Últimas

Domingo, 01 de Junho de 2008, 15h:29 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

ARTICULAÇÃO

Maluf faz exigências para ajudar na coordenação

  O ex-secretário de Saúde de Cuiabá, deputado Gulherme Maluf, parece não estar mais na bronca com o prefeito Wilson Santos (PSDB). Quatro meses após deixar o primeiro escalão da prefeitura, de onde sai sob forte desgaste, ele já pondera nas críticas e revela que deve mesmo ajudar na coordenação da campanha à reeleição. Maluf confirma o convite feito por Santos para vir a coordenar a chapa de pré-candidatos a vereador. Destaca que está disposto a colaborar, mas desde que o trabalho se limite às orientações sobre as regras eleitorais. Avisa que se entrar acordos já definidos sobre estrutura de campanha não vai poder assumir o compromisso.

   "Vou ter uma conversa com o deputado Chico Galindo (coordenador-geral da pré-campanha) para saber o que significa coordenar a chapa de vereadores em termos de atribuições". Maluf afirma que não foi ele quem fez as negociações políticas com os pré-candidatos, mas as cobranças já começaram sobre seus ombros assim que o RDNews divulgou, na sexta (30), o quadro com nomes dos que vão coordenar a campanha de Santos - leia mais aqui. "Não fui eu quem fez as articulações e já começaram a me cobrar. Agora, acertando esses detalhes, eu quero participar sim da coordenação".

   Eleição de 2 turnos

   Na avaliação de Guilherme Maluf, que se elegeu vereador em 2004 pelo extinto PFL (hoje DEM) e chegou à cadeira de deputado pelo PSDB, a tendência é a disputa pelo Palácio Alencastro se limitar a 4 candidaturas. Acha que Santos tem chances reais de vitória, mas num segundo turno.

  O deputado considera que o candidato mais "duro" contra Santos será Walter Rabello, principalmente com a possibilidade do DEM estar no palanque do progressista. Ele vê influência favorável do deputado Roberto França (sem partido) ao nome de Rabello, já que a esposa do ex-prefeito, Iraci França (DEM), tende a ser a vice da chapa. "O Roberto França recuperou muito a sua popularidade e pode somar com o candidato Rabello", enfatiza Maluf.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Pedro Arnaldo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Está cada vez mais próximo o fim do PSDB no Estado de Mato Grosso.A começar com as alianças que o prefeito vem fazendo para conquistar a reeleição,todos sabem que esta turma ficou no poder durante oito anos e deu no que deu.Prefeito o senhor tem um bando de sanguessuga para dar de mamar basta ver este aparecido alves.Quem que este cidadão consegue mobilizar.Fica esperto.

  • Antonio Etico R. Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • José Carlos Araujo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Romilson,
    Ou o Guilherme Maluf é sem vergonha ou é igual a mulher de bandido, porque depois de tudo que o Wilson Santos e o Cabeção e sua tropa fizeram e ainda fazem com ele o cara vai ajudar esse pessoal a disputar a eleição. Parece brincadeira.
    Acho que o povo cuiabano deve refletir melhor nas próximas eleições e qualificar melhor os nossos representantes. Ora, o eleito deve, no mínimo, ter o brio na cara!
    Fala sério Maluf......

  • Antonio Etico R. Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Romilson não me surpreendeu, a triagem mostra o outro lado da sua MOEDA, mas, continuo a ter a mesma opinião: Maluf não entra nessa, os caciques do PSDB já faliram muitos cabos eleitorais, quando autorizam despesas e não as cumprem.
    Deixam os coordenadores a ver navios, enquanto eles, já em Cruzeiro pelo Pacifico/Atlantico gastando as tais sobras de campanha.

  • Andrei Fagundes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Que decepção, o Deputado Guilherme Maluf realmente não tem vergonha, depois de tudo que aconteceu na Secretaria de Saúde, tudo que o Prefeito e o atual Secretário, falaram dele, o mesmo vai aceitar a Coordenação da Campanha.

