Últimas

Quinta-Feira, 10 de Maio de 2007, 07h:39 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EXECUTIVO

Maggi deve confirmar Silval na Infra-Estrutura

Governador reassume Paiaguás e anuncia medidas políticas e administrativas 

    Depois de 15 dias nos Estados Unidos, onde ministrou palestras, fechou parcerias no ramo do agronegócio e amenizou as críticas sobre seus ombros na área ambiental, o governador Blairo Maggi reassume o comando do Palácio Paiaguás mais preocupado em contornar crise política e a rebeldia de alguns deputados.

     Maggi anunciará medidas políticas e também administrativas. Atendendo ao PMDB, deve confirmar seu vice Silval Barbosa como secretário de Infra-Estrutura, conforme adiantou para o peemedebista, por telefone, durante a viagem. O partido sob Carlos Bezerra é o único que está fora do primeiro escalão. Em princípio, o acerto seria para o PMDB ficar com a Educação, maior pasta da estrutura da máquina. Recuou e cedeu a Seduc para o PT.

    A Sinfra tem o perfil do PMDB, avaliam os seus quatro deputados na Assembléia, Adalto de Freitas, o Daltinho, Zé Carlos do Pátio, Walter Rabello e Juarez Costa. Silval acha que terá condições de tocar obras com ajuda do governo federal. Para tanto, aposta no deputado Bezerra, presidente da legenda e ex-relator do Orçamento Geral da União. O cacique é tido como bom articulador na busca por recursos. Nas negociações iniciais, Maggi ofereceu as pastas da Indústria, Comércio, Minas e Energia e a Cultura para os peemedebistas, que chegaram a sugerir nomes, entre eles de Aldo Romani.

   Disposto a fazer um segundo mandato mais político que técnico, Blairo Maggi chamará todos os deputados para uma conversa. Quer impedir bloqueio quanto à aprovação de projetos do Executivo. O governador sente que está faltando maior interação, o que vem dando brecha para ataques à administração nos últimos dias. Por fim, o "rei da soja" tenta manter a unanimidade. A última conquista foi do ex-opositor PT, que agora comanda a Educação com Ságuas Moraes.

   No âmbito administrativo, Maggi volta a reclamar da queda de receita e avisa que não vai dar aumento salarial para o funcionalismo neste ano.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Políticos em peso em evento do HMC

A solenidade que marcou a entrega do HMC em Cuiabá, nesta segunda (19), está sendo considerada o evento do ano para o prefeito Emanuel. Ele conseguiu motivar a presença de diversas lideranças políticas, empresariais e de diferentes setores. Para se ter uma ideia, dos 11 membros da bancada federal, 8 estavam presentes, assim como 16 dos 24 deputados estaduais e 17 dos 25 vereadores. Também marcaram presença dezenas de prefeitos e outros...

Base na Câmara e apoio de Iva Viana

leonardo 400 curtinha   Leonardo Bortolin (foto), que comanda Primavera do Leste e um dos vários prefeitos que prestigiaram a solenidade de entrega 100% do HMC, nesta segunda à noite, em Cuiabá, revelou contar com uma base forte e sólida na Câmara Municipal, o que tem sido importante na aprovação dos...

Ato de EP atrai 6 últimos governadores

emanuel pinheiro 400 curtinha   Emanuel Pinheiro (foto), habilidoso nas articulações políticas, conseguiu levar para o mesmo evento, marcando a entrega 100% do Hospital Municipal de Cuiabá, nesta segunda à noite, cinco ex-governadores e ainda o atual. Prestigiaram a solenidade Júlio Campos, Carlos Bezerra,...

Governador tenta constranger prefeito

mauro mendes 400 curtinha   Mauro Mendes (foto) tentou constranger o prefeito Emanuel, nesta segunda, na festa da entrega para funcionamento pleno do Hospital Municipal de Cuiabá. Na presença de diversas autoridades, inclusive dos últimos cinco governadores, com exceção de Silval, o atual chefe do Executivo, em...

3 vereadores cuiabanos no Cidadania

diego guimaraes 400 curtinha   O Cidadania, hoje sem voz na Câmara de Cuiabá, poderá ter três vereadores a partir de março de 2020, com abertura da janela. Na dança das cadeiras, Felipe Wellaton sairá do PV para aderir ao Cidadania, que já é presidido em Cuiabá pelo seu chefe de...

6 na Câmara tentam barrar projetos

francis maris 400 curtinha   O prefeito cacerense Francis Maris (foto) luta junto aos vereadores, para, enfim, concretizar todas as etapas de um financiamento milionário para projetos na área de saneamento. São R$ 130 milhões para abastecimento de água e cobertura de rede de esgoto, com juros de 6% ao ano e 20...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.