Últimas

Segunda-Feira, 17 de Dezembro de 2007, 08h:05 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

ARTICULAÇÃO

Maggi avalia Éder, Moro e Figueiredo para Sefaz

   O governador Blairo Maggi sinaliza para nomeação do executivo Éder de Moraes Dias como secretário de Fazenda, mas avalia também outras duas possibilidades, a de remanejar o secretário de Saúde Augustinho Moro para o lugar do ex-secretário Waldir Teis, novo conselheiro do Tribunal de Contas, ou até mesmo convidar para a pasta o secretário-executivo do Ministério das Cidades, Rodrigo Figueiredo. Maggi resolveu empurrar a decisão para janeiro. Até lá fica sob a Sefaz o então adjunto de Política Fiscal, Edmilson José Santos.

   Maggi sabe que precisa ter na condução da Fazenda um técnico de extrema confiança. Entre as atribuições do secretário está, por exemplo, a de manter a política econômica e fiscal, com controle de um orçamento de R$ 6,8 bilhões previstos para o próximo ano. Presidente da MT Fomento, Éder seria escolhido hoje. Trata-se de um dos poucos executivos que compõem a administração Maggi e que agem com audácia. Ganhou pontos no conceito do governador pelo êxito alcançado até agora no processo de renegociação das dívidas com a União de quase R$ 5 bilhões do Estado com instituições financeiras. Éder é quem vem conduzindo as negociações, que ja receberam sinalização positiva do governo federal.

   Augustinho Moro também tem perfil técnico. Maggi não o descartou como alternativa à Sefaz, apesar de considerar um tanto traumático tirá-lo de uma secretaria onde tem conseguido, do ponto de vista do governador, fazer um bom trabalho. Há, porém, um motivador pró-Augustinho. Ele já foi adjunto da Sefaz e integra a turma da botina, grupo mais ligado a Maggi.

   Uma outra opção e que começa a ganhar força é do nome do mato-grossense de Cuiabá, Milton Figueiredo, que desde o início do governo Lula atua como secretário-executivo do Ministério das Cidades. Bem articulado em Brasília, ele é hoje um dos braços do ministro Márcio Fortes e chegou a conduz a pasta por alguns dias. Rodrigo é filho de Milton Figueiredo (já falecido), que foi deputado estadual por três mandatos (66/74) e federal por duas vezes (79/87). Em Mato Grosso ele tem forte ligação com o ex-deputado Rodrigues Palma (PR), atual adjunto da secretaria de Indústria, Comércio, Minas e Energia.

    Além da Sefaz, o governador fará mudanças também dentro dos próximos dois meses nas pastas de Indústria, Comércio, Minas e Energia, na Cultura, do Esportes e Lazer e na Ciência e Tecnologia.

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • junior alves | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    gostaria de saber , que serviço esse Tal Eder fez ou faz para se vender a qualquer cargo que aparece, primeiro prefeito, agora secretario de fazenda.....acorda puxa saco de carteirinha.......hahahahaha

  • Adriano | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Éder na cabeça.
    MT só tem a ganhar.
    Ele já mostrou o quanto é competente.
    Vá em frente Governador.

  • ARNALDO DE LIMA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    SOU APOSENTADO DA POLICIA RODOVIÁRIA FEDERAL E ADVOGADO, CONHECI O GRANDE HOMEM MILTON FIGUEIREDO, BASTA O SEU FILHO RODRIGO SEGUIR O QUE O PAI ENSINOU, QUE MT GANHARÁ MUITO.

  • Ricardo Molina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Governador Blairo Maggi por favor, em respeito à classe madeireira e de engenharia deste estado reveja o quadro funcional dos cargos de confiança da Sema. O que mais precisamos e suplicamos é a exoneração da Chefe de Gabinete Izabel que além de incompetente para tal função é tudo de mal. Prepotente, arrogante, mal educada e racista. O senhor Blairo Maggi fazendo isso começa reconquistar nosso apreço, pois estamos implorando isso para o senhor. Mande a Izabel cuidar do canil do Palácio Paiaguás, se é que tem. Se não tiver, em Rondonópolis tem.

  • Gastão Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    só digo uma coisa ao governador Blairo: FORA ISABEL.

  • Julio Testa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    me junto ao coro: FOooooooooooooooooooRA ISABEL.

  • Regina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • fernando botelho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    quem é esse "executivo" Eder Moraes, gerentinho de 2° de Banquinho, agora usando a MT fomento para se promover, aparece em todo o lugar o, cabra aparecido, quem e esse cara?????/SOS Cuiaba

  • fernando botelho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    quem é esse "executivo" Eder Moraes, gerentinho de 2° de Banquinho, agora usando a MT fomento para se promover, aparece em todo o lugar o, cabra aparecido, quem e esse cara?????/SOS Cuiaba

  • Marcelo Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ser Secretário da Fazenda alem de competência tem de que ser muito, mas muito mesmo, amigo de quem nomeia. Acho que nessa parada o Éder é o mais fraquinho. O Eder tem que aprender muito o jogo de bastidores, quem primeiro poem a cara leva porrada ou seja ele tem que parar de ser oferecido, conversa internamente com o chefe acerta a nomeação e fique de boca fechada até a confirnaçao via Diário oficial, ficar colocando noticia na midia dizendo que é o melhor nome, muitas veses nao funciona. desejo para o Éder boa sorte

Apelo dramático da Santa Casa de ROO

bianca talita 400 santa casa roo   A superintendente da Santa Casa de Rondonópolis, Bianca Talita (foto), fez um apelo dramático nesta terça, num grupo de WhatsApp, esperando sensibilizar o prefeito Zé do Pátio a repassar com urgência os recursos que estão repressados no Fundo Municipal de...

Emendas para todos os 24 deputados

Max 400 curtinha   O presidente da Assembleia, Max Russi (foto), em visita ao Grupo Rdnews, quando concedeu entrevista ao portal e à tv web Rdtv, defendeu as emendas impositivas, que são indicadas pelos deputados e pagas pelo governo, via orçamento. Lembra que são instrumentos importantes para fazer com que obras e...

Deputado defende cultos com até 600

sebastiao rezende 400   Num momento em que a segunda onda de contaminação pelo novo coronavírus avança em MT, levando o governo a retomar medidas restritivas para evitar colapso, já que cerca de 90% das UTIs estão lotadas, o deputado Sebastião Rezende (foto), da Igreja Assembleia de Deus, teve a...

"Batida" em apresentador por engano

ricardo martins 400   Durante a dupla operação deflagrada pela PF nesta terça em alguns municípios de MT, entre eles Cuiabá, agentes federais, por um equívoco no cumprimento de mandados, acabou batendo na porta do apresentador da TV Cidade Verde, Ricardo Martins (foto), que não tem a ver com o caso....

Paccola é cotado para diretor-geral

gianmarco paccola 400   O discreto e atuante delegado Gianmarco Paccola (foto), hoje diretor-geral-adjunto da Civil, já desponta nos bastidores como nome preferencial do Palácio Paiaguás para eventual substituição a Mário Demerval, que deve mesmo deixar o posto de diretor-geral para disputar as...

Luta pra isentar parte dos aposentados

eduardo botelho 400 curtinha   Primeiro-secretário da Assembleia, Eduardo Botelho (foto) disse que foi criada espécie de força-tarefa dos deputados para fechar um acordo com o governo, de modo a ajudar aposentados e pensionistas e portadores de doenças raras para isenção do pagamento da alíquota da...