Últimas

Segunda-Feira, 22 de Dezembro de 2008, 20h:11 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

ALTO ARAGUAIA

Maia Neto é condenado por não realizar licitação

   O prefeito de Alto Araguaia, Jerônimo Samita Maia Neto e o ex-vereador Edinaldo Alves de Abreu foram condenados por crime de improbidade administrativa. Maia Neto teria contratado os serviços de uma empresa de funilaria, de propriedade do ex-parlamentar, sem qualquer processo de licitação. A decisão foi proferida pelo juiz Wagner Plaza Machado, após denúncia do Ministério Público.

   Na sentença, o juiz destaca que Edinaldo  sabia da ilicitude do contrato verbal realizado junto à Prefeitura de Alto Araguaia. O ex-parlamentar foi indevidamente beneficiado, primeiro porque era proprietário da empresa Auto Peças e Funilaria Tec Latas, segundo pelo cargo político que desempenhava. "Como vereador municipal tinha obrigação legal e moral de fiscalizar as atividades do executivo, sobretudo as contas e gastos públicos. Desta feita, os requeridos devem ser punidos pelo dano moral e financeiro ao erário municipal”, afirma o magistrado.

   Além da condenação por crime de improbidade e a devolução de dinheiro aos cofres, o juiz proibiu os réus de firmar contratos com o poder público ou receber benefício ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de cinco anos. O prefeito recebeu multa cível. Terá que pagar cinco vezes o valor de seu último salário. Já o ex-vereador pagará multa de 50 vezes o valor de sua última remuneração.

   Recentemente, o prefeito foi condenado à ressarcir o erário porque usou recursos do patrimônio público para confeccionar logomarca com as iniciais “M” e “N”, as quais caracterizariam o nome pelo qual é conhecido, Maia Neto. Depois de consolidada a marca, ele teria passado a utilizá-la em todas as obras inauguradas, em latões de lixo, nos uniformes dos garis, nos uniformes escolares, placas de inaugurações, placas e faixas de propaganda, nos órgãos públicos municipais, nos veículos de propriedade do município - veja aqui(Flávia Borges)

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • o craque | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    a aia é uma cidade de bons politicos, maia neto, brandao, gordo, bilino , silvio maia , dr sebastiao, wando, etc... mais tambem tem os que nunca deveria ter existidos, como o sr. pedro lima, noemia, valdir, ondininho filho do seu criador pedro lima, tal pai ta o filho etc.. mais ainda bem que a.aia hoje sabe escolher seus comandantes.. em tempo; temos tambem outrod bons politicos zinho, cleverland , mauri careiro, americo

  • marcos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    FALAR DE UMA PESSOA QUE NEM O MAIA NETO É FACIL,MAIS NINGUEM VE OQUE ESSE HOMEM FEZ DE BOM ,QUEM TA FALANDO ESSAS MALDEDES DE MAIA NETO É QUEM PERDEU A POLITICA E TEM DOR DE COTUVELO, E VC ROMILSOM FRANCAMENTE HEIM

  • sebastiao sousa filho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    isso e uma aberração. sou de aia e conheço bem la. nao houve prejuizo algum ao municipio. a prefeitura contratou serviços por pouco mais de 7 mil reais, preço que talvez com outros seria ate mais caro. o que houve foi que por que foi aduirido os serviços de uma empresa de um vereador. e oque tem isso?: e tem mais na epoca a pref foi notificada a nao mais trbalhar com empresas de vereadores e cumpriu. isso é muito exagero da justiça para um caso que nao deu um centavo de prejuizo ao municipio

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • marcos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    parabéns...até q enfim a justiça enxergou UMA das várias maracutaia desse Maia Neto, mas investiguem mais q descobrirão várias, inclusive a sua subrinha q agora é vereadora, fornece todos material de informática pra prefeitura, ela montou uma loja pra isso, e será que pra ela existe licitaçãooo!!
    e esse ex-vereador, era secretario do prefeito, e continua recebendo só no cabide, uma MÁFIA...parabén juiz!! JUSTIÇA PARA TODOS...pena q demorou tanto pra faze-la!

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • maria teixeira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Isto não é nada, o q ainda n foi investigado e deve ser, é o contrato firmado entre o prefeito-prefeitura e seu irmão joão maia, que é proprietário da tv local, (apresar de afirmar q n é o proprietário, seu patrimonio cresce assustadoramente). contrado que gira em torno de 150.000,00.
    outro absurdo é o patrimonio do cunhado do prfeito Maia Neto, que saiu de alto araguaia, falido e hj tem fazendas e aviões. Pode? Qual seria a origem? alguem se habilita a adivinhar?

  • meire | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Até que enfim um juiz que zela pelo q é do povo. continue investigando sr juiz, e o senhor verá o mar de corrupção em q se encontra a família Maia. é verdade, aqui se tornou uma MAIALANDIA...A CIDADE EM QUE OS MAIA MANDAM E O POVO OBEDECE.

  • Gonçalo Lima | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    SE ESSA MODA PEGA, EM VÁRZEA GRANDE VAI TER MUITO PROCESSO AINDA.

Ex-prefeito no páreo em Alta Floresta

robson silva 400 curtinha   Alta Floresta, uma das cidades pólos do Nortão, tem sete candidatos a prefeito. Um deles é Robson Silva (foto), empresário, ex-prefeito entre 93 e 96 e que concorre pelo MDB, mesmo partido do prefeito Asiel Bezerra, que está encerrando o segundo mandato e se tornou um dos principais...

Vice sinopense quer retornar à Câmara

gilson de oliveira 400 curtinha   O vice-prefeito de Sinop e apresentador de TV, Gilson de Oliveira (foto), resolveu concorrer a vereador, cadeira já ocupada por ele por dois mandatos, o primeiro pelo PSDB, entre 2005 e 2008, e, depois, pelo PSD (2009/2012). Foi candidato a deputado estadual duas vezes (2006 e 2010) e, como suplente da...

Vice que morreu na praia em Tangará

renato gouveia 400 curtinha   Assim que percebeu que não seria escolhido pelo prefeito Fabio Junqueira (MDB) como o candidato governista na briga pela Prefeitura de Tangará da Serra, ainda em junho, o vice-prefeito Renato Gouveia (foto), do PV, correu para os braços do tucano Vander Masson. Levou com ele uma chapa de 21...

Câmara chama secretária para vaga

chico 2000 curtinha   Após a destituição de Ralf Leite (MDB) da vaga de Chico 2000 (foto), licenciado, por força de decisão judicial, a Câmara de Cuiabá convocou a primeira suplente Luciana Zamproni (MDB) para assumir mandato temporário no Legislativo, menos de 30 dias. Ela atua como...

PTB perdeu uns, mas ganhou outros

emanuelzinho 400   Em Várzea Grande, enquanto alguns militantes do PTB, puxados pelo secretário jaymista Silvio Fidelis foram para os braços do candidato a prefeito Kalil Baracat (MDB), que tem Hazama (DEM) de vice, militantes de outras legendas decidiram abraçar a candidatura do petebista Emanuelzinho (foto). São...

PT de Cuiabá passivo; ROO, autêntico

kleber amorim 400 curtinha   O PT de Rondonópolis se organizou melhor, mobilizou a militância, se tornando mais autêntico do que o núcleo petista de Cuiabá. Para se ter ideia, o partido, numa posição de coragem e levando preocupação ao prefeito Zé do Pátio, que tinha...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.