Últimas

Domingo, 26 de Agosto de 2007, 08h:09 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

ARTICULAÇÃO

Malheiros assume missão de blindar o governo

 Com atuação pífia, secretário agora precisa ter as mãos de artesão para amassar o barro e dar forma às justificativas do governo    

     Sem o trator Luiz Antonio Pagot, ex-secretário de Infra-Estrutura, Casa Civil e Educação, só resta ao governador Blairo Maggi escalar João Malheiros, da Casa Civil, como espécie de porta-voz para contrapor as críticas e ataques à administração. A tendência a partir de agora é opositores e até alguns governistas disfarçados quebrarem o silêncio. Estão em jogo interesses políticos para as eleições de 2008 e de 2010. Como Malheiros tem atuação pífia, o governo vai ter muita dor de cabeça no enfrentamento de crises.

   Com uma posição de se recolher do que enfrentar o desgaste político, Maggi poucas vezes ou quase nenhuma conseguiu enfrentar sozinho os atropelos do governo. Quem sempre exerceu a função de interlocutor do Palácio Paiaguás, inclusive para provocar discussões, foi Luiz Pagot, prestes a assumir o cobiçado cargo de diretor-geral do Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (Dnit). Outra figura impotente em defesa do governo é a primeira-dama e secretária de Trabalho, Emprego, Cidadania e Assistência Social, Terezinha Maggi. Por ser esposa do governador, suas declarações, às vezes, davam uma conotação mais pessoal.

    Com a proximidade do novo processo eleitoral, o molde de quem terá que assumir essa espinhosa função porque vai mais apanhar do que bater é o letárgico e vagaroso secretário-chefe da Casa Civil, deputado João Antonio Cuiabano Malheiros. Ele sobrevive na função por conjuntura política e pela acomodação de suplentes na Assembléia. Malheiros precisará ter as mãos de um artesão para amassar o barro e dar forma às justificativas do governo. Será que ele terá a virtude do ribeirinho, que mais ouve do que fala, ou responderá às provocações dos opositores? Só o tempo tem a resposta. Aliás, tempo é o que Malheiros mais tem. Ele mantém, inclusive, a tradição de tirar uma sesta diariamente após o almoço. Assim, o governador está, como enfatiza a letra do Hino Nacional Brasileiro, "dormindo em berço explêndido".

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • stenio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    MALHEIROS deve ser substituido imediatamente, a pessoa de perfil seria o CARLOS BRITO ou SIVAL BARBOSA.

  • gilmar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    Se investiarem com profundidade á gestão dele como presidente da câmara Municipal de Cuiabá,vai dar muito pano pra manga.

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ocorre que o Dep. João Maheiros não o perfil para o cargo que ocupa ele esta secretário pela necessidade de se acomodar deputado Roberto França.
    Quanto ao desempenho do governo só não esta tendo grandes repercuções negativas porque não há oposição na AL pois todos nós sabemos que existem secretarias e secretário que aguentam dez minutos de jogo bruto.
    Atenção MP cd vc.

  • ELIFAS JOSE RIBEIRO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    OH! anonimo não se omita o que vc disse é a pura realidade vc ñ mentiu o Malheiros esta ali realmente para acomodar o Roberto França na AL o governador já sabia que o Malheiros ñ tinha competencia para o cargo conclusão do governador: É melhor ter um incopetente na casa civil do que uma oposição na AL só pra se ter uma idéia veja a atuação pifia do senhor João Malheiros na camara municipal, o anonimato é o escudo dos covardes pense nisto certo?

  • João Bosco Nazareno Filho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É fácil para alguns chamar de pífia a atuação de um parlamentar. Será que o Povo tem errado? João Antonio Malheiros foi eleito vereador por Cuiabá e reeleito para mais três mandatos. Foi eleito Deputado Estadual e reeleito com votação superior aos “grandes Caciques”.
    O povo não errou. O povo é sábio. Conhece quem tem as mãos limpas, quem não se esconde na segurança dos condomínios, quem “é fácil de achar” e quem tem o mesmo número de celular há vários anos.
    Desculpem a franqueza, mas a atribuição do Chefe da Casa Civil não é ser trator como querem os que se acostumaram a ser tratorados, mas ser conciliador e prudente, que para os leigos por falta de “Aurélio”, confunde-se com ser pífio e negligente.
    Está certo o Governador que tem ao seu lado um expoente da cuiabania, cujos hábitos só enaltecem o nosso jeito honesto e peculiar e produtivo de ser.

  • ELIFAS JOSE RIBEIRO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Desculpe ao rdnews eu tenho que responder ao nazareno de fensor do Malheiro eu fico com a frase do rei PÉLE O BRASILEIRO NÃO SABE VOTAR OU ENTÃO COM AQUELE QUE DISSE : BRASIL NÃO É UM PAIS SÉRIO

  • Joao Gonçalo Leite | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Leandro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O brasileiro não sabe votar mesmo. Caso, contrário, não teria reeleito Lula e Blairo Maggi.

IFMT e novo laboratório pra testagem

deiver 400 curtinha   Numa iniciativa inédita, o Campus do IFMT Cuiabá - Bela Vista, sob o diretor-geral Deiver Alessandro Teixeira (foto), terá um novo laboratório a ser utilizado para análise sorológica da Covid-19, através da pesquisa de IgG e IgM. A obra, orçada em R$ 1 milhão,...

Comitê chama órgãos fiscalizadores

emanuel pinheiro 400 curtinha   Para colocar fim às críticas sobre suposta falta de transparência na aplicação dos recursos transferidos a Cuiabá pelo governo federal com vistas ao enfrentamento à pandemia, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) determinou que seu secretário de Saúde, Luiz...

PT sob risco de não eleger ninguém

marcos viana 400 curtinha   Mesmo tendo cabeça de chapa para prefeito, no caso o ex-juiz federal Julier Sebastião da Silva, o PT dificilmente elege um vereador em Cuiabá no pleito deste ano. A chapa de pré-candidatos proporcionais é fraquíssima. O "grande" nome do partido é da professora Edna...

Único da família Oliveira pra vereador

luluca 400 curtinha   Na queda-de-braço entre irmãos, venceu, por enquanto, Luiz Arthur Oliveira Ribeiro, o Luluca (foto), que será candidato a vereador pelo MDB em Cuiabá, carregando o espólio político da família Oliveira. Irmão de Luluca, o ex-vereador Leonardo Oliveira, que procurou e...

2 nomes do DEM avaliam desistência

ivan evangelista 400 curtinha   A chapa de pré-candidatos do DEM a vereador pela Capital corre risco de sofrer duas baixas consideráveis. Os ex-vereadores Ivan Evangelista (foto), que atuou na Câmara por 13 anos, e Leonardo Oliveira, por dois mandatos, podem vir a desistir do teste das urnas. Mas, por enqanto, ambos garantem...

Sexto suplente na Câmara por um mês

aluizio leite 400 curtinha   Aluízio Leite (foto), filiado histórico do PV, tomou posse como vereador pela Capital na último dia 2. Mas vai ficar na cadeira por somente 31 dias, até o retorno do titular, delegado Marcos Veloso, que se afastou para cuidar de assuntos pessoais e hoje se encontra hospitalizado com...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.