Últimas

Segunda-Feira, 08 de Junho de 2009, 12h:05 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

Unemat

Maggi pede "bom senso" durante protesto contra Taisir

    Os protestos de professores e estudantes contra a gestão Taisir Karim à frente da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) prosseguiram neste sábado (6), em Sinop. A comunidade acadêmica, que reivindica a saída de Taisir do comando da instituição, aproveitou a visita do governador Blairo Maggi (PR) à abertura da 25ª Feira Agropecuária de Sinop (Exponop) para encurralá-lo e exigir providências quanto aos supostos desmandos do reitor.

   Logo na chegada a Sinop, o governador foi recebido por um grupo de estudantes que pediram a intervenção do governo do Estado no processo de apuração das 58 supostas irregularidades que teriam sido cometidas por Taisir Karim. Também exigiram mais celeridade ao processo de retirada dele do cargo.

   Mantendo o discurso legalista, Maggi respondeu aos estudantes que não pode interferir nos procedimentos administrativos da Unemat, já que a instituição possui autonomia e é desvinculada do Poder Executivo. Maggi lembrou que os próprios estudantes e professores sempre lutaram, inclusive, por tal autonomia. O governador garantiu, porém, que vai intermediar o diálogo entre os estudantes, o Ministério Público e a Assembleia Legislativa. “Para fazer interferência neste processo eu teria que pedir uma intervenção legal, o que só faria em última instância. É um problema administrativo de vocês (professores e estudantes da Unemat), que deve ser resolvido com muito bom senso. Eu estou disposto a servir de mediador no que for preciso”, disse Maggi.

   Atualmente, o orçamento da Unemat é de R$ 104 milhões. Deste montante, o reitor Taisir Karim aponta que R$ 95 milhões são empregados no pagamento da folha dos 900 professores e 450 servidores - saiba mais aqui. A faixa salarial dos docentes varia de R$ 6 mil a R$ 10 mil. Fundada em 1978 e hoje com cerca de 16 mil alunos, a Unemat tem sua sede em Cáceres e está presente em nove municípios, sendo eles Alta Floresta, Alto Araguaia, Tangará da Serra, Sinop, Barra do Bugres, Juara, Luciara, Nova Xavantina e Pontes e Lacerda. (Andréa Haddad)

Postar um novo comentário

Comentários (17)

  • Anderson Marcelo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Estão tentando colocar que os protestos dos acadêmicos da Unemat de Sinop, estão querendo que a sede seja transferida para cá e que queremos a divisão da universidade, em nenhum momento isso foi reivindicado, a luta que temos é pelo cumprimento das leis, pelo funcionamneto adequado da universida com o número de funcionários necessário, pela implantação do estatuto e pela investigaçãp do reitor, isso não é briga política e sim por melhores condições de estudo.

  • Mário Quidá | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    Não tentem desviar o foco!
    Quem propôs a divisão da Unemat foi o próprio padrinho do Reitor, o deputado RIVA, que por sinal é do mesmo partido e aliado do PEDRO HENRY, que por sinal era quem dava emprego para esse DEUSDEU que citou meu nome logo acima.

    Portanto Romilson, não se trata de Alexandre Cesar, ou PT, eu fui um dos que iniciaram esse movimento e sou filiado no PDT, esse é um movimento pela MORALIDADE, PUBLICIDADE, LEGALIDADE e EFICIÊNCIA, princípios constitucionais da administração pública.

    Nada pessoal contra o professor TAISIR, ocorre que ele é autoritário, não respeita as leis, estatutos ou regimentos, só trabalha sob pressão do Ministério Público, existem centenas de indícios de irregularidades nos 7 anos de sua gestão, mas se investigarem tudo vai sobrar pra muito político que é candidato em 2010, por isso essa movimento para desviar o foco e abafar o caso!! Muitos interesses em jogo! Nós sabemos disso aqui em Cáceres!

