Últimas

Sexta-Feira, 01 de Junho de 2007, 15h:39 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

ARTICULAÇÃO

Maggi troca reunião do Condel por jogo da Seleção

     Pegou mal a decisão do governador Blairo Maggi em deixar de comparecer nesta sexta (1º de junho) à reunião do Conselho Deliberativo do Fundo de Financiamento do Centro-Oeste (Condel/FCO), na Federação das Indústrias, em Cuiabá. Preferiu assistir ao primeiro jogo da Seleção Masculina de Vôlei contra a Finlândia, marcando a inauguração oficial do ginásio poliesportivo Aecim Tocantins.

      Maggi, que nesta quinta à noite já havia inaugurado o ginásio, mandou para a reunião do Condel o seu vice Silval Barbosa. Enquanto isso, o governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), percorreu cerca de 750 km, de Campo Grande a Cuiabá, para participar da reunião e reivindicar mais recursos para o seu Estado.

    Um dos objetivos do FCO é fomentar a economia dos Estados, que, durante o encontro, reivindicaram ampliação dos limites de financiamento de R$ 40 milhões para R$ 100 milhões. Estavam presentes, entre várias autoridades, além de Puccinelli e de Silval, o prefeito cuiabano Wilson Santos, o ex-vereador Totó Parente, novo secretário-executivo do Centro-Oeste, ligado ao Ministério da Integração Nacional, os deputados federais Carlos Bezerra (PMDB) e Carlos Abicalil (PT) e o deputado estadual Alexandre Cesar (PT), um dos antecessores de Totó no FCO.

    Alguns chegaram a perguntar a Silval sobre o governador. Um tanto sem jeito, ele argumentou que Blairo Maggi estava prestigiando o jogo da Seleção de Vôlei.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Aristóteles Potter | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Governador está certíssimo, ora um conselho que é presidido por "totó" não pode ser sério. É muito melhor prestigiar a seleção masculina de volêi num jogo inédito da liga mundial em Cuiabá. Enquanto no Conselho estava cheio de burocratas pensando em como gastar a grana do povo em projetos de desenvolvimento que muitas vezes só se transforma em benefícios para o empresário, no ginásio o governador teve contato com o povão, demonstrando alegria expontânea pela inauguração da maravilhosa praça esportiva. Eu se fosse governador faria a mesma coisa, iria no grande jogo de volei.

  • Gelson Menegatti Filho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Prezado Editor,
    Vocês devem ser claros ao dar notícias, o senhor deveria saber por jornalista que é,o Vice-governador repressenta o Governador quando de sua ausência, mesmo que momentânea no caso, sabemos nós mato-grossenses que o jogo de voleibol realizado em nossa capital, a divulgou para 72 países, bem como Estado também, assim o nosso Governador estava sim trabalhando por Mato Grosso ao assistir o jogo, aproveito para convidá-lo a se fazer presente ao evento.

  • ELIFAS JOSE RIBEIRO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Caro Romilsom Dorado este cidadão Gelson menegatti é da turma da "BUTINA"ou ele esta no lugar do PAGOT o novo TRATOR do BLAIRO MAGGI me esclareça pelo amor de Deus.

  • Aristóteles Potter | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Olha ilustre jornalista Romilson Dourado reafirmo que a escolha do governador em optar pelo jogo de volei ao contrário da reunião de burocratas do fco foi uma opção correta, mas, quando vejo certos cidadãos como este "menegatti" dizer a mesma coisa começo a ficar preocupado, pois é da turma dos puxas sacos.

  • kátia campos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não adianta tapar o sol com a peneira. existem situações em que escolher um compromisso, ainda que de menor importância administrativa, mas de grande valor simbólico, é uma opção razoável.
    O que o Romilson Dourado expressa, com precisão, é que neste caso, pegou mal essa opção. A reunião do FCO não é meramente burocrática, são milhões de reais de incentivo para nosso estado. O governador de Mato Grosso do Sul teve essa sensibilidade.
    Agora, não é o fim do mundo - nem o Romilson fez parecer que fosse. Mas também não é uma atitude elogiável.
    Acho que dá pra perdoar o governador, que mandou o vice e estava bem representado. Afinal, uma vez na vida fazer uma opção assim não depõe contra a competência de ninguém e, afinal, ambos eram compromissos oficiais. Mas vale dar o toque, simplesmente não pegou bem.

  • MARIO AVELINO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ARISTOTELES MAGGI.
    VOCÊ NÃO DEICHA DE TER UM POUCO DE RASÃO,MAS, NÃO PODE SER UMA PESSOA ESQUECIDA, COMO VOCÊ PODE ESQUECER QUE O AMIGO "TOTÓ" ESTAVA ACOMPANHADO DE UMA PESSOA DAS MAIS HONESTAS DE NOSSO ESTADO O EX. SENADOR CARLOS BEZERRA? FIQUE ATENTO! POR FAVOR NÃO ESQUEÇA MAIS

Fabio deve mesmo tentar prefeitura

fabio garcia 400 curtinha   O DEM do governador Mauro aposta todas as fichas na candidatura do empresário Fábio Garcia (foto) a prefeito de Cuiabá. Até sexta ele deve responder "sim" ao partido. Fabinho, como é conhecido, é um dos integrantes do núcleo de confiança do governador. Inclusive foi...

No marketing de Pivetta para Senado

bruno bini 400 curtinha   O cineasta e publicitário Bruno Bini (foto) deve comandar o marketing da campanha ao Senado do vice-governador Otaviano Pivetta. As negociações estão praticamente fechadas. Antes da pandemia, em fevereiro, Pivetta estava em negociação com Antero de Barros. A última campanha...

Jogada de vereador pra conseguir vice

thiago muniz 400 curtinha   O vereador de 2º mandato Thiago Muniz (foto), primo do ex-prefeito Percival, resolveu se lançar pré-candidato a prefeito de Rondonópolis pelo DEM como estratégia para manter o nome nas discussões majoritárias e na esperança de ser convidado para vice de alguém....

MDB fechado com Pivetta à senatória

joao jose 400 curtinha   O médico e deputado estadual João José (foto), do MDB, disse nesta segunda, em entrevista às jornalistas Lídice Lannes e Andhressa Barboza, em live do RDTV, tv web do portal Rdnews, que o seu partido está fechado no apoio à candidatura de Otaviano Pivetta ao Senado, na...

Pátio punido por não licitar transporte

ze do patio 400 curtinha   O prefeito de Rondonópolis Zé do Pátio (foto) vai concluir o mandato sem conseguir realizar a licitação do transporte coletivo urbano de passageiros, vencido desde março de 2014. Por essa irregularidade na concessão, já que a Cidade de Pedra, empresa que explora o...

Anelise só vai com respaldo de MM

anelise silva 400 curtinha   Filiada ao DEM, Anelise Silva (foto) deve desistir da disputa à Prefeitura de Cáceres, a não ser que o governador Mauro Mendes, com quem ela pretende conversar nos próximos dias, declare apoio irrestrito a sua candidatura. Nos bastidores, Mauro não dá sinais de que...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT estuda retomada das atividades escolares presenciais possivelmente em agosto ou setembro. O que você acha?

Estou de acordo

Não - aulas não podem voltar por agora

tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.