Últimas

Sexta-Feira, 04 de Dezembro de 2009, 16h:41 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

RUMO A 2010

Leôncio é rejeitado pelo DEM como pré-candidato a federal

  O presidente da Empaer, Leôncio Pinheiro, irmão do ex-senador Jonas Pinheiro (já falecido), insiste no projeto de pré-candidatura a deputado federal, mas não encontra respaldo nem mesmo no seu partido, o Democratas. Um dos que se opõem à proposta é o ex-governador e ex-senador Júlio Campos, que está de olho numa das 8 cadeiras à Câmara dos Deputados reservada à bancada mato-grossense. Júlio já foi federal nos anos 80 e agora sonha com a volta ao cargo.

   Leôncio, que perdeu respaldo do Palácio Paiaguás e pode "cair" até o final deste mês, afirma que "a política está no sangue da família” e que seu desejo é de ser candidato em 2010. Uso como discurso a necessidade de assumir o espólio do irmão Jonas, que faleceu no ano passado. "Quero continuar o trabalho deixado pelo meu irmão em prol das políticas públicas de fortalecimento do sistema de pesquisa e extensão rural em Mato Grosso". Ele preside a Empaer desde 2007. Sua gestão é tida como capenga. Enfrenta resistência dos próprios servidores. Questionado sobre o assunto, Leôncio afirma que tem contribuído para melhoria da empresa que, segundo ele, esteve num processo de "desmonte total".

   Sem dar bola para a torcida do contra, ele classifica sua gestão como boa. E aponta que encontrou uma Empaer em 2007 bem diferente daquela que deixou na década de 90, quando foi presidente pela primeira vez. “O órgão que assumi não tinha mais sede própria e menos servidores do que o quadro original. Então, desde que entrei caminho numa linha de reconstrução. Este trabalho, acredito, deve deixar a Empaer com 60% a 70% da capacidade que tinha antes”.

   Leôncio não aponta o governo Maggi como sendo o culpado pelo sucateamento da empresa, mas sim a gestão Dante de Oliveira. Para ele, não adianta pensar nos culpados. "É preciso semear politicamente a Empaer para colher bons frutos em prol da extensão rural em 2010, que já começaram a ser colhidos em 2009".

      As sementes a que se refere são, segundo ele, traduzidas em convênio de R$ 7,5 milhões com o Ministério do Desenvolvimento Agrário, que serão utilizados para serviços de extensão rural, atividades de boas práticas agrícolas e aquisição de equipamentos e ainda a negociação do vice-governador Silval Barbosa (PMDB) com o governo federal para liberar recursos para a sede própria da Empaer. Estão programados, segundo ele, R$ 5 milhões. Há também um convênio, já assinado, com o Incra de R$ 11,3 milhões para atividades de assessoria técnica, social e ambiental voltadas ao chamado Território da Cidadania, que compreende o baixo Araguaia e o Portal Amazônia. Ao todo serão envolvidos 70 profissionais nesses projetos que atenderão a 9 mil famílias de assentados do Incra. (Adriana Nascimento)

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Julio José de Campos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Jamais vetaria qualquer companheiro dos Democratas que desejasse ser candidato em 2010.Pelo contrário,o nosso DEM necessita de pelo menos 6 a 10 candidatos a Camara dos Deputados,para conseguir fazer o quociente eleitoral que será em torno de 200 mil votos,para poder eleger um parlamentar.Bem vindo companheiro Leoncio Pinheiro, além de ser meu amigo,é um correligionario leal,e tem nossa total solidariedade para ser um dos candidatos a Deputado Federal por Mato Grosso,pelo DEM.

  • Aliane Costa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    RAPAZ!!!!!TU TAH FEIO NA FITA HEM MEU....OLHE ISSO SE CHAMA INGRATIDÃO, DIZEM QUE REI MORTO, REI POSTO, MAS SAIBA QUE UM DIA É DA CAÇA O OUTRO DO CAÇADOR, NADA COMO UM DIA ATRAZ DO OUTRO......

  • Messias | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • marta | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    hum, igual ao irmão ou pior.....faz tudo em beneficio prorpio, igual ao irmão, que Deus o tenha, quando jonas faleceu....na sua terra natal era um martir, mas para mim, não estão com nada essa familia....só fizeram para eles....

  • caroço da pracinha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • 2010 | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Paulo Roberto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Olha cara da figura.......kakakak

Mauro e vitórias na briga de decretos

mauro mendes 400 A estratégia do governador Mauro Mendes (foto) de articular com os Poderes a edição do decreto de toque de recolher vem dando frutos. O governo publicou decreto impondo toque de recolher das 21h às 5h, com fechamento do comércio às 19h. O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, discordou e fez...

Prefeito é intubado e pode ir para SP

Prefeito de Tapurah Carlos Alberto Capeletti   É grave o quadro de saúde do prefeito de Tapurah (432 km de Cuiabá), Carlos Alberto Capeletti (PSD). Após piora, ele precisou ser intubado nesta quinta (4). Foi internado na terça (2), após testar positivo para Covid-19, em uma UTI no Hospital 13 de Maio, em...

Setasc doou 330 mil cestas básícas

Rosamaria 400 curtinha   A Secretaria Estadual de Assistência Social e Cidadania (Setasc), sob Rosamaria de Carvalho (foto), já entregou mais de 330 mil cestas básicas desde o inicio da pandemia, sendo 110 mil em Cuiabá e Várzea Grande. E como assistência social foi considerada como serviço essencial,...

Interinos ficam sem cargos no TCE

jose carlos novelli 400 curtinha   Com o retorno dos conselheiros do TCE, Antonio Joaquim e José Carlos Novelli (foto), dois substitutos perderam os postos não apenas nas relatorias, como também ficam sem os cargos na gestão. É o caso de Isaías Lopes da Cunha, que deixou de ser ouvidor-geral, sendo...

MT perde José Afonso Portocarrero

portocarrero-400   Morreu nessa quarta  (3), aos 93 anos, José Afonso Portocarrero (foto). O ex-presidente dos extintos  Banco do Estado de Mato Grosso (Bemat)  e Loteria do Estado de Mato Grosso (Lemat)  morreu de causas naturais. Viúvo, deixa quatro filhos.  Na vida profissional, foi o responsável...

Secretários filiados e sem pretensões

Beto 2x1 400 curtinha   Presidente do DEM em Cuiabá, o secretário estadual de Cultura, Esporte e Lazer, Alberto Machado, o Beto 2 x 1 (foto), disse, em visita ao Rdnews, quando concedeu entrevista à tvweb RDTV, que alguns colegas secretários estão filiados ao partido, mas isso não significa que eles...