Últimas

Terça-Feira, 04 de Agosto de 2009, 19h:11 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

SAÚDE PÚBLICA

Leitor denuncia situação caótica encontrada em hospital

   Pacientes literalmente "amontoados" pelos corredores do Hospital e Pronto Socorro de Cuiabá e outros sentados em cadeiras de fio à espera de uma maca para descansar. Essas são cenas rotineiras no maior ponto de referência médica do Estado. Apesar dos sucessivos anúncios de recursos financeiros e de políticas públicas voltadas para a saúde, quem entra no PSMC testemunha a falência do sistema de saúde público. A situação pode ficar ainda pior agora, com as novas regras de combate à disseminação da gripe suína.

   Apesar das autoridades assegurarem que não é necessário alarde, cenas como essas, registradas por um leitor do RDNews, deixam a população mais angustiada diante da disseminação do vírus H1N1, já que a maioria dos cuiabanos não tem condições de pagar um plano de saúde. Passam horas na fila do PSMC antes de ter direito ao atendimento que lhes é assegurado por lei mediante pagamento de elevada carga tributária. Somente no Brasil, 88 pessoas morreram após adquirir gripe suína. Em Mato Grosso foram registrados 11 casos da gripe H1N1, mas nenhum óbito.

   Cenas como essas já se tornaram tão rotineiras que a maioria dos cuiabanos nem reclama mais. Faltam leitos na Capital e a demanda parece ser cada vez maior. Com a vinda da Copa do Mundo em 2014, o índice demográfico deve crescer ainda mais e, se não houver um planejamento, a situação ficará ainda mais delicada.

   No próximo dia 20, o secretário estadual de Saúde, Augustinho Moro, e os responsáveis municipais da pasta de Saúde de Várzea Grande e Cuiabá, Jaqueline Beber Guimarães e Luiz Soares, respectivamente, vão ser sabatinados pela Comissão de Saúde, Previdência e Assistência Social da Assembleia Legislativa, que quer saber porque há tantos pacientes na fila de espera por exames de alta complexidade pelo Sistema Único de Saúde (SUS) - saiba mais aqui. (Patrícia Sanches e Andréa Haddad)

---------------------------------------------------------
Clique no play
e veja o vídeo do caos no PSMC

Postar um novo comentário

Comentários (17)

  • valmir molina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Essa situação não terá fim enquanto o governo do Estadonão arcar com sua responsabilidade.O prontossocorro de Cuiabá,é a tábua de salvação de todos os matogrossensses.Cade os hospitais privados adquiridos pelo governo estadual?Cade o hospital central?cade o funcionamneto dos consórcios?Chega de mentira e de brincadeira com a vida do povo,faça alguma coisa Dr.Augustinho Moro.
    Quanto a assembléia,a maioria dos deputados não fazem uma emenda para garantir uma saúde de qualidade no interior do Estado,mais tem motivo,eles mantém aqui na capital as chamadas casa de apoio ou retaguarda,que nad maisa são que uma troca de favores para garantir votos.
    Como diria o Bóris Casoi,isso é uma vergonha!

  • Bomdepapo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Eduardo Cesar, você não é uma pessoa confiavel dentro de uma Instituição , Secretaria ate mesmo dentro de um quartel, você pelo comentario parece mais um grande puxador de saco do prefeito que não vem fazendo nada para essa cidade, e quando digo nada é nada. O cara ja esta terminando o seu segundo mandato e voce ainda tem a cara de pau de puxador de saco em defender esse pinoquio mentiroso ? Vai passar pano, areiar panela. E outra, pessoas assim não so puxa o saco como é dedo duro.

  • Gênia Alencar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    Estou escrevendo aqui como mãe de uma paciente, que está internada no Pronto Socorro de Cuiabá.. Por 3 vezes precisei do atendimento desde hospital, e foi bem atendida, os médicos e enfermeiros principalmente fazem o possivel pra atender, quem está reclamando deveria ver como é em meu estado..No lugar de fazer criticas vem aqui ajudar, fazer caridade, trazer fraldas, apoio moral - tem super-lotação sim, por que eles procuram atender todos do interior e de outros estado como eu..Infelizmente muitos comentários aqui postado são politicos é ísso não é ajuda..O estado precisa sim de um grande hospital, mesmo fazendo esse nunca vai estar bom, nem Jesus agradou..Agradeço primeiramente a Deus e depois aos profissionais de Pronto Socorro de Cuiabá, por minha filha está viva.

  • Vera | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    SÓ O CEGO DO WILSOM SANTOS É QUE NÃO VÊ.........POXA PREFEITO,O QUE ESSE LUIS SOARES TÁ FAZENDO??????BOM,VCS DOIS NÃO PRECISAM DO PRONTO SOCORRO,NÉ!POR ISSO QUE A INCOMPETENCIA DE VCS ESTÁ ACABANDO COM A SAÚDE PÚBLICA.........

