Últimas

Quinta-Feira, 06 de Dezembro de 2007, 11h:30 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

MEIO AMBIENTE

Maggi ignora CPI; Daldegan continua "intocável"

Luis Daldegan, secretário estadual de Meio Ambiente
Nome do secretário Luís Henrique Daldegan se fortalece com a CPI da Sema, mesmo mediante pedido de sua exoneração

   Mesmo sob críticas dos deputados José Riva e Walter Rabello (ambos PP), que conduziram a CPI da Sema e sugeriram a queda de Luís Henrique Daldegan, o governador Blairo Maggi assegura que não fará mudanças no primeiro escalão da pasta do Meio Ambiente. Dessa forma, Daldegan se fortalece com o trabalho da Comissão da Assembléia, que mais sugeriu do que denunciou irregularidades na área ambiental.

    Maggi já tinha avisado para Daldegan que, independente do resultado da CPI da Sema, ele seria preservado no comando da pasta. Para o governador, os problemas são mesmo complexos e entende que o substituto do ex-secretário Marcos Machado não cometeu atos de improbidade.

   Daldegan é ex-assessor parlamentar do deputado Humberto Bosaipo (DEM). Desde que passou a dirigir a Sema, enfrenta uma série de desafios tanto do ponto de vista administrativo quanto da concepção da sociedade quanto ao meio ambiente. Parece viver num barril de pólvora. Servidores chegaram a ser presos, sob acusação de cometer falcatruas e engenheiros florestais foram descredenciados e, após embate jurídico, conseguiram reativação do cadastro. Várias sindicâncias foram instaladas. Pegos na ilegalidade, setores como o madeireiro culpam a Sema pela demora na liberação das licenças ambientais.

    Daldegan vive sob pressão, principalmente de políticos. Alguns recorrem ao secretário para não serem punidos por desmatamento ilegal. Outros pedem socorro no sentido de evitar que áreas sejam interditadas pela fiscalização e em busca de licenciamento. Além disso, o secretário precisa mostrar na prática que o governo "prioriza o setor" e que o seu líder, o governador e "rei da soja", não é estuprador da floresta, como costumam batizá-lo ONGs e setores da imprensa internacional.

   A luta agora é por dados positivos, uma forma de fortalecer na prática os nomes de Daldegan e do governo em geral, principalmente se MT deixar as primeiras colocações no ranking nacional de campeão nacional em desmatamento, queimadas ilegais e em trabalho escravo.

Postar um novo comentário

Comentários (23)

  • vespasiano cabral | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A noticia que corre nos bastidores é outra, bem diferente, pois a repercussão do caos administrativo da secretaria de estado do meio ambiente já atingiu nível internacional. Todos sabemos que existem acordos politicos, gente próxima do governador que há algum tempo tá forçando a barra para manter o daldegan (resta saber porquê tanto interesse), no entanto, a cada dia, surgem fatos novos, aberrações e inconsequenciais cometidas pelo secretário ou sua chefe de gabinete, que é uma prova cabal porquê a politica ambiental deste Estado não avança. A moça não possui nenhuma qualificação técnica para exercer a função. questão politica, mas, para tudo têm um limite.

  • Luis Carlos Rodrigues | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Ricardo Nobre | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Jonatan Santos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Adriano Huck | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Adriano Huck | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    RD NEWS, vou dar a sugestão ao melhor dite do Mato Grosso, mandem seu repórtes à SEMA para fazer uma entrevista com a chefe de Gabinete Izabel e peçam para o mesmo permanecer por lá algum tempo, coisa de meia hora. Vão ver um monte de baixaria da moça. E, realemnte façam uma entrevista com ela, perguntando se ela conhece o por que de tanta gente inconformada com a permanência dela naquele local. Aprofundem um pouco mais a entrevista e façam perguntas mais inteligentes, de informações sobre o meio ambiente, etc. Vão ver oque vai dar.
    Te dou a certeza que vai dar o maior ibope de acessos ja visto no RD News.
    Obrigado

  • Dani Almeida | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Como as coisas funiconam na SEMA, todos já sabemos. Só cego não que não enxerga isso, e não estou me referindo à deficiência física não....
    É muito fácil pra essa CPI apontar um ou outro culpado, falar em exonerar secretário.... o que tem que mudar é toda a estrutura. Não adianta nada mudar os chefes e a bagunça continuar igual... Tudo bem que no quesito competência administrativa essa atual gestão deixa bastante à desejar.
    E a TECNOMAPAS??? As contratações totalmente questionáveis??? Até quando cai continuar???
    Fala-se muito, muda-se nada...

  • elizabeth vasquez da anunciação | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Dani, discordo de você, não adianta mudar só o sistema, têm que mudar a filosofia, a visão e o comportamento dos dirigentes atuais frente a gestão ambiental do Estado. Foi demonstrado ao longo desse ano que realmente o senhor luiz henrique daldegan é um despreparado para a função, não só tecnicamente, mas, inclusive, falta-lhe inteligência emocional, pois a grande parte dos técnicos de carreira da sema estão desmotivados, ou mesmo, sendo vitimas de armações, sendo totalmente excluidos do órgão. A Sema precisa de um líder verdadeiro, aquele que motiva e entusiasma as pessoas a trabalharem (como na época do secretário marcos machado), e não de alguém que vive policiando e discriminando os técnicos de carreira.

  • José Oliveira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Senhor Editor...

    ... Na verdade a situação atual da SEMA pode ser explicada por apenas dois fatos:

    1. A armadilha montada pelo Ministério do Meio Ambiente em aceitar repassar para a SEMA várias das atribuições do IBAMA, quando do escandalo da extinta FEMA. Qualquer ser pensante, na época, sabia que aquilo não daria certo, pois como gerir todos estes serviços ambientais sem nehuma ou pouca estrutura;

    2. O vendaval chamado Dr. Marcos Machado, que fez a cabeça do governador Blairo Maggi para que o mesmo aceitasse tais atribuições e depois deixou os pepinos e os abacaxis para o coitado do Daldegan descacar. Inclusive é bom que se comente aqui, que o Dr. Marcos Machado, que foi secretário de estado do governo Dante e do governo Blairo Maggi, sempre saiu como héroi das secretarias que passou. Mas tal fenomeno precisava ser mais investigado porque coicidentemente em todas as secretarias que este bom moço passou, logo após sua saida apareceu problemas de todos os tamanhos e montas. Foi assim na Saúde e na SEMA.
    Será que o Dr. Marcos Machado é muito competente ou seus substitutos são incompetentes....

    Zé Oliveira

  • José Oliveira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Senhor Editor...

    ... Na verdade a situação atual da SEMA pode ser explicada por apenas dois fatos:

    1. A armadilha montada pelo Ministério do Meio Ambiente em aceitar repassar para a SEMA várias das atribuições do IBAMA, quando do escandalo da extinta FEMA. Qualquer ser pensante, na época, sabia que aquilo não daria certo, pois como gerir todos estes serviços ambientais sem nehuma ou pouca estrutura;

    2. O vendaval chamado Dr. Marcos Machado, que fez a cabeça do governador Blairo Maggi para que o mesmo aceitasse tais atribuições e depois deixou os pepinos e os abacaxis para o coitado do Daldegan descacar. Inclusive é bom que se comente aqui, que o Dr. Marcos Machado, que foi secretário de estado do governo Dante e do governo Blairo Maggi, sempre saiu como héroi das secretarias que passou. Mas tal fenomeno precisava ser mais investigado porque coicidentemente em todas as secretarias que este bom moço passou, logo após sua saida apareceu problemas de todos os tamanhos e montas. Foi assim na Saúde e na SEMA.
    Será que o Dr. Marcos Machado é muito competente ou seus substitutos são incompetentes....

    Zé Oliveira

Arsec concede reajuste; prefeito veta

alexandro adriano arsec 400   No último dia 22, a diretoria-executiva colegiada da Agência Municipal de Regulação de Serviços Públicos Delegados de Cuiabá (Arsec), presidida por Alexandro Adriano Lisandro (foto), aprovou índice de reajuste de 2,21% nas tarifas de água e esgoto. E...

Novo ensaio do privilegiado Neurilan

neurilan fraga 400   Neurilan Fraga (foto) transformou mesmo a AMM não apenas num cabide de emprego, mas numa entidade para, em alguns casos, atender a seus interesses pessoais. Ali, investido no cargo de presidente, inclusive já pelo quarto mandato, mesmo não sendo mais prefeito, ele se articula politicamente o tempo todo....

Dobradinha no Podemos pela reeleição

claudinei 400 curtinha   Eleito deputado na onda Bolsonaro, o delegado de Polícia Claudinei de Souza Lopes (foto) resolveu deixar o PSL e vai se abrigar no Podemos. Sonha com a reeleição. Sua estratégia é trabalhar o que se chama de dobradinha eleitoral com o deputado federal José Medeiros, especialmente em...

Valtenir atrai lideranças para o MDB

valtenir pereira 400   Mesmo sem mandato eletivo, o ex-vereador pela Capital e ex-deputado federal Valtenir Pereira (foto) continua se articulando nos bastidores, agora pelo fortalecimento do seu partido, o MDB. Ele está convencendo algumas lideranças a se filiar na legenda emedebista. Dois líderes são prefeitos...

Chefe do Escritório de ROO em Cuiabá

mario marques 400 curtinha   O prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, que iniciou neste mês o 3º mandato, mantém como parte da estrutura da administração um cargo de chefe do Escritório de Representação do município na Capital. E Pátio nomeou para esta...

Prefeito cria comitê pra debater modal

emanuel pinheiro 400 curtinha   Mesmo o governador Mauro Mendes já tendo anunciado que vai implantar o BRT na Região Metropolitana, em detrimento do VLT, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto) criou um comitê de análise técnica para, segundo ele, definir o modal de transporte para a região. Emanuel...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.