Últimas

Quarta-Feira, 02 de Janeiro de 2008, 00h:17 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

ARTICULAÇÃO

Maluf volta à AL e Avalone quer "enterrar" Chica

  O suplente de deputado e empreiteiro Carlos Avalone já fez seu pedido para 2008. Deseja a cassação de vez da colega tucana Chica Nunes para poder se efetivar na Assembléia Legislativa. Avalone continua parlamentar até o próximo dia 14. Acontece que, com o retorno à AL do titular Guilherme Maluf, que começou a arrumar as gavetas para deixar a secretaria de Saúde da Capital, o suplente perde espaço.

    Só resta agora a Avalone a torcida para que o Tribunal Superior Eleitoral derrube, no julgamento do mérito, o recurso que "segura" Chica no cargo. O problema é que esse processo pode demorar mais de um ano para entrar na pauta, principalmente se depender de Chica. Força espiritual não falta à parlamentar. Ela passou a ler o Salmo 140 diariamente - saiba mais aqui.

    Chica foi cassada pelo Pleno do TRE por compra de votos. Ela nega, mas as provas levantadas pelo Ministério Público convenceram a maioria dos juízes-membros sobre a culpabilidade. A mesma pena foi imposta ao deputado federal Pedro Henry (PP), também cassado, mas que continua "agarrado" à cadeira por força de uma liminar do TSE. Outro cassado foi o deputado estadual Gilmar Fabris (DEM).

    Em meio aos embates políticos e jurídicos, Chica e Avalone viraram inimigos, apesar de estarem filiados no mesmo PSDB. Eles nem se cumprimentam. Chica pensa que Avalone está se articulando juridicamente para empurrá-la logo para o buraco. Ela foi a mais votada do PSDB em 2006. Ex-presidente da Câmara de Cuiabá, Chica teve 26.648 votos. Em sua curta trajetória foi até prefeita da Capital por uma semana - confira aqui

    Membro da diretoria da Fiemt e ex-secretário de Estado de Indústria, Comércio e Mineração do governo Dante de Oliveira, Carlos Avalone tentou seu primeiro cargo eletivo em 2006. Teve 13.857 votos. Garantiu a primeiro suplência da coligação do PSDB, que elegeu dois: Maluf e Chica. Agora, volta a ficar no banco de reservas. Avalone se diz pronto a voltar a legislar. A palavra final está com o juiz da partida, o TSE, já que a próxima eleição geral será em 2010.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Mauro Santos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Cá prá nós,entre os 3 Deputados do PSDB,Guilherme,chica e Avalone o ultimo é que tem um trabalho parlamentar mais competente,merecia ficar na AL......

  • valmir molina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Caro Romilson,um feliz 2008 e que esse site continue sendo o porta voz dos nossos comentários.No que se refere a questão Avalone x Chica,sou membro do PSDB e não vejo o deputado Avalone manobrar para efetivar-se no cargo.O que acontece,é que a deputada tem realmente culpa no cartório e isso, é indiscutível.

  • Jorge goldemberg Parra | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    francamente, é trocar seis por meia dúzia. ambos têm muita a dizer a justiça. a chica, têm que explicar a compra de votos para justiça eleitoral, o avalone sobre a retirada de madeira irregular em sua propriedade lá em aripuanã, quando inclusive ele foi arrolado em processo; e o maluf é aquele que também está envolvido em uma série de escândalos na área ambiental, principalmente a construção das três torres ao lado do shopping pantanal, com a participação do prefeito e de um certo promotor que lavrou um termo de ajustamento de conduta para legitimar a obra. Portanto, qualquer um dos três que permanecer com o mandato de deputado não vai melhorar absolutamente NADA para a população. MELHORA SÓ PARA ELES, ATÉ QUANDO A JUSTIÇA IMPARCIAL VENHA FUNCIONAR NESTE PAÍS!!!

PTB tem 25 e deve eleger 2 à Câmara

misael galvao 400 curtinha   O PTB lançou 25 nomes a vereador em Cuiabá. E a tendência é de eleger entre um e dois. As maiores apostas são os seus próprios vereadores: Misael Galvão (foto) e Adevair Cabral, respectivamente, presidente e primeiro-secretário da Mesa Diretora da Câmara....

Retorno à Câmara após 6 mandatos

fulo 400 curtinha   Figura bastante popular, especialmente na região da Vila Operária, Lourisvaldo Manoel de Oliveira, o Fulô (MDB), que foi vereador de Rondonópolis por seis mandatos, está de volta. Hoje suplente, ele assume provisoriamente nesta segunda a cadeira do titular Thiago Muniz, que pediu licença...

Bolsonaro nem aí para políticos de MT

nelson barbudo 400 curtinha   O cerimonial da Presidência da República deu de ombros para os políticos, inclusive para a bancada federal mato-grossense, na visita de Bolsonaro, sexta, em Sinop e Sorriso. Alguns tentaram, de forma insistente, tirar foto com o presidente. E até conseguiram. Mas o capitão preferiu...

Tião com Flávio e "pau" nos Campos

tiao da zaeli 400 curtinha   A maior bronca dos Campos em Várzea Grande hoje é com o ex-prefeito Tião da Zaeli (foto), que motivou o amigo e empresário Flávio Vargas, dono do frigorífico Frical, a entrar na disputa à sucessão municipal. E Flávio conseguiu construir um amplo arco de...

A única dos maiores fora da reeleição

rosana martinelli 400 curtinha   Seis dos 10 prefeitos dos maiores municípios de MT poderiam disputar a reeleição neste ano por estarem no primeiro mandato ou já tendo exercido outros não consecutivos. E, destes, somente Rosana Martinelli (foto), de Sinop, não se recandidatou. Percebeu dificuldades...

Poconé tem 4 no páreo; Euclides dança

euclides santos 400 curtinha   Em Poconé, o ex-prefeito Euclides Santos (foto) nadou e morreu na praia. Numa queda de braço dentro do PSDB, Euclides, que havia se mudado para Cuiabá e tem o filho na disputa para vereador, perdeu espaço e autonomia para a ex-prefeita Meire Adauto, presidente municipal da legenda tucana e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.