Últimas

Segunda-Feira, 01 de Janeiro de 2007, 16h:50 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EXECUTIVO

Maggi quer pacto com a bancada federal

 Ainda em seu discurso de posse para o segundo mandato, o governador Blairo Maggi afirmou que está mais experiente e maduro politicamente após quatro anos à frente do Palácio Paiaguás. "Às vezes, o caminho mais rápido entre 2 pontos não é a linha reta. É o diálogo, a conversa. E estamos começando a fazer isso".

      Maggi lembrou que conseguiu reunir os três senadores mato-grossenses - Jonas Pinheiro (PFL), Serys Marly (PT) e o eleito Jaime Campos (PFL) -, numa audiência recente com o presidente Lula. "Eles se despiram do seu manto político partidário e, com o presidente Lula, fizemos uma pacto por Mato Grosso, pelo crescimento e desenvolvimento do Estado, independente das posições políticas", comentou o governador.

      Em seguida, ele chamou atenção do deputado federal Wellington Fagundes (PR), destacando que pretende fazer o mesmo com os oito federais eleitos e reeleitos.

      Numa espécie de prestação de contas, o governador disse que no primeiro mandato conseguiu avançar em algumas áreas. Destacou a construção de cerca de 30 mil unidades habitacionais, entregues a pessoas carentes, e também a pavimentação de 2 mil km de rodovias estaduais, com recursos do Fethab e em parceria com a iniciativa privada.

       Novo estágio

       O governador observou que MT se destaca no cenário nacional pela produção gigante e começa agora a entrar num novo estágio, deixando de priorizar unicamente a exportação de grãos ou madeira para expandir na agregação de valor, a chamada agroindustrialização. "Tivemos quatro anos de mandato sem perseguição, sem pressão dos órgãos. Pelo contrário, respeitamos as posições de cada um", diz Maggi, que promete melhorar a relação com a sociedade em geral, especialmente com o setor produtivo.

     Ele auto-avalia o governo como bom. "Os números da eleição mostram isso". Lembrou que em 2002 foi eleito com 50,6% dos votos válidos e, em 2006, com 65,3% (922.765 votos). "Isso corresponde a ganho de confiança. Estamos no rumo certo. Vamos continuar sendo o governo da transparência, da honestidade, da eficiência e da modernização da máquina para que a sociedade tenha os benefícios que merece".

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Grupo de risco em casa até 31 de maio

Em novo decreto, dentro das medidas emergenciais e temporárias de prevenção ao Covid-19, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro determinou que servidores municipais que integram o chamado grupo de risco não devem trabalhar presencialmente nas secretarias e/ou órgãos da administração. São considerados desse grupo servidores acima de 60 anos, imunodeprimidos e/ou portadores de doenças crônicas e servidoras grávidas e...

Beco do Candeeiro só abrirá em abril

Carlina 400   A secretária municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Carlina Jacob (foto), em visita ao Grupo Rdnews, revelou que a revitalização do Beco do  Candeeiro, que foi concluída em janeiro, será entregue à população em abril, nas comemorações dos 302 anos de...

Águas, expansão e investimentos

william figueiredo 400 aguas cuiaba curtinha   O diretor-geral da Águas Cuiabá, executivo William Figuereido (foto), disse, em visita à sede do Rdnews, quando aproveitou para conceder entrevista à tv web Rdtv, que a concessionária já distribui água para toda Cuiabá e que, em quase quatro anos...

Creci combate empresas irregulares

benedito odario 400 curtinha   O presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado, Benedito Odário (foto), aproveitou a operação desenvolvida na quinta, com apoio da Polícia Civil e da Decon, para enfatizar que não dará trégua àquelas empresas que, irregularmente,...

Cuiabá paga fevereiro aos servidores

emanuel pinheiro 400   A Prefeitura de Cuiabá quitou nesta sexta (26), último dia útil do mês, a folha de fevereiro. Desde quando assumiu o Palácio Alencastro, em janeiro de 2017, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) tem conseguido pagar o funcionalismo dentro do mês trabalhado. Aliás, essa prioridade,...

3 deputados sob certa cordialidade

janaina riva 400 curtinha   Max Russi, Eduardo Botelho e Janaina Riva (foto), que mandam na Assembleia, demonstram entre eles um certo clima de cordialidade, mas chegaram a entrar em queda-de-braço até fechar um novo acordo político sobre a Mesa Diretora. Com a decisão do Supremo de veto a Botelho no comando do...