Últimas

Terça-Feira, 17 de Junho de 2008, 06h:57 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

EXECUTIVO

Maggi fecha acordão com Silval e sai 1 ano antes

  • Governador antecipa renúncia para dezembro de 2009
  • Todos secretários devem colocar cargos à disposição
  • Chance de voltar ao Paiaguás leva PMDB a apoiar Mendes

   Blairo Maggi (PR) fez um acordo de bastidores com o seu vice Silval Barbosa (PMDB) para antecipar em um ano a saída do comando do governo estadual. Com isso, ao invés de renunciar ao mandato em abril de 2009, prazo-limite dentro da legislação eleitoral para poder concorrer ao Senado, o "rei da soja" o fará já em dezembro do próximo ano.

  Foi a partir dessa negociação, que acabou abrindo chance para o PMDB voltar a comandar o Palácio Paiaguás 22 anos depois, que o partido do cacique Carlos Bezerra e de Silval resolveu sair dos braços do prefeito cuiabano Wilson Santos (PSDB) e fechar aliança com o candidato de Maggi a prefeito de Cuiabá, empresário Mauro Mendes, do PR. A última vez que o PMDB governou Mato Grosso foi de 87 a 89, com o próprio Bezerra.

  Maior produtor de soja do mundo, Blairo Maggi não assume publicamente o acordo com Silval, mas já comunicou a alguns secretários que, de fato, está disposto a sair em dezembro de 2009. Nesse caso, todos os secretários vão ser obrigados a colocar os cargos à disposição, já que Silval terá a liberdade de, enquanto futuro chefe do Executivo Estadual, montar sua própria equipe.

   A pretensão do governador é de se dedicar ao menos 4 meses (dezembro de 2009 a abril de 2010) aos negócios empresariais antes de entrar numa nova campanha eleitoral, desta vez para o Senado ou até mesmo numa chapa majoritária de vice-presidente da República. Ele revelou também para Silval, que terá a missão de concluir o mandato, estar cansado e um tanto desanimado com o pesado "fardo" sobre os ombros de ser governador.

   Não é à-toa que o "rei da soja" começou a dar maior autonomia a seu vice. Silval tem assumido a frente de várias articulações do governo e dentro do PMDB disputa com Bezerra o projeto de candidatura a governador em 2010. Maggi e Silval estudam estratégia para conciliar as pretensões políticas do PR e do PMDB visando as próximas eleições gerais, de modo a não haver cisões.

Postar um novo comentário

Comentários (19)

  • jorge maciel | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quem diria! O governador Maggi tomou gosto mesmo pela política-partidária, ao contrário do que andou falando no pré-2002. De qualquer sorte, vem mostrando nessa trajetória (como governante) ser um homem público raro. É determinado, sério, arrojado e, com um detalhe importante, humilde. No futuro, pelo que já provou, certamente será digno de merecer novas oportunidades. Silval, uma incógnita, mas se não for bom, não pode comprometer muito, já que 1 ano não é tanto tempo assim

  • Kan Robert | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Lembrarei-me deste fato quando for votar novamente,politicos que não cumprem integralmente seus mandatos, cometem estelionato eleitoral e não terão meu voto.O mandato dado pelo povo não pode servir de barganha eleitoral.

  • Elias Carneiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    Sr. Jorge Maciel,

    Você está totalmente equivocado, o Gov. Maggi é no minimo IGUAL ou PIOR que todos os POLÍTICOS que o mesmo sempre criticou.

  • Ricardo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    QUEM DIRIA O BLAIRO MAGGI QUE TANTO CRITICAVA OS FUNCIONARIOS PÚLBLICOS E POLITICOS CARREIRISTAS AGORA NÃO QUER LARGAR O OSSO.....QUER SER UM ETERNO FUNCIONARIO PÚLBLICO,FICA A SUGESTÃO: SR.GOVERNADOR JÁ QUE DESCOBRIU SUA VOCAÇÃO PARA SERVIDOR FAÇA UM CONCURSO.EM TEMPO A SAIDA É MUITO BOM,UM ANO A MENOS DE SOFRIMENTO.......SE HOVER MUDANÇA DE SECRETARIOAS É CLARO.

  • VALDIR CAMESCHI | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O BLAIRO JA DEVIA SAIR AGORA, POIS NESTE SEGUNDO MANDATO O QUE ELE FAZ E CUIADAR DOS INTERESSE DAS EMPRESAS AMAGGI, E SE DEFENDER DE SER O MAIOR DEPREDADOR DA MATA AMAZONICA, MAGGI PEGA BONE E ANTECIPA PARA DEZEMBRO DE 2008

  • Cuiabano | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    Com certeza com essa antecipação da saída de Vossa ExceLência Srº Governador, vai fazer falta para muitos cuiabanos e várzea grandense.

    Tenho certeza que vai ser dificil encontrar um Governante como o Senhor, até porque, não vejo nenhum nome a altura do gabarito de Vossa Excelência.

    Mais em todo caso agradeço pelo que fez por MATO GROSSO.

  • Dito Macumba | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Vinicius Guimarães | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quem te viu, quem te vê, governador...

  • Thiago Neves | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Fico realmente triste de meus filhos terem que viver em um país onde os princípios básicos contitucionais são violados... Votei em você, Blairo Maggi. Confiei no meu trabalho. Uma proposta nova, inovadora e me sinto profundamente chateado. Meu Deus! Onde vamos parar? Isso é democracia?

  • Germano Souza Cruz | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É uma idiotice achar que a atitude de Blairo deixar o (des)governo é um desprendimento seu do Poder, ou porque ele é bonzinho.
    Qualquer um, em sã consciência está vendo que o que ele está fazendo é barganha política, pura e simples para angariar apoio político para o Múmia Mendes(aquele que não saí do lugar em nenhuma pesquisa).
    É uma idiotice muito maior dos peemedebistas confiar na promessa de Blairo de que ele vai deixar o (des)governo com um ano de antecipação. Quero estar vivo para ver.
    Ora, leitores RDNews, o Blairo Maggi já foi picado pela cobra cascável da política e aprendeu rapidinho fazer promessas que não cumprirá.
    Pobre do PMDB, mas bem feito a seus dirigentes, vão ser sepultados vivos por Blairo.

Jayme incomodado com Flávio em VG

jayme campos 400 curtinha   A candidatura a prefeito de Várzea Grande do empresário Flávio Frical (PSB), principal aposta da oposição, passou a incomodar a família Campos, que apoia o ex-vereador Kalil Baracat, concorrente ao Executivo pelo MDB. Em uma noite que seria de festa, em comemoração...

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

PSB deve ficar fora da aliança de EP

max russi curtinha 400   O PSB, presidido pelo deputado Max Russi (foto), pulou mesmo do barco de Emanuel Pinheiro. Deve formalizar apoio à candidatura de Roberto França ao Alencastro. O PSB não consta na lista oficial de siglas que estão com o prefeito, que busca à reeleição. Os 11 que estão...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.