Últimas

Quarta-Feira, 14 de Janeiro de 2009, 19h:49 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

MEIO AMBIENTE

Maggi cobra incentivos para aviação e rodovias

 Manejo florestal, ampliação e reestruturação da malha viária e aumento do número de linhas áreas no eixo amazônico também foram alvo de debates nesta quarta (14), durante visita do ministro-chefe da secretaria de Assuntos Estratégicos, Roberto Mangabeira, ao governador Blairo Maggi. Além de cobrar mais incentivos, Maggi disse que a maioria dos aeroportos do Estado tem pouco movimento e que não existem linhas entre as capitais do eixo amazônico e Cuiabá.

   "Temos que ir primeiro a Brasília e depois voltar ao Pará", observa o governador, que pediu isenção de impostos de combustíveis, além da criação de um  fundo de compensação."Somente assim conseguiremos ampliar o número de vôos". Maggi promete corte de impostos estaduais que incidem sobre combustíveis, uma forma do Estado contribuir com a proposta. O ministro, por sua vez, se comprometeu a articular para a União conceder incentivos financeiros, novos sistemas regulatórios e a criação de um fundo áereo.

   Sobre as rodovias, Mangabeira disse que o Plano Amazônia Sustentável (PAS) prevê construção, ampliação e recuperação das malhas viárias do eixo Amazônico. Anunciou ainda a construção de uma nova usina hidroelétrica.

  Roberto Mangabeira criticou a derrubada de árvores nativas. Segundo ele, se isso não cessar, a polícia será acionada. "Não podemos mais aceitar o manejo florestal, extrativismo feito de maneira inadequada. Isso é  caso de polícia", diz o ministro. Defendeu o manejo sustentável e enfatiza que a ampliação de biodisel pode será feita a partir de mamona,  babaçu,  castanha-do-pará,  abacate, coco-da-bahia, o buriti,  pequi, dendê e soja. "Precisamos continuar crescendo, mas sem desmatar. Não queremos os campos vazios, mas precisamos fazer isso da maneira correta", conclui. (Patrícia Sanches) 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Mauro e vitórias na briga de decretos

mauro mendes 400 A estratégia do governador Mauro Mendes (foto) de articular com os Poderes a edição do decreto de toque de recolher vem dando frutos. O governo publicou decreto impondo toque de recolher das 21h às 5h, com fechamento do comércio às 19h. O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, discordou e fez...

Prefeito é intubado e pode ir para SP

Prefeito de Tapurah Carlos Alberto Capeletti   É grave o quadro de saúde do prefeito de Tapurah (432 km de Cuiabá), Carlos Alberto Capeletti (PSD). Após piora, ele precisou ser intubado nesta quinta (4). Foi internado na terça (2), após testar positivo para Covid-19, em uma UTI no Hospital 13 de Maio, em...

Setasc doou 330 mil cestas básícas

Rosamaria 400 curtinha   A Secretaria Estadual de Assistência Social e Cidadania (Setasc), sob Rosamaria de Carvalho (foto), já entregou mais de 330 mil cestas básicas desde o inicio da pandemia, sendo 110 mil em Cuiabá e Várzea Grande. E como assistência social foi considerada como serviço essencial,...

Interinos ficam sem cargos no TCE

jose carlos novelli 400 curtinha   Com o retorno dos conselheiros do TCE, Antonio Joaquim e José Carlos Novelli (foto), dois substitutos perderam os postos não apenas nas relatorias, como também ficam sem os cargos na gestão. É o caso de Isaías Lopes da Cunha, que deixou de ser ouvidor-geral, sendo...

MT perde José Afonso Portocarrero

portocarrero-400   Morreu nessa quarta  (3), aos 93 anos, José Afonso Portocarrero (foto). O ex-presidente dos extintos  Banco do Estado de Mato Grosso (Bemat)  e Loteria do Estado de Mato Grosso (Lemat)  morreu de causas naturais. Viúvo, deixa quatro filhos.  Na vida profissional, foi o responsável...

Secretários filiados e sem pretensões

Beto 2x1 400 curtinha   Presidente do DEM em Cuiabá, o secretário estadual de Cultura, Esporte e Lazer, Alberto Machado, o Beto 2 x 1 (foto), disse, em visita ao Rdnews, quando concedeu entrevista à tvweb RDTV, que alguns colegas secretários estão filiados ao partido, mas isso não significa que eles...