    Sou cacerense, filho e neto de cacerenses, mas não defenderei mensaleiro, sanguessuga, nem qualquer tipo de falcatrua, se os sinopenses também somam força neste movimento não significa que querem tirar a sede administrativa de Cáceres.

    Em dezembro de 2008 o II Congresso Universitário, com 250 delegados dos 11 campi sequer discutiu essa possibilidade de mudança de sede, o reitor está usando a mídia para mentir, como é de costume em seu modo de agir.

    O governador disse em uma reunião que eu estava presente que não aguenta mais os problemas causados pelo turquinho, foi assim que o Blairo chamou ele!

    E podem ter certeza, esse grupo do atual reitor vai perder a eleição em 2010, mas o candidato da oposição será um professor lotado no campus de Cáceres mesmo, para provar que não se trata de uma briga da região Oeste contra o Nortão, mas uma briga daqueles que defendem a MORALIDADE contra os defensores da IMPUNIDADE.

  • Adriana | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Me diz como o país anda pra frente com gentalha que pensa como estes fulanos dos comentários anteriores, isto é se pensam né

  • Carla Medeiros Bernardinni | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não estou conseguindo entender o que quer esse povo de SINOP. uma hora querem a sede da UNEMAT, outra hora não a querem mais e querem apenas a saida do Prof Taisir, ta passando da hora de vcs definirem o que de fato vcs estão querendo.
    Tem uma duzia de baderneiros aqui em Cáceres, capitaneados por Dimas e Mario Quidá, que na verdade não representam nada na comunidade acadêmica, só fazem barulho mas na hora do vamo ver, se escondem igual cachorrinho pequenês em baixo da cama.
    Quero dizer a vocês, que começou no decorrer da semana passada em Cáceres um movimento forte nos clubes de serviços, (Lions, Rotary e maçonaria) visando a briga obstinada pelo que é nosso. quando o Sr Alexandre César aparecer em Cáceres, terá que se explicar com a sociedade organizada.
    Quanto a Vcs aí de SINOP, sinto muito, mas vão continuar sendo nossos coadjuvantes.
    Desliguem a motosserra e liguem a inteligencia e vcs serão lembrados de outra forma.

  • Mossueto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É isso ai professor TAISYR, o minimo que o sr. deve fazer é eleger o seu sucessor e provar a essa minoria que não trabalha, atrapalha quem trabalha, não tem uma meta definida, pois para justificar a sua inoperancia partem para uma oposição desordenada, se o comando da UNEMAT caisse hoje nas mãos desses baderneiros, com certeza eles não saberiam o que fazer, pois não tem um plano de ação para por em pratica.
    A eleição do seu sucessor joga um balde de agua fria nesse grupesco e prova a eles o que agora estou afirmando.

  • pretinha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parabens governador Blairo Maggi pelo bom senso e diplomacia politica que tratou os meia duzias de professores e estudantes de Sinop que so querem mesmo é fazer baderna e impedir o crrescimento da Universidade, pela quantidade de pessoas que estavam la, deu para o senhor perceber que nao se trata da concordância de todoas os universitarios e professores de Sinop, mas simplesmente do pessoal do Sindicato que sempre estiveram a frente de desgastar a imagem da Universidade independentemente de quem for o Reitor.
    Governador espere e verá que o proximo reitor que for eleito tb sera combatido pelo sindicato de Cáceres e de Sinop porque a função deles é fazer oposição e manchar a imagem da nossa Universidade que é um orgulho do povo Matogrossense e nao do povo Caceresnse.
    Politicos de Carater e que sabe o que bom para o povo Matogrossense que nós precisamos, por isso o senhor vem contando com o apoio nosso.

