Últimas

Terça-Feira, 27 de Novembro de 2007, 08h:25 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

ARTICULAÇÃO

Júlio antecipa saída do TCE e volta a ser cacique

   O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, Júlio Campos, vai mesmo voltar à militância político-partidária. Retomará à condição de cacique político do grupo do DEM (ex-PFL) quase três décadas depois e já concorrerá à Prefeitura de Várzea Grande, por onde começou na vida pública. Ele já foi prefeito, governador, deputado federal e senador.

    Seu retorno frustra a expectativa do deputado e médico Wallace Guimarães, que estava convicto de que seria o candidato democrata à sucessão municipal e, por outro lado, alegra a turma da botina, grupo do governador Blairo Maggi. Ocorre que a cadeira vitalícia de Júlio no TCE já está negociada para o secretário de Estado de Fazenda, Waldir Teis.

    A tendência é de Júlio antecipar sua aposentadoria. Ele tem a prerrogativa de deixar o TCE até seis meses antes das eleições, o que seria em abril. Como as negociações com Maggi avançaram no sentido deste desocupar a vaga para Teis, o processo deve ser antecipado já para este mês de dezembro. Numa só serão, o Pleno pode aprovar duas aposentadorias, a de Júlio e a de Ubiratan Tom Spinelli, que não vai mais esperar até maio para entrar na inatividade. A cadeira de Tom também está asseguradva para o deputado estadual Humberto Bosaipo (DEM). A indicação é da Assembléia. Conselheiro do TCE possui prerrogativa de desembargador do Tribunal de Justiça, conta com salário de R$ 22 mil, foro privilegiado e uma série de outros privilégios e regalias.

    Em meio a essas articulações de bastidores, Wallace se mostra revoltado. O problema é que não há mais tempo para mudança de grupo ou de partido, já que a legislação estabelece prazo para isso até um ano antes. Enquanto Wallace, que em 2004 perdeu para o hoje prefeito Murilo Domingos (PR) por uma diferença de apenas 588 votos tenta manter sua candidatura, Júlio corre por fora.

   O conselheiro pediu até apoio do governador para viabilizar a formação de um amplo arco de alianças em torno do seu nome. Deseja ser candidato único, excluindo do páreo até o progressista Maksuês Leite, hoje líder nas pesquisas de opinião. O temor de Júlio é de ser carimbado como candidato de Murilo, que deve desistir do projeto à reeleição por enfrentar desgaste político sem precedentes.

Postar um novo comentário

Comentários (28)

  • ALBUCASSIS RAMIRES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É SIMPLESMENTE LAMENTAVEL CONSTATARMOS QUE O POVO DE MATO GROSSO PERDEU TOTALMENTE SUA CAPACIDADE DE INDIGNAÇÃO.
    EM RONDONIA O POVO E A CLASSE ESTUDANTIL SE UNIRAM E FORAM AS RUAS E AO TRIBUNAL DE JUSTIÇA PARA BARRAREM A POSSE DE UM DEPUTADO ESTADUAL QUE ATENDE PELA ALCUNHA DE CHICO PARAIBA,QUE Á MESES INDICADO E APROVADO NÃO TOMOU POSSE.
    AQUI AS NEGOCIATAS SÃO FEITAS DE FORMA ESCANCARADA E ACINTOSA E A SOCIEDADE FICA COM CARA DE MADALENA ARREPENDIDA.
    SERÁ QUE NÃO ESTÁ NA HORA DE UMA AÇÃO POPULAR?

  • porfiria | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não só acha q ele deve voltar a militar a politica em MT como tbem a colocar o seu nome p/ a disputa a prefeito , pq com a eleição do atual prefeito ja ficou comprovado q os campos sempre foi e sempre será melhor p/ VG, doa a quem doer!!!!!!!!!

  • julio augusto de oliveira soares | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Meus parabéns ao governador BLAIRO MAGGI que de uma só tacada arruma uma vaga para o Teis no TCE para anular qualquer movimento de reprovação das sua contas,em especial as ligadas a isenção e renúncia fiscal da qual suas empresas são benificiarias diretas,retira de cena um secretário sem nenhum tato político que pelas suas ultimas atitudes tornou-se pessoa non grata na Assembléia,desarticula mais uma vez o antigo PFL,hoje DEM no Estado empurrando garganta abaixo a candidatura de Julio Campos em Varzea Grande para prefeito em detrimento do dep wallace,sedimenta o caminho do seu capataz-mor Pagot ao palácio Paiaguas e a sua vaga ao senado em 2010,perpetuando-se no poder para cada vez mais sugar o nosso Estado.só faltou combinar com o povo que hoje mais esclarecido não caira mais na lábia deste aprendiz de "neo-companheiro",basta que a baixada cuiabana acorde e saiba usar a força dos votos conscentrados nos seus rincões contra o sinhozinho que mesmo enricando nas terras de Rondon desrespeita o seu povo nos taxando de preguiçosos quando disse que agora é a vez da turma da botina .Governador o povo antigo sábiamente dizia quem bate esquece e quem apanha não esquece nunca.

  • Dari Shola | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Essa senhora Porfíria está por fora...
    Se Várzea Grande é uma cidade cheia de mazelas é porque os Campos mandam nela a mais de 3 décadas. Quem não vê isso?
    A cidade é pobre, mas o budegueiro Jaime Campos se tornou um dos homens mais ricos do estado.

  • ivan paduim | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    como sempre os campos fazendo jogo sujo,nao bastasse a aposentadoria do tce antecipadamente a qual ja esta de bom tamanho para julio. deixa seu companheiro com cara de tacho,em vez de deixar o baxinho trabalhar! uma vez traira sempre traira. como disse o presidente lula OS"DEMOS"

  • Dito Porrete | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse Julinho “Beréré” não tem jeito. Ele pegou a corda do Jê Fernandes, em conversa no inicio deste ano, quando ele saía cheio de ternos da Loja Dom Manuel, no centro de Cuiabá e botou na cabeça que o povo ainda o quer como político, como prefeito.. Dias depois o próprio Jê conversou com “seo” Fiote, uma semana antes de ele ser internado e, seo Fiote desconjurou a candidatura do Julinho, mesmo porque iria estragar uma possível candidatura de Jaime ao governo, claro, caso Julinho perdesse a eleição para prefeito. Taí Jê Fernandes que comentou na rádio Cultura e escreveu sobre isso e o próprio seo Fiote, que Deus o tenha no céu. E tem mais, Julinho está “quebrado” para sustentar uma eleição municipal e, Jaime é “pão duro”, não vai tirar do seu sem ter certeza do retorno superfaturado.Mas, de um jeito ou de outro, Julinho está ganhando. Para quem ficou por muito tempo longe da mídia, agora está aparecendo mais que quando era político. A crônica política cuiabanesca está entrando na conversa do Julinho e, isso ele sabe fazer muito bem. Escreve ai, Julinho não será candidato nem a porteiro de cemitério. E se for, pode até perder para o coveiro.

  • Vlademir a Soares | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Moro em Livramento, mas todo o resto da minha familia mora em VG, e, com uma sacanagem dessa que estão fazendo com o Dep Walace, com certeza só vem a provar que não dá para confiar no PFL, SE NÃO CONFIO, NÃO VOTO NO CANDIDATO DO PFL, vamos votar no candidato do PP o Maxuês Leite

  • Maria das Dores | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Todos os Varzeagrandensses já sabiam que o sr. Jaime Campos iria trair o médico Walace, mas o Walace preferiu confiar. que isto sirva de exemplo aos demais eleitores para não confiar em Jaime Campos.

  • Ana Maria de Jesus | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Se o Senador Jaime não acabar com essa palhaçada, só resta o grupo do Walace se unir ao Maxues Leite para desbancar o Julinho béréré

  • DOUGLAS SANTOS | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    UMA COISA É CERTA SE FRITAREM O WALACE E ELE SE JUNTAR AO NOSSO MAXUES AQUI EM VG, ELES SERÃO PRATICAMENTE IMBATÍVEIS, QUE VENHA O SENADOR JAIME CAMPOS COM TODO O SEU BANDO (JULINHO, WILSON GRAFITE, DR. ARILSON, VEREADORES VELHACOS QUE ESTÃO QUEIMADOS) QUE VAI SER 2 POR 1, SEM MEDO DE SER FELIZ

Juca e os 7 secretários da Câmara

andre pozetti 400 curtinha   O presidente Juca do Guaraná definiu sete dos nove secretários que vão ajudá-lo a administrar a Câmara de Cuiabá. O secretário de Administração é Bolanger José de Almeida. O coronel PM da reserva Edson Leite conduz o Patrimônio e...

Morre mais um pastor da Assembleia

pastor jose alves de jesus 400   A Covid-19 transforma mais um pastor da Igreja Assembleia de Deus em vítima fatal. Morreu nesta terça José Alves de Jesus (foto), que presidia há vários anos o Campo Eclesiástico Autônomo da Igreja de Primavera do Leste e região. Ele estava hospitalizado com o...

Mauro e os "cabeças chatas" do CE

mauro mendes 400   O governador Mauro Mendes está disposto a conhecer a experiência da  educação pública  do Ceará, que há anos apresenta os melhores índices no Ideb e é orgulho dos irmãos Ciro e Cid Gomes, ex-prefeitos de Sobral e ex-governadores. Até pretende...

Seduc e microônibus para municípios

alan porto 400 curtinha   A secretaria estadual de Educação, sob Alan Porto (foto), tem buscado parcerias com prefeituras para construir quadras poliesportivas, laboratórios de informática e escolas, além de ampliar salas de aula, adquirir ares condicionados e microônibus escolares, de modo a atender...

Emanuel é quem mais realizou obras

emanuel pinheiro 400 curtinha   Um levantamento da empresa Percent Pesquisa & Consultoria, feita em Cuiabá entre os últimos dias 13 e 14, destaca que, na percepção de 49% dos cuiabanos, o prefeito reeleito Emanuel Pinheiro (foto) foi o que mais fez obras e serviços. Em segundo lugar, com 19,8%, é citado...

Emendas ajudam Unemat de ROO

thiago silva 400 curtinha   Em reunião com o reitor da Unemat, Rodrigo Zanin, e com o pró-reitor Alexandre Porto, o deputado estadual Thiago Silva (foto) tratou da emenda de R$ 1 milhão para manter o curso de direito e abertura do de jornalismo em Rondonópolis neste ano. E, juntos, definiram o modelo de...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.