Últimas

Quarta-Feira, 26 de Março de 2008, 14h:50 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

EMBATE JURÍDICO

Lutero vai depor com ajuda de Maluf e Fabrício

    O presidente da Câmara de Cuiabá, vereador Lutero Ponce, fará sua defesa no processo de infidelidade partidária na próxima sexta (28), às 14h. Ele receberá a ajuda de mais três testemunhas: deputado estadual Guilherme Maluf (PMDB), vereador Marcus Fabrício (PP) e Avelino Tavares Junior. Eleito em 2004 com 3.520 votos, pelo PP, Lutero resolveu migrar para o PMDB em setembro, ou seja, após 27 de março, marco temporal que valida a regra da fidelidade partidária.

    O pedido de perda de mandato contra o parlamentar foi formulado pelo quinto suplente do PP, Ali Veggi. Apressado, o progressista protocolou o processo no primeiro dia do prazo aberto à reivindicação dos suplentes que sentiram-se no direito de ocupar o cargo daqueles que feriram a regra da fidelidade. O partido abriu mão da cadeira de Lutero, pois já tinha eleito pela coligação Trabalho e Progresso (PP e PTB) os vereadores Marcus Fabrício (PP) e Clovito Hugueney (PTB).

    A audiência será no Tribunal Regional Eleitoral. A principal testemunha de Lutero é o vereador Marcus Fabrício, que à época presidia o diretório do PP de Cuiabá. Além de ser amigo de Lutero, Fabrício também, pelo menos por um momento, ficou insatisfeito com a filiação de Walter Rabello. Lutero critica a Executiva Estadual de não ter consultado a municipal. Sob pressão do partido, Fabrício resolveu ficar no PP.

   O deputado estadual Guilherme Maluf também vai defender que Lutero foi ignorado pelos líderes progressistas. Entretanto, Maluf pode mais atrapalhar do que ajudar. Por muito pouco ele não foi processado por infidelidade partidária ao anunciar que havia ingressado no PMDB. Ele preferiu "rasgar” a ficha de filiação perante a decisão da TSE e voltou ao ninho tucano como se nada tivesse acontecido, o que pode soar negativamente. (Simone Alves)

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Dilmar ensaia disputa para federal

dilmar dal bosco 400   Todos os deputados estaduais querem buscar a reeleição, com exceção de Dilmar Dal Bosco (foto), que está no terceiro mandato. Integrante da nova Mesa Diretora da Assembleia, como primeiro-vice-presidente, e líder do Governo Mauro, Dilmar não esconde o desejo de disputar cadeira...

Com Covid-19 e frequentando a AL

paulo araujo 400   O deputado Paulo Araújo (foto), do PP, está com reinfecção pelo Covid-19 e, mesmo assim, continua frequentando o prédio da Assembleia normalmente, como se não tivesse contaminado. Na primeira vez que foi infectado pelo vírus, também fez igual. Colegas parlamentares e...

2 abstenções e briga pela 4ª Secretaria

silvio favero 400   Dois deputados se abstiveram na eleição da Mesa Diretora da Assembleia desta terça cujo votação foi secreta. Nos bastidores, os comentários são de que as abstenções foram de Sílvio Fávero (foto), que se lançou à disputa e, sequer, teve...

Petista, incoerência e voto contrário

ludio cabral 400   O petista Lúdio Cabral (foto), daqueles parlamentares do morde e assopra, na tentativa de marcar posição, expõe cada vez mais suas incoerências em votação na Assembleia. Na sessão que antecedeu a eleição para a nova Mesa Diretora, provocada pela decisão...

Projeto sobre VI na Saúde está na AL

gilberto figueiredo 400 curtinha   Já está na Assembleia, para votação dos deputados, o projeto do governo que garante retomada do pagamento da verba indenizatória aos profissionais da Saúde que atuam na linha de frente do combate à Covid-19 nas unidades hospitalares, ambulatoriais e...

2 desembargadores vão para TRE-MT

carlos alberto tj 400 curtinha   O Pleno do Tribunal de Justiça define, na quinta (25), em votação secreta e por videoconferência, dois desembargadores que comporão os quadros de comando do TRE-MT pelos próximos dois anos. O ex-presidente do TJ, Carlos Alberto Alves da Rocha (foto), é um dos inscritos...