  • José Carlos Meronne | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Agora os SINOPENSES disseram com todas as letras o que querem. o que eles querem de fato é a transferencia da sede da UNEMAT pra Sinop, estão agindo igual o povo de Campo Grande quando queriam a sede da copa do mundo.
    Vcs vão chupar uma manga enorme também gauchada. a UNEMAT nasceu em Cáceres graças ao empenho daquele povo, se vcs querem uma sede, façam como eles, criem uma universidade pra vcs e parem de desmatar a mata amazonica, bando de desmatadores.
    Esses Tches aí do Norte são um bando de chorões.

  • Fernando Carvalho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Mayara Rosane | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A comunidade acadêmica em momento algum pediu a transferência da sede para Sinop, isse comentário é uma tentativa de desviar o foco da discução e tentar por os acadêmicos do campus de Cárceres contra o nosso movimento, peço a quem escreveu está nóticia que exclua esta inverdade e não tente boicotar o nosso movimento.

  • Charles Friozi | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    a nticia estar distorcendo um pouco a verdadeira manifestação estudantil da UNEMAT.
    Em nenhum momento nós academicos dissemos que queremos a sede da UNEMAT em Sinop.
    Nossa manifestação é e sempre foi a saida do Taisir, contratação de funcionarios e mudança do calendario academico, ou seja, uma Uneversidade normal como qualquer outra.
    A mudança ou não da sede nunca foi proposta por nós academicos, em nenhum momento.
    E outra, alguns deputados propora uma divisão da UNEMAT ou criação de uma outra universidade, então nao sei de onde vcs tirarm q nos queremos a divisão.
    E posso dizer como academico que esse nao é nosso objetivo. Nós apenas queremos que um reitor corrupto deixe o cargo, e deixe que a uniersidade funcione corretamente e cresça.
    Acho q essa materia esta desvinculando os verdadeiros ideais dos academicos.

    FORA T. KARIM de pau.

Deputado ajudou a enterrar Binotti

neri 400 curtinha   O deputado federal Neri Geller (foto), que se acha um grande líder político, ajudou a enterrar nas urnas o projeto de reeleição do prefeito Luiz Binotti (PSD), derrotado à reeleição. Perdeu para o ex-vice-prefeito Miguel Vaz (Cidadania), que contou com apoio do ex-prefeito e atual...

Euclides "torra" R$ 8 mi na campanha

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado milionário Euclides Ribeiro (foto), que tem na carteira de clientes grandes produtores rurais, registra R$ 8,2 milhões de receitas e despesas de campanha ao Senado. Concorrendo pelo Avante, Euclides só chegou a 58.455 votos. Ficou em nono lugar, à frente apenas de Reinaldo...

Fávaro é quem mais gastou ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   O senador reeleito Carlos Fávaro (foto) foi o que mais gastou na campanha. Oficialmente, arrecadou R$ 11,7 milhões. As maiores contribuições financeiras vieram de empresários do agronegócio. Orcival Guimarães, dono de rede de empresas de implementos agrícolas, doou...

Beto deve repensar projeto a federal

beto farias 400 curtinha   A derrota nas urnas do seu afilhado político, vice-prefeito Wellington Marcos (DEM), que tentou o Executivo de Barra do Garças e ficou em segundo lugar, obtendo somente metade dos votos em relação aos atribuídos ao eleito Adilson Gonçalves, pode levar o prefeito Beto Farias (foto)...

Erros estratégicos e fim de mandato

niuan ribeiro 400   Niuan Ribeiro (foto) termina melancolicamente o mandato de vice-prefeito da Capital, marcado pela ambiguidade, erros estratégicos e vacilações. Logo no início da gestão, resolveu romper politicamente com o prefeito Emanuel, a quem passou a criticar, achando que se consolidaria como...

Retorno ao TCE ou cargo no governo

marcelo bussiki 400 curtinha   A partir de 1º de janeiro, com o fim do mandato de vereador pela Capital, Marcelo Bussiki (foto) retorna ao cargo efetivo de auditor do TCE-MT. Mas é possível que ele seja convidado por Mauro Mendes para compor o quadro de principais assessores do chefe do Executivo estadual. Bussiki foi...