.
    E, quando alguém é indicado pelo Governador, ficam enciumados, especialmente aqueles que são oposição, foram executores e legisladores como é o caso do ex-senador Antero Paes de Barros, que ficou alguns anos no senado e não produziu nada.
    Ivaldo, parabens pelo artigo, você analisou o ex-senador com propriedade.
    Quanto ao indicado para o DENIT, Luiz Antônio Pagot, tenho certeza que é competente e irá desenvolver um trabalho em nível nacional que irá suprir a deficiência do governo Lula no setor.

    Clovis Epaminondas

Governo "desmama" senador do Dnit

wellington fagundes 400   O Governo Bolsonaro conseguiu, enfim, "desmamar" Wellington Fagundes (foto) do Dnit. Há décadas, entra e sai governo e o ex-deputado federal por seis mandatos (24 anos) e no cargo de senador desde 2015 vinha indicando apadrinhados no cargo de superintendente regional do Dnit em MT. O último foi Orlando...

Ex-deputado demitido de assessoria

luiz soares 400   O ex-deputado Luiz Soares (foto), hoje com 63 anos, foi exonerado do cargo de assessor parlamentar do contemporâneo Wilson Santos. Ganhava quase R$ 10 mil brutos. Estava lotado no gabinete do deputado tucano havia quase dois anos. Soares é pensionista do extinto Fundo de Assistência Parlamentar, ganhando...

Arsec concede reajuste; prefeito veta

alexandro adriano arsec 400   No último dia 22, a diretoria-executiva colegiada da Agência Municipal de Regulação de Serviços Públicos Delegados de Cuiabá (Arsec), presidida por Alexandro Adriano Lisandro (foto), aprovou índice de reajuste de 2,21% nas tarifas de água e esgoto. E...

Novo ensaio do privilegiado Neurilan

neurilan fraga 400   Neurilan Fraga (foto) transformou mesmo a AMM não apenas num cabide de emprego, mas numa entidade para, em alguns casos, atender a seus interesses pessoais. Ali, investido no cargo de presidente, inclusive já pelo quarto mandato, mesmo não sendo mais prefeito, ele se articula politicamente o tempo todo....

Dobradinha no Podemos pela reeleição

claudinei 400 curtinha   Eleito deputado na onda Bolsonaro, o delegado de Polícia Claudinei de Souza Lopes (foto) resolveu deixar o PSL e vai se abrigar no Podemos. Sonha com a reeleição. Sua estratégia é trabalhar o que se chama de dobradinha eleitoral com o deputado federal José Medeiros, especialmente em...

Valtenir atrai lideranças para o MDB

valtenir pereira 400   Mesmo sem mandato eletivo, o ex-vereador pela Capital e ex-deputado federal Valtenir Pereira (foto) continua se articulando nos bastidores, agora pelo fortalecimento do seu partido, o MDB. Ele está convencendo algumas lideranças a se filiar na legenda emedebista. Dois líderes são prefeitos...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.