    Caro Deputado cuidado com as suas atitudes, deixa de ser duas caras.

  • paulo henrique | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Jacyara | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Principe, Guilherme Maluf, está correto. Tem que estar ao lado so seu partido, caso contrário não pode proporcionar ações modificatórias de interesse partidario.
    Guilherme, é ente politico, logo, nada mais elegante e educado, que se esquecer de pequenos disabores, próprios do temperamento destemperado do galinho, e voltar a sua posição legitima dentro da agremiação partidaria, a qual visa levar às eleições municipais para um confronto que será a base das eleições de 2010, para governador.
    Só vejo a luta entre: Galinho e Walter Rabelo e ai sim, temos a possibilidade do segundo turno.
    Parabens Guilherme.

  • Milton Ribeiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Deputado Chico Galindo, homem sério, assim como a grande maioria que está na Coordenação de Campanha do Prefeito Wislon Santos, pessoas respeitadas, mas infelizmente não foram Eles que fizeram acordo com os Partidos que apoiam a reeleição de WS.
    Se os companheiros lideres Partidários caírem novamente nesse conto de sereia, me desculpem, mas não existe mais lugar para tamanha ingenuidade!

    Prometer e não cumprir, chega a arrepiar.....

    Me faz lembrar, quando era Presidente do PSC, onze Partidos em reunião na Associação dos Municipios, reunidos com o então desconhecido e Candidato Blairo Maggi, e este afirmara: Preciso de Vocês, não tenho grupo! Meu pessoal cabe em em Fusca(...?) precisa dizer mais alguma coisa?

    Política é palavra! Fio de Bigode! Vergonha na Cara!, mas infelizmente, alguns se vendem..e por tão pouco!!

    Os filiados aos Partidos, deveriam participarem efetivamente das decisões no ambito Partidário.

Luizão e 10 promessas em cartório

luizao 400   O empresário Luizão (foto), candidato a prefeito de Rondonópolis pelo Republicanos, registrou em cartório 10 comprimissos de gestão, garantindo, em caso de eleito, executá-los logo no primeiro mês de mandato. O primeiro deles é de zerar a fila de consultas, exames e cirurgias. E...

Ex-secretários de França sem mácula

roberto franca 400 curtinha   A assessoria jurídica da coligação de Roberto França (foto), que concorre à Prefeitura de Cuiabá pelo Patriota, classifica de mentirosa e irresponsável a notícia de que ex-secretários de França, da época em que comandou a Capital, de 1997 a...

Líderes de Lucas e apoios ao Senado

otaviano pivetta curtinha 400   As principais lideranças políticas da "República" de Lucas do Rio Verde estão divididas nos apoios sobre candidaturas ao Senado. O vice-governador Otaviano Pivetta (foto), recém-desfiliado do PDT, faz campanha pela coronel Rúbia Fernanda (Patriota), propagada como a candidata...

Reeleição difícil em Barra do Bugres

raimundo nonato 400   Aos 81 anos, o piauiense de Campo Maior, Raimundo Nonato (foto), busca renovar o mandato de prefeito de Barra do Bugres pelo DEM. Embora considerado carismático e populista, pioneiro no município e ajudado pela força da máquina pública, Nonato, que já foi prefeito nos anos 82 e 90,...

4 com as maiores chances ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   Todos os principais candidatos ao Senado, na suplementar de 15 de novembro, para eleger quem ocupará a cadeira da cassada Selma Arruda, estão trabalhando com tracking eleitoral, metodologia que consiste, basicamente, em realizar pesquisas de intenção de voto por telefone de forma...

Polarização entre Gustavo e os Maia

gustavo mello 400 curtinha   Em Alto Araguaia, três disputam a prefeitura, mas a briga eleitoral está mesmo polarizada entre o prefeito Gustavo Melo (foto), do PSB, e Martha Maia (PP), irmã do ex-prefeito por quatro vezes Maia Neto. Júnior da Farmácia (PSL) corre por fora, mas sem chance de êxito nas urnas....

MAIS LIDAS