  • Jose Carlos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse nosso prefeito pinoquio ao inves de dar dinheiro a unic, pagando akela vergonhosa bolsa universitaria, pq ele nao coloca dinheiro na saude publica, na educacao de base (que ele sim tem responsabiliade)!?!?
    Agora fica fazendo programa assistencialista com as bolsas numa universidade paga e o que é pior, do vice. Pq nao pode ser em outra universidade privada? Vou alem, pq nao ajuda com verba a UFMT e reserva uma cota para essas pessoas la?
    Mais uma vez estamos vendo esse descaso desse pior prefeito que ja tivemos.
    MENTIROSO.
    Nao voto e nunca votarei nele.
    MT NAO VAMOS DIXAR ELE ASSUMIR O ESTADO, JA BASTA ELE ESTRAGAR A CAPITAL.

  • José Pires da Conceição Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse Eduardo Cesar Aquino está mais por fora que bunda de índio, o Governo Estadual repassa muito além do constitucional para Cuiabá, é que esse Wilson não cumpre o que promete, voce já esqueceu que na campanha ele disse que a primeira coisa que faria era fazer a maior reforma do PSM, se toca cara vai se informar melhor do que postar comentários sem critério e sem fundamento!

  • Renne Taiffer | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Morei em Cuiaba ateh o mes passado e se reclamam do SUS tomara que ele acabe e todos tenham que pagar suas consultas, vacinas etc. Quero ver alguem reclamando depois. O que nao se explica eh que o PS recebe pacientes ateh de outros estados e cidades do interior . Quem reclama da atual gestao da secretaria municipal de saude sao aqueles que estao tendo que trabalhar coisa que nao faziam na gestao do seu maluf ou os que tem interesses contrariados. Nao estao gostando do atendimento? paguem plano de saude e vao pegar fila do mesmo jeito.

  • Marcelo Iskerao | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Concordo com o comentario acima, é facil ficar culpando o WS. Mas e o Estado que nao constroi um Hospital em Cuiabá. É a unica capital no Brasil que nao tem um hospital do Estado, pois os hospitais regionais do interior Caceres e Rondonopolis, Sorriso e Colider nao resolvem o problema e manda para Cuiabá.

    Ficam falando do Cabeção, mas e o Estado que tem o Augustinho Moro, que é administrador de postos de gasolina

  • GERSON MATIAS | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    OLHA D.E.M., SE JAYME CUMPRISSE A PALAVRA DE CAMPANHA A GOVERNO EM 2000, E REALMENTE INAUGURASSE O HOSPITAL REGIONAL COMO FALAVA EM ALTO E BOM SOM, É SÓ VER AS GRAVAÇÕES DE CAMPANHA, ISSO JÁ NÃ ESTARIA TÃO GRAVE, MAS COMO É UM MENTIROSO E QUER VOLTAR, PARA FAZER O QUE? O GOVERNO TEM RESPONSABILIDADE SIM. EM OUTRAS CAPITAIS NÃO TEM SÓ UM HOSPITAL MAS UNS TRES OU QUATRO, NÃO ADIANTA CRITICAR O GALINHO. A CULPA VEM DE LONGE.

  • Ana Maria Correa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Cadê a publicação do meu comentário ?????

Leitão x Fávaro sob efeito-Bolsonaro

nilson leit�o 400   O ex-vice-governador e hoje senador interino Carlos Fávaro (PSD) e o ex-prefeito sinopense e ex-deputado federal pelo PSDB Nilson Leitão (foto) travam uma guerra eleitoral, com críticas mútuas, como se só existissem os dois na disputa para o Senado, quando, em verdade,...

Leverger e ex em palanque separado

francieli magalhaes 400 curtinha   Dois candidatos em chapas majoritárias em Santo Antonio de Leverger, hoje em palanques diferentes, já estiveram juntinhos na vida particular. O empresário Ademilson Dantas de Matos (PV), vice da chapa de Franklin Luis Carvalho (PSDB), foi casado com a petebista Francieli Magalhães...

Prefeito cuiabano vira saco de pancada

emanuel pinheiro 400 curtinha   O prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto), que busca a reeleição e havia iniciado a campanha como grande favorito, inclusive com expectativa de ganhar no primeiro turno, se transformou em saco de pancada. Além de Abílio Júnior que o critica e ataca o tempo todo, o que acabou o...

Dal Bosco com 3 na disputa em Sinop

dilceu dal bosco 400 curtinha   Neste pleito eleitoral, a família Dal Bosco se dividiu em três grupos de apoio em Sinop, a chamada capital do Nortão. O ex-deputado estadual Dilceu Dal Bosco (foto) coordena no município e região a campanha à reeleição do senador Carlos Fávaro (PSD). O...

Tentativa de ser 1ª prefeita de Barão

margareth munil 400 curtinha   A candidata à prefeita de Barão de Melgaço, Margareth Gonçalves da Silva (foto), é tão conhecida nas ações conjuntas com o marido nas áreas da saúde e assistência social que está levando para as urnas a combinação do seu...

Froner segue com o vice de Gilberto

osmar froner 400   Osmar Froner de Mello (foto), escalado de última hora para a disputa em Chapada dos Guimarães, manteve de vice o mesmo que estava na chapa de Gilberto Mello (PL), o vereador Carlos Eduardo, que era conhecido como Carlinhos do PT e agora é do PDT. Froner e Carlinhos não têm afinidades...