Últimas

Quinta-Feira, 01 de Março de 2007, 07h:09 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EXECUTIVO

Malheiros muda agenda para assumir Casa Civil

Deputado rompe a tradição de 3 décadas de tirar sesta após almoço   

     O deputado de segundo mandato João Cuiabano Malheiros assume hoje a pasta da Casa Civil com um desafio inusitado: readaptar a sua agenda diária para não mais tirar sesta imediatamente após o almoço. Ele terá de fazer esse 'sacrifício' ao menos de segunda a sexta, considerando o expediente normal dos órgãos do governo do Estado. No Palácio Paiaguás, o governador costuma despachar entre 12h e 14h, horário em que o parlamentar mantém a tradição de mais de 30 anos de tirar um cochilo. Por mais irônico ou cômico que essa situação de ordem pessoal pareça demonstrar, Malheiros chegou a viver um dilema assim que recebeu convite para assumir o papel de interlocutor do Executivo. Seus assessores mais próximos disseram que ele quase recusou o convite porque achava difícil se adaptar ao ritmo da turma da botina, grupo ligado ao governador, de manter um rotina de trabalho praticamente ininterrupta durante o dia.

    Mesmo quando foi presidente da Câmara Municipal de Cuiabá, Malheiros não abriu mão da sesta. Chegava a cancelar compromissos entre 12h e 14h30. O deputado deveria ter assumido a chefia da Casa Civil desde o mês passado. Maggi já havia adiantado, inclusive em discurso durante um ato político em Tangará da Serra, que o suplente Wagner Ramos, daquela região do Médio-Norte, iria ocupar cadeira de deputado na vaga do titular Malheiros. O governador chegou a refluir da idéia quando soube que Malheiros dificilmente ficaria sem tirar uma sesta. No último encontro entre ambos para acertar a nomeação, o deputado adiantou que o hábito da sesta não seria mais problema e que iria se dedicar o tempo integral à missão de interlocutor do governo.

    A posse está marcada para esta quinta, 1º de março, às 11 horas. Deve se estender até ao meio-dia. Em seguida, Malheiros segue para despachar no seu gabinete, quando terá a primeira reunião como secretário com Antonio Kato, que reassume o cargo de adjunto da Casa Civil.

    Reeleito no ano passado pelo PPS com 20.704 votos, Malheiros tem perfil político. Decidiu que vai se filiar ao PR na próxima quinta, 5 de março, junto com o governador. É daqueles que tentam agradar a todos, fugindo das questões conflitantes. Promete uma relação próxima com os colegas deputados e está disposto a despachar ao menos três vezes por semana na Assembléia Legislativa.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Sorriso tenta aval para conceder RGA

estevam calvo 400   A Prefeitura de Sorriso quer pagar RGA aos servidores, mas não encontrou até agora respaldo legal para assim proceder, considerando a Lei Complementar 173/2020 que, no contexto da pandemia, proíbe reajuste no salário de servidores federais, estaduais e municipais até 31 de dezembro deste...

Ambulância doada pela CBF para MT

Aron Dresch 400   O governo estadual recebeu doação de uma ambulância da CBF como forma de reconhecimento à dedicação dos profissionais da Saúde e dos serviços que estão sendo prestados durante a pandemia. O Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, foi escolhido para...

Fávaro, relatório e vacina sem Anvisa

carlos favaro 400   O senador mato-grossense Carlos Fávaro (foto), eleito na suplementar do ano passado, está comemorando a aprovação pelos colegas do seu relatório ao Projeto 1315/2021, que libera a importação de vacinas e insumos para o combate à Covid-19 no Brasil e sem depender do...

TRE intima deputado pra se defender

gilberto cattani 400   O TRE já citou o deputado Gilberto Cattani (foto) e o comando do PRTB para se manifestar sobre o pedido do suplente Emílio Populo, que quer a perda do mandato do recém-empossado por infidelidade partidária. O relator é o jurista Sebastião Monteiro. Cattani apresenta defesa na...

DEM tem derrotados em 2020 pra AL

anelise silva 400   Alguns filiados do DEM do governador Mauro Mendes estão se movimentando por conta própria, visando as eleições de deputado estadual no próximo ano, alheios ao comodismo do presidente regional do partido, ex-deputado Fabinho Garcia. Em Cáceres, por exemplo, dois são cogitados para...

Vereadores vão devolver a VI de abril

agostinho carneiro 400   Presidida por Agostinho Carneiro (foto), a Câmara Municipal de Ribeirãozinho, um dos menores municípios do Estado, com cerca de 2,5 mil habitantes, decidiu suspender o pagamento da verba indenizatória deste mês de abril de todos os seus nove vereadores. Com isso, os R$ 9 mil que iriam para o...