Últimas

Segunda-Feira, 11 de Janeiro de 2010, 12h:50 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

INVESTIGAÇÃO

Juíza do RS condena ex-deputado e multa Vedoin

O ex-parlamentar disse achar um absurdo decisão de juíza já que MT e DF não levaram adiante

    Embora em Mato Grosso e no Distrito Federal as acusações contra o ex-deputado federal Érico Ribeiro (PP) tenham sido arquivadas por sugestão do próprio Ministério Público, no caso da máfia das ambulâncias, desbaratada em 2006 pela Polícia Federal, o ex-parlamentar foi condenado pela 2ª Vara Federal em Porto Alegre. Terá de devolver R$ 10 mil e pagar multa de R$ 30 mil. É o que revela o jornal Zero Hora desta segunda (11). A decisão da 2ª Vara Federal também condena o empresário mato-grossense Luiz Antônio Vedoin, acusado de, junto com o pai Darci Vedoin, da Planam, liderar esquema de compra superfaturada de ambulâncias para os municípios a partir de emendas junto ao Orçamento Geral da União. Na mesma sentença, Luiz Vedoin foi condenado a pagar R$ 30 mil. Já o pai Darci e o sócio Flávio Santos Silva se viram livres do pagamento de multa.

   De acordo com o jornal gaúcho, o ex-parlamentar teve os bens bloqueados e os direitos políticos suspensos por 10 anos. Conforme a decisão da juíza substituta, Paula Beck Bohn, Ribeiro fica proibido de participar de qualquer processo de licitação pública. O jornal conta ainda que o progressista é acusado de ter apresentado, em troca de propina, emendas ao orçamento da União para beneficiar a empresa Planam, que mantinha sede no Distrito Industrial de Cuiabá. O esquema manipulava licitações de ambulâncias, que eram superfaturadas.

    Em entrevista ao Zero Hora, o ex-deputado afirmou que entrará imediatamente com recurso para anular a decisão que, segundo ele, é “completamente estapafúrdia”. Ribeiro ressaltou ainda que as denúncias foram arquivadas em Mato Grosso e no Distrito Federal por sugestão do Ministério Público. “Foi lá que os fatos ocorreram e me consideraram inocente. Agora a Justiça de Porto Alegre acata essa acusação baseada em jornais? É um absurdo tão grande que não acredito que tenha ocorrido”, afirmou.

    Em MT

    A Operação Sanguessuga desbaratou há quatro anos um esquema de fraudes na saúde. Conforme a Polícia Federal, a quadrilha, comandada pela Planam, negociava com parlamentares e assessores emendas ao Orçamento para municípios em troca de propina. O grupo manipulava licitaçõe, principalmente de ambulâncias, que eram superfaturadas. Entre os acusados de Mato Grosso, entraram na lista vários deputados, ex-parlamentares, prefeitos e ex-prefeitos, como Wilson Cargnin, de Nova Canaã do Norte. Responde por adquirir ambulâncias superfaturadas dos Vedoin. O deputado federal Pedro Henry é um dos acusados.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • edivan campos | Segunda-Feira, 11 de Janeiro de 2010, 21h15
    0
    0

    edivan campos, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Rafael Costa | Segunda-Feira, 11 de Janeiro de 2010, 17h44
    0
    0

    Olha o deputado pedro henry só não apareçeu ainda na lista de convocação da seleção brasileira...isso é uma vergonha um deputado cassado continuar no cargo,que brasil é este que estamos vivendo....fora PH....

  • alessandro | Segunda-Feira, 11 de Janeiro de 2010, 14h32
    0
    0

    O Ministério Público não tem esse poder de considera-lo inocente. Certamente foi uma sugestão bem articulada. E pelo que sei nenhum juís é louco ao ponto de condena-lo sem provas concretas. Meus parabens ao Judiciario do RS, mais uma vez demonstrando pq é um dos melhores do País.

Cáceres, lockdown e frases de alerta

francis maris 400 curtinha   Em Cáceres, o prefeito Francis Maris (foto) decretou lockdown desde a última segunda, dia 29, como forma de forçar os moradores a permanecer em casa para conter o avanço da Covid-19. Mas as medidas restritivas não estão surtindo tanto efeito na prática. Muitos continuam...

4 prefeitos de MT com coronavírus

luiz binotti 400 curtinha   Pelo menos quatro prefeitos em Mato Grosso já foram diagnosticados com Covid-19. O caso mais recente envolve Luiz Binotti (foto), de Lucas do Rio Verde. Ele aguarda resultado de exames, mas já se encontra em isolamento domiciliar. Com sintomas do novo coronavírus, Binotti decidiu ficar em casa. De um...

Forçando cuiabanos a ficar em casa

emanuel pinheiro 400 curtinha   Acuado por causa do avanço dos casos de Covid-19, o que tem provocado colapso na rede pública de saúde, principalmente em Cuiabá, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) decidiu adotar medidas mais restritivas para conter circulação e aglomerações de pessoas,...

Relação tensa e agora sem assessores

niuan ribeiro 400 curtinha   A relação política entre o prefeito Emanuel Pinheiro e o vice Niuan Ribeiro (foto), em Cuiabá, deve azedar ainda mais. Ambos estão rompidos politicamente desde o ano passado. Niuan, que atua no 6º andar do Palácio Alencastro de olho nas ações de Emanuel, que...

PEC da Previdência na pauta nesta 5ª

dilmar dal bosco 400 curtinha   A polêmica e controversa PEC da Previdência, apresentada pelo governador Mauro, deve ser apreciada nesta quinta, em primeira votação, pelos deputados. O Executivo conseguiu os votos mínimos necessários para conseguir aprovação. Deputados da oposição...

Caminho bem consolidado à reeleição

leonardo 400 curtinha   Dos prefeitos que podem ir à reeleição de cidades pólos, o que encontra situação mais confortável é Leonardo Bortolini, o Léo (foto), de Primavera do Leste. Bem articulado e habilidoso politicamente e com uma relação extensa de obras e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Até dezembro, o IFMT terá eleição para Reitoria. Quem você acha que será eleito dos candidatos abaixos?

Deiver Alessandro

Julio Santos

Nenhum deles

Não tenho ideia

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.