Últimas

Quinta-Feira, 10 de Maio de 2007, 07h:39 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EXECUTIVO

Maggi deve confirmar Silval na Infra-Estrutura

Governador reassume Paiaguás e anuncia medidas políticas e administrativas 

    Depois de 15 dias nos Estados Unidos, onde ministrou palestras, fechou parcerias no ramo do agronegócio e amenizou as críticas sobre seus ombros na área ambiental, o governador Blairo Maggi reassume o comando do Palácio Paiaguás mais preocupado em contornar crise política e a rebeldia de alguns deputados.

     Maggi anunciará medidas políticas e também administrativas. Atendendo ao PMDB, deve confirmar seu vice Silval Barbosa como secretário de Infra-Estrutura, conforme adiantou para o peemedebista, por telefone, durante a viagem. O partido sob Carlos Bezerra é o único que está fora do primeiro escalão. Em princípio, o acerto seria para o PMDB ficar com a Educação, maior pasta da estrutura da máquina. Recuou e cedeu a Seduc para o PT.

    A Sinfra tem o perfil do PMDB, avaliam os seus quatro deputados na Assembléia, Adalto de Freitas, o Daltinho, Zé Carlos do Pátio, Walter Rabello e Juarez Costa. Silval acha que terá condições de tocar obras com ajuda do governo federal. Para tanto, aposta no deputado Bezerra, presidente da legenda e ex-relator do Orçamento Geral da União. O cacique é tido como bom articulador na busca por recursos. Nas negociações iniciais, Maggi ofereceu as pastas da Indústria, Comércio, Minas e Energia e a Cultura para os peemedebistas, que chegaram a sugerir nomes, entre eles de Aldo Romani.

   Disposto a fazer um segundo mandato mais político que técnico, Blairo Maggi chamará todos os deputados para uma conversa. Quer impedir bloqueio quanto à aprovação de projetos do Executivo. O governador sente que está faltando maior interação, o que vem dando brecha para ataques à administração nos últimos dias. Por fim, o "rei da soja" tenta manter a unanimidade. A última conquista foi do ex-opositor PT, que agora comanda a Educação com Ságuas Moraes.

   No âmbito administrativo, Maggi volta a reclamar da queda de receita e avisa que não vai dar aumento salarial para o funcionalismo neste ano.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Fazendeiro deve disputar em Tangará

chico clemente 400 curtinha   Chico Clemente (foto), que está determinado a disputar a Prefeitura de Tangará da Serra pelo PSD, é fazendeiro e não precisa de política praticamente para nada. Mesmo assim, é conhecido por gostar muito dos bastidores, o que o levou a estar na direção de campanhas...

Vander sufocado em Tangará da Serra

vander masson 400 curtinha   Se até há poucos dias tudo indicava para uma possível eleição de Vander Masson (foto) em Tangará da Serra, agora a situação ganha novos rumos e se complica para o tucano. O filho do ex-deputado Saturnino vem perdendo o controle do cenário. Nos últimos...

IFMT e novo laboratório pra testagem

deiver 400 curtinha   Numa iniciativa inédita, o Campus do IFMT Cuiabá - Bela Vista, sob o diretor-geral Deiver Alessandro Teixeira (foto), terá um novo laboratório a ser utilizado para análise sorológica da Covid-19, através da pesquisa de IgG e IgM. A obra, orçada em R$ 1 milhão,...

Comitê chama órgãos fiscalizadores

emanuel pinheiro 400 curtinha   Para colocar fim às críticas sobre suposta falta de transparência na aplicação dos recursos transferidos a Cuiabá pelo governo federal com vistas ao enfrentamento à pandemia, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) determinou que seu secretário de Saúde, Luiz...

PT sob risco de não eleger ninguém

marcos viana 400 curtinha   Mesmo tendo cabeça de chapa para prefeito, no caso o ex-juiz federal Julier Sebastião da Silva, o PT dificilmente elege um vereador em Cuiabá no pleito deste ano. A chapa de pré-candidatos proporcionais é fraquíssima. O "grande" nome do partido é da professora Edna...

Único da família Oliveira pra vereador

luluca 400 curtinha   Na queda-de-braço entre irmãos, venceu, por enquanto, Luiz Arthur Oliveira Ribeiro, o Luluca (foto), que será candidato a vereador pelo MDB em Cuiabá, carregando o espólio político da família Oliveira. Irmão de Luluca, o ex-vereador Leonardo Oliveira, que procurou e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.