Últimas

Quarta-Feira, 13 de Junho de 2007, 09h:09 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

Artigo

Manias de manias

     Três anos de administração e Wilson Santos ainda não conseguiu transformar em ação prática os slogans de seu governo. Eles tornaram-se apenas um conjunto de frases ocas, desprovidos de qualquer realização, servindo apenas para evidenciar a imagem do mirrado alcaide tribuno. Mero proselitismo!
     A propalada mania de educação de Santos continua criando situações embaraçosas para os profissionais da rede municipal de ensino. Direitos como elevação de nível, licença-prêmio e lei de Gestão das creches continuam emperrados na burocracia da prefeitura. Claro que tudo isto acontece propositadamente, seguindo a  orientação  do chefe do executivo.
     Uma administração que se propõe moderna não utilizaria métodos arcaicos para compor o quadro funcional das gerências das creches municipais. Ainda imperam na atual gestão as politiqueiras indicações parlamentares feitas através das abomináveis “cartinhas de apresentação” de vereadores e deputados. De forma desrespeitosa alguns cargos nas unidades de creches são politicamente loteados e os feudos distribuídos aos senhores de plantão.
     Sabidamente, um governo solidário tem sempre por princípio básico respeitar os direitos dos trabalhadores. Em Cuiabá tal premissa desabou quando o atual prefeito ao “ciscar”, rememorando a sua alcunha do passado, empurrou para um canto do terreiro a papelada do código de lei dos educadores, conhecido como Lei Orgânica dos Profissionais da Educação.
     Nos anos de 2005 e 2006, sob as tutelas do Sintep e do Conselho de Educação, centenas de delegados das escolas e creches participaram das conferências que construíram o Plano Municipal de Educação.Seis meses se passaram e o projeto ainda não foi enviando a Câmara Municipal, para apreciação dos vereadores. Continua desaparecido nos labirintos do gabinete do prefeito.
     Loas para as suas originalíssimas manias de saúde, educação e transporte público, etc.
     Diante do exposto, temos convicção de que o maior desafio dos profissionais da educação, neste momento, é a construção de elos de solidariedade que sejam capazes de alterar profundamente o caótico quadro do ensino público deste município, para que a educação como mania consiga realmente inserir a nossa sociedade na moderna contemporaneidade.

Gilson Romeu da Cunha-Professor e Vice-presidente do Sintep Subsede de Cuiabá Nemesio  Kaefer- Professor e Secretario de Assuntos Jurídicos do Sintep Subsede de Cuiabá

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Nezinho, nova derrota e aposentadoria

nezinho 400   Aos 69 anos, o petebista Carlos Roberto da Costa, o Nezinho (foto), considerado da velha guarda política, tentou, mas foi reprovado nas urnas em Nossa Senhora do Livramento. Ele concorreu a prefeito em quatro pleitos. E já exerceu dois mandatos. Nezinho já foi secretário-adjunto de Fazenda do Estado,...

EP cresce 5; Abílio perde 3, diz Ibope

emanuel pinheiro 400 curtinha   Pelos números do Ibope, revelados nesta sexta à noite pela TV Centro América (Globo), Abílio Júnior (Podemos) oscilou negativamente 3 pontos percentuais em menos de uma semana, de 48% para 45% das intenções de voto. Já o emedebista Emanuel Pinheiro (foto)...

Sob arrogância, ataque e desrespeito

abilio junior 400 curtinha   O candidato Abílio Junior (foto), que disputa o segundo turno em Cuiabá com o prefeito Emanuel, chegou bastante nervoso e irritado para o debate nesta sexta, na TV Vila Real (Record). Demonstrando arrