Últimas

Segunda-Feira, 05 de Novembro de 2007, 23h:30 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

EMBATE JURÍDICO

Lei prevê cassação sumária de Henry e Chica

    Apesar dos embates jurídicos em torno do processo contra os deputados Chica Nunes (PSDB) e Pedro Henry (PP), que serão julgados nesta terça (6) pelo Tribunal Regional Eleitoral, a Lei 9.840, de 1999, determina que os parlamentares perdem seus mandatos de imediato. Foi com base nessa mesma lei que Rogério Silva, acusado de compra de votos nas eleições de 2002, perdeu o mandato de deputado federal dois anos depois.

      Agora, Henry e Chica, acusados por corrupção eleitoral, estão à mercê do voto de minerva do presidente do TRE, desembargador José Silvério. O placar no Pleno está em 3 a 3. 

      Caso Silvério vote a favor da cassação dos mandatos, em seguida o TRE encaminhará um ofício à Câmara dos Deputados e à Assembléia Legislativa, solicitando que, respectivamente, Henry e Chica, desocupem as cadeiras. Assim, fora do cargo, os parlamentares iriam responder na Justiça por compra de votos e uso indevido da máquina pública. Caberá aos acusados recorrer, inclusive por meio de medida cautelar junto ao Supremo Tribunal Federal, para que a decisão do TRE possa ser suspensa.

    Veja abaixo o que prevê a Lei 9.840, que deve complicar a situação jurídica dos dois parlamentares:

    Art. 1º - A Lei nº 9504, de 30 de setembro de 1997 passa a vigorar acrescida do seguinte artigo:
"Art.41-A - Ressalvado o disposto no art. 26 e seus incisos, constitui captação de sufrágio, vedada por esta lei, o candidato doar, oferecer, prometer, ou entregar, ao eleitor, com o fim de obter-lhe o voto, bem ou vantagem pessoal de qualquer natureza, inclusive emprego ou função pública, desde o registro da candidatura até o dia da eleição, inclusive, sob pena de multa de 1.000 a 50.000 UFIRs, e cassação do registro ou do diploma, observado o procedimento previsto no art. 22 da Lei Complementar no 64/90." 
(Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • julio augusto de oliveira soares | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Só espero que o TRE julgue com o rigor da lei,fico pasmo que alguns doutos juízes ainda ficaram em dúvida que houve crime eleitoral se ficou mais do que comprovado nos autos,já que outros juízes foram incisivo no seus pareceres quanto a procedência do crime.

Romoaldo, prescrição e elegibilidade

romoaldo junior 400 curtinha   Assim como Wilson Santos, o deputado Romoaldo Júnior (foto) assegura que hoje também está elegível porque uma condenação de dois anos e três meses de prisão, inclusive com perda do mandato, acabou prescrita. Ele disse que ainda não sabe se disputará...

Juca quer ex-deputado no Gabinete

roberto nunes 400   O presidente do Legislativo cuiabano, vereador Juca do Guaraná, disse que irá convidar o ex-vereador, ex-vice-prefeito e ex-deputado estadual Roberto Nunes (foto) para assumir a Chefia de Gabinete da Presidência. Enfatiza que Roberto é bem articulado politicamente, tem habilidade e experiência e,...

Governo "desmama" senador do Dnit

wellington fagundes 400   O Governo Bolsonaro conseguiu, enfim, "desmamar" Wellington Fagundes (foto) do Dnit. Há décadas, entra e sai governo e o ex-deputado federal por seis mandatos (24 anos) e no cargo de senador desde 2015 vinha indicando apadrinhados no cargo de superintendente regional do Dnit em MT. O último foi Orlando...

Ex-deputado demitido de assessoria

luiz soares 400   O ex-deputado Luiz Soares (foto), hoje com 63 anos, foi exonerado do cargo de assessor parlamentar do contemporâneo Wilson Santos. Ganhava quase R$ 10 mil brutos. Estava lotado no gabinete do deputado tucano havia quase dois anos. Soares é pensionista do extinto Fundo de Assistência Parlamentar, ganhando...

Arsec concede reajuste; prefeito veta

alexandro adriano arsec 400   No último dia 22, a diretoria-executiva colegiada da Agência Municipal de Regulação de Serviços Públicos Delegados de Cuiabá (Arsec), presidida por Alexandro Adriano Lisandro (foto), aprovou índice de reajuste de 2,21% nas tarifas de água e esgoto. E...

Novo ensaio do privilegiado Neurilan

neurilan fraga 400   Neurilan Fraga (foto) transformou mesmo a AMM não apenas num cabide de emprego, mas numa entidade para, em alguns casos, atender a seus interesses pessoais. Ali, investido no cargo de presidente, inclusive já pelo quarto mandato, mesmo não sendo mais prefeito, ele se articula politicamente o tempo todo....

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.