Últimas

Sexta-Feira, 23 de Novembro de 2007, 16h:06 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

COBRANÇA

Maggi não está cumprindo promessas, diz Iraci

     Ex-vice-governadora cutuca secretária Terezinha, vê atuação pífia e alerta que ainda há muitas pessoas passando fome no Estado

    A ex-vice-governadora e nova pré-candidata do DEM à Prefeitura de Cuiabá, Iraci França, adota discussão de oposição ao governo do qual fez parte no primeiro mandato (2003/2006). Segundo ela, Maggi não está cumprindo promessas de campanha. "Nas eleições, o governador sempre apresentou propostas voltadas para a área social, mas até agora não vimos nenhum avanço. Ele (Maggi) deve dar mais ênfase aos programas sociais", critica.

    "Há uma secretaria para cuidar disso, mas percebemos que não está dando a importância ao social como deveria", diz, referindo-se à secretaria estadual de Trabalho, Emprego, Cidadania e Assistência Social, sob a primeira-dama Terezinha Maggi. "Temos um contingente de pessoas que ainda passam fome em nosso Estado e não podemos fechar os olhos para essa situação", enfatiza Iraci, que foi ovacionada pelos democratas como pré-candidata ao Palácio Alencastro, durante a primeira convenção do DEM, nesta sexta, no plenário da Assembléia.

    A esposa do ex-prefeito e deputado Roberto França destaca que a assistência social está em segundo plano no governo Maggi. Conta que teve várias conversas com o governador e reivindicou a viabilização de ações que beneficiem a população carente. "O governador sempre me deu respaldo durante as reuniões, mas não executava projetos", reclama.  Por outro lado, Iraci admite que o governador tem projetado grandes obras, porém, em outros setores.  Confessa que ganhou muita experiência ao exercer o posto de vice-governadora de Maggi. "Acompanhei as questões de perto. Por isso, hoje tenho noção das reais necessidades do Estado".

    A democrata, que levanta a bandeira das políticas sociais para o pleito de 2008, se esquiva quando perguntada sobre a avaliação que faz da gestão do seu futuro adversário nas urnas, prefeito Wilson Santos (PSDB). Mas, afirma que está contente porque o prefeito tucano deu continuidade aos programas que desenvolveu na época em que foi primeira-dama e secretária de Bem-Estar Social da Capital, na então gestão do marido França. (Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • ANTONIO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    SÓ AGORA QUE ELA SABE DISSO, POR QUE NÃO SE MANIFESTOU ANTES, OU SERÁ PORQUE FAZIA PARTE DO EXECUTIVO ESTADUAL.

    TO DENTRO, NÃO VEJO NADA.
    TO FORA, DETONO

    COMEÇOU DE FORMA RUIM DONA IRACI, GOSTARIA QUE FOSSE MESMO CANDIDATA, EU VOTARIA NA VOSSA PESSOA, PORÉM COM UMA POLITICA ÉTICA.

    COMEÇOU IGUAL AO DEUCIMAR, LEVI ANDRADE E OUTROS. SÓ SAIR DO GRUPO, SE TORNAM O MELHORES POLITICOS (DONOS DA VERDADE)

  • Antonio Carlos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Povo cuiabano mereçe ela mesmo como prefeito...como primeira dama de Cuiaba nada Fezx como Vivce Governadora melnos ainda .Agora é a paladina da moralidade olha dona Iraci pegue seu Banquinho e saia com seu maridinho de fininho ;....Vcs não pagava nem a folha dos servidores

  • Jorge | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quem não paga salário em dia não tem moral de falar de ninguem.

  • MARCELO ARRUDA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    PORQUE DONA IRACI NÃO ABRE DA SUA APONSETADORIA IMORAL DE EX-GOVERNADORA PARA AJUDAR A SOCORRER AS PESSOAS QUE PASSAM FOME EM MT.

    O QUE ELA TÁ FAZENDO É CRETINICE, RECEBER UMA APOSENTADORIA POR TER EXERCIDO O MANDATO POR 1 MES E TENTAR POSAR COMO A GUARDIÃ DA MORAL E DOS BONS COSTUMES.

    CUIABÁ NÃO MERECE.

Efeito-Covid adia vinda de Michelle

michelle bolsonaro A primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, e a secretária da Mulher, Luciana Zamproni, resolveram transferir para abril a agenda de 11 de março que teria como convidada a secretária nacional de Mulheres, do Ministério dos Direitos Humanos, Cristiane Britto e a primeira-dama do Brasil Michelle...

Governador entre a cruz e a espada

mauro mendes curtinha   Às vésperas da pandemia completar 1 ano em MT, o Estado vive o seu pior momento e o governador Mauro Mendes (foto) enfrenta uma verdadeira prova de fogo: liderar ações coordenadas em todo o território mato-grossense para evitar que o Estado viva cenas parecidas com as de Manaus e de Estados...

Câmara volta a realizar 2 sessões

juca 400 curtinha   A Câmara de Cuiabá, sob a presidência do vereador Juca do Guaraná Filho (foto), volta a realizar duas sessões semanais, nas terças e quintas. Por conta da pandemia, as sessões serão remotas. A resolução foi aprovada por unanimidade pelos parlamentares que vinham...

Coronel linha dura morre ao 91 anos

Coronel Abid 400   Morreu   em Campo Grande (MS), aos 91 anos,  o coronel da PM aposentado Adib Massad (foto), considerado  um dos principais nomes  da Segurança Pública de Mato Grosso na década de 1970. À época, ainda com a patente de  tenente, foi comandante regional...

Mauro e vitórias na briga de decretos

orlando perri 400 curtinha   A estratégia do governador Mauro Mendes de articular com os Poderes a edição do decreto de toque de recolher vem dando frutos. O governo publicou decreto impondo toque de recolher das 21h às 5h, com fechamento do comércio às 19h. O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro,...

Prefeito é intubado e pode ir para SP

Prefeito de Tapurah Carlos Alberto Capeletti   É grave o quadro de saúde do prefeito de Tapurah (432 km de Cuiabá), Carlos Alberto Capeletti (PSD). Após piora, ele precisou ser intubado nesta quinta (4). Foi internado na terça (2), após testar positivo para Covid-19, em uma UTI no Hospital 13 de Maio, em...