Últimas

Terça-Feira, 19 de Junho de 2007, 12h:43 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

JUDICIÁRIO

Justiça é morosa e ineficiente, admite Lessa

     Em novo discurso, três meses após assumir a presidência do Tribunal de Justiça, o desembargador Paulo Lessa voltou a tocar na ferida. Admitiu que a Justiça tem sido uma das instituições mais questionadas no país devido à morosidade, ineficiência e, mais recentemente, à denúncias de corrupção.

    Na avaliação do magistrado, alguns questionamentos têm razão de ser e as críticas  fundamentadas são bem-vindas, na medida que contribuem para a consolidação de um Judiciário forte na sua missão constitucional de esteio do Estado republicano. Por outro lado, afirma não aceitar ação irresponsável e arbitrária de forma generalizada.

     Ele repetiu palavras do desembargador Mariano Travassos, segundo as quais "se existem no Judiciário suspeitos de comportamento incompatível com o exercício do cargo, nele também existem integrantes com os predicados necessários para mostrar à sociedade que desvios de conduta pontuais nem de longe comprometem a credibilidade e a seriedade da instituição".

       Paulo Lessa diz também concordar que o Judiciário usa uma linguagem ininteligível para muitos e que ainda cultiva hábitos e procedimentos divorciados da realidade que o cerca. Isso ocorre, admite, porque continua preso a códigos arcaicos. Por fim, propõe que o Judiciário mato-grossense busque aproximação e firme um posicionamento público como instituição vital para a manutenção do Estado de direito e essencial ao exercício da cidadania.

    Clique aqui e leia o discurso na íntegra.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Pedro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ...teremos anos de transformações e eficiência no Tribunal de Justiça de Mato Grosso. Paulo Lessa me parece uma pessoa arrojada inteligente, poucos momentos em que tive com Vossa Excelência me pareceu uma preparado pelo cargo que ocupa, já não era tempo!!!! Sorte do TJ de nosso Estado.

  • Pedro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ...teremos anos de transformações e eficiência no Tribunal de Justiça de Mato Grosso. Paulo Lessa me parece uma pessoa arrojada inteligente, poucos momentos em que tive com Vossa Excelência me pareceu uma preparado pelo cargo que ocupa, já não era tempo!!!! Sorte de nosso poder Judiciário.

Máquinas para reciclar garrafas pets

maquina 400 curtinha   Sob iniciativa da secretaria de Inovação e Comunicação da Capital, dentro dos projetos que buscam a sustentabilidade, a prefeitura vai colocar máquinas de reciclagem de garrafas pets em 15 pontos da cidade e com possibilidade de ampliar os locais de recolhimento. Em troca, o cidadão...

4 fora da reeleição em Rondonópolis

jailton 400 vereador curtinha   Em Rondonópolis, quatro dos 21 vereadores não devem ir à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (DEM), Rodrigo da Zaeli (PSDB), Hélio Pichioni (PSD) e Jailton do Pesque e Pague (foto), do PSDB. Thiago e Rodrigo têm esperanças de concorrer a...

Prefeito apoia vice à briga em Cáceres

eliene liberato 400 curtinha   Francis Maris vai mesmo declarar apoio oficial à pré-candidatura da empresária Eliene Liberato à sucessão em Cáceres. Em público, o prefeito faz mistério para não contrariar outros pretensos candidatos do grupo e que têm esperanças de receber...

Preparando um dos aliados a federal

mauro carvalho 400 curtinha   Embora não comente publicamente, o governador Mauro Mendes está "costurando" acordos políticos com líderes mais próximos, visando não só o pleito de 2020, mas também às eleições gerais de 2022. Em época de busca de projetos e de...

Salvando 1º ano de mandato no cargo

selma arruda 400 curtinha   Embora "sangrando" e com a imagem arranhada, a juíza aposentada e senadora cassada pelo TRE-MT Selma Arruda, que trocou o PSL pelo Podemos, consegue concluir este primeiro de oito anos de mandato. E vai se licenciar nos próximos dias para ceder espaço aquele que financiou a sua campanha,...

Barbudo é menos empreguista de MT

nelson barbudo 400 curtinha   Dos oito deputados federais de MT, o estreante Nelson Barbudo (foto) é o menos "empreguista". Nestes 10 primeiros meses de mandato, ele nomeou no gabinete em Brasília e no escritório político em Cuiabá apenas 15 assessores. Cada gabinete pode ter até 25 secretários...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.