Últimas

Quinta-Feira, 04 de Setembro de 2008, 18h:48 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

CONFRONTO

Madureira é flagrado num "acordão" pró-Murilo

Fabris é orientado para pedir cassação da candidatura do vereador do PSC por traição a Júlio Campos 

  O vereador de segundo mandato por Várzea Grande, João Madureira (PSC), candidato à reeleição, foi "flagrado" por fiéis escudeiros de Júlio Campos (DEM) quando fazia negociações políticas na Casa Domingos com o empresário Toninho Domingos (PR), irmão do prefeito e candidato à reeleição Murilo Domingos (PR). A traição pode custar até a cassação do registro da candidatura de Madureira.

  Assim que recebeu as imagens gravadas no instante em que os dois conversavam descontraidamente e faziam acertos visando as eleições deste ano, Júlio chamou para entrar em ação o deputado estadual licenciado Gilmar Fabris, que desde semana passada recebeu a missão de "enquadrar" candidatos proporcionais que estão agindo com traição, ou seja, fazem parte da coligação pró-Júlio mas, nos bastidores, pularam para o barco de Murilo.

  Fabris já está se articulando político e juridicamente para minar as pretensões de Madureira, que já estaria no palanque do prefeito do PR. O deputado, sob orientação da cúpula do DEM, pretende repetir em Várzea Grande o que o PPS do Rio está fazendo com candidatos infiéis, ou seja, cassando as candidaturas.

Toninho, irmão do prefeito Murilo Domingos  Coordenadores da coligação "Muito Mais Várzea Grande" se reuniram nesta quinta para discutir a traição de Madureira, que já militou no extinto PFL (hoje DEM). Todos foram unânimes em fechar o cerco para tirá-lo na disputa como candidato à reeleição, mesmo o vereador estando em outra legenda. O argumento é de que Madureira pertence ao arco de alianças pró-Júlio e, dessa forma, jamais poderia negociar apoio a outro candidato majoritário.

   Condenação

  Madureira já enfrenta desgaste sem precedentes em sua campanha por novo mandato e agora vai ter de "segurar" a bomba dentro da coligação. Ela já tinha sido condenado pela Justiça por ter mantido lotado em seu gabinete Írio Marcio, que, ao mesmo tempo, cumpria pena em presídio por latrocínio. O "assessor" recebeu salário da Câmara de maio de 1999 até 2001. Em média, foram R$ R$ 4,8 mil por mês. Quando Madureira o nomeou, Írio já estava condenado. Por isso, o vereador foi obrigado a devolver cerca de R$ 480 mil, dinheiro que o condenado pela Justiça recebeu indevidamente do legislativo várzea-grandense.

Postar um novo comentário

Comentários (21)

  • Antonio Carlos Fonseca | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vejam quem são as companias de Julinho, Gilmar Fabris truculento, cassado por compra de votos denunciado por corrupção junto com o Riva que esta no palanque Julinho. Oooo... Julinho voce por si só, já é regeitado na compania desse povo voce vai voltar a vender carne seca no bolicho do falecido Fiote, suas empresas estão todas falidas, diz o ditado, tudo que aqui se faz, aqui se paga. A justiça divina tarda, mas não falha.
    Estava me esquecendo esta faltando Bosaipo nas carreatas do Julinho.
    Vou aderir a campanha MIL VEZES MURILO DORMINDO, DO QUE JULINHO ACORDADO.
    Julinho,não se esqueça, que Madureira conhece seu passado.

  • julia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    da até nojo ler essas noticias, e ainda ta escrito na hora julio campos mandou chamar gilmar fabris grande m....esses dois, isso pq nao sou eleitora de vg, sai fora julio, precisa chamar gilmarzinho, seja h.....ebncare de freente, essa é a forma dos campos fazer politica, imagina se esse senhor ganha oque nao vai perseguir funcionario que nao votou nele

  • careca | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E Madureira vc ta perdendo o prestigio que vc tinha com a populaçao do cristo rei, depois de ficar pagando um presidiario, agora ate traidor, nossa que feio, eu era uma das pessoas que acreditava em vc, mas vc deixou a desejar vou procurar outro candidato. Ate mais pensa bem antes de agir um abraço........




  • Fernando Santana | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A ELEIÇÃO PARA O MURILO ESTÁ FÁCIL. MAIS MOLE DO QUE MAMÃO MADURO...

  • memoria curta | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Madureira voce vai deixar barato????pelo que eu te conheço eu acho que não!!!!!faz igual a Daniel Dantas que disse :se eu abrir a boca coitado desta prefeitura de VADJU

    -Outra coisa,voce se lembra quando o G. Fabris era Carregador da pasta 007 de julinho?????? era uma calça e uma camisa no corpo e uma calça e uma camisa no varal?????? de tanto carregar a pasta do julinho o home virou até fazendeiro voce lembra-se disso??????

  • José ferreira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    OOOOOOO MADÚ!!!!!

    NAO DEIXA BARATO NAO PRIMO...

    VOCÊ TEM QUE USAR DE SUAS ARTEMANHAS E BOTAR ESSE POVO PRA SAPATEAR....

    CONTE COM AGENTE.... PRO QUE DER E VIER

    É MURILO E MADUREIRA MINHA GENTE..

    GRANDE ABRAÇO

  • GESIEL | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Prezados eleitores de vg,indignado com as acusaçoes levianas ao nobre ver. MADUREIRA uma pessoa humana que nunca negou ajuda a ninquem,um verdadeiro irmao.
    junto a voces povo varzeagrandense,para elegermos,MADUREIRA E MURILO,pessoas honradas,preparadas e com serviço prestado a essa comunidade pois possivelmente em cada familia de vg direta ou indiretamente ja teve a mao amiga do vr .MADUREIRA.
    e com pessoas qualificads na prefeitura como MURILO E SEU COMPETENTE VICE TIAO DA ZAELI, O VR.MADUREIRA CONTINUARA A PRESTAR RELEVANTE E SERVIÇOS SOCIAIS A COMUNIDADE QUE TANTO PRECISA INALTECENDO E ENGRANDECENDO O POVO VARZEAGRANDENSE.
    NOSSA VITORIA SERÁ MELHOR RESPOSTA AS INJUSTIÇAS E AOS ACORDOES FEITOS PELOS ACUSADORES...

  • Mario Lacerda - Cristo Rei | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Zé | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Os Campos estão perdidos e estão apelando para tudo quanto é lado, ao invés de esplanarem suas propostas ficam coagindo as pessoas. Quem é o Gilmar Fabris para fazer pressão para alguém ser cassado, ele já tem problema na justiça e ai.. com que moral ele e os campos querem fazer isso, Dá-lhe MADUREIRA o povo da VG esta com você....

  • jones torres | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    a
    migo memoria curta do comentario acima, sera que o gilmar
    fabissoris ganhou tudoso carregando pasta ou fez algo + ?

Taisir coordena campanha de Eliene

taisir karim 400 curtinha   O ex-reitor da Unemat e uma das lideranças do PSD na região Oeste, Taisir Karim (foto), que chegou a se lançar de última hora como pré-candidato a prefeito de Cáceres, mas logo em seguida recuou, será o coordenador-geral da campanha de Eliene Liberato (PSB), atual...

Inaugurados 67 km de asfalto da 020

mauro mendes 400 curtinha   O governador Mauro Mendes (foto) inaugurou nesta 5ª a pavimentação de 67,5 km da MT-020, entre Paranatinga e Canarana. Essa estrada faz parte do pacote de obras que foi retomado e já concluído nesta gestão. Foram investidos R$ 45 milhões do governo estadual. O...

Saggin critica "ditadura" e apoia Raye

paulo raye 400 curtinha   O empresário e advogado Sandro Saggin, que desistiu da candidatura a prefeito de Barra do Garças e agora apoia Paulo Raye (foto), do Pros, explica que em nenhum momento os diretórios estadual e nacional do Podemos, de cujo partido é filiado, encaminharam qualquer orientação aos...

Pode abandona Raye e pune Saggin

sandro saggin curtinha 400   Sandro Saggin (foto) amargou outra derrota em Barra do Garças. Inicialmente, seria candidato a prefeito pelo Podemos. Mas resolveu, por conta própria, levar o partido para uma coligação com partidos de esquerda que lançaram o ex-prefeito Paulo Raye, apoiado pelo PC do B, PT e Pros. A...

Ex-vereador recua para apoiar primo

divino 400 barra do bugres   Ex-vereador, ex-presidente da Câmara e empresário bem sucedido, Chico Guarnieri (PTB) não será candidato a prefeito de Barra do Bugres nas eleições deste ano. Guarnieri, que disputou a prefeitura em 2016, até ensaiou, mas recuou ao ver que o primo, pedetista Doutor Divino...

3 ex-prefeitos viram cabos eleitorais

percival muniz 400 curtinha   Dois candidatos de oposição em Rondonópolis têm ex-prefeitos como principais cabos eleitorais. O empresário Luiz Fernando, o Luizão (Republicanos), conta com apoio de Adilton Sachetti, que já comandou o município e perdeu na tentativa de reeleição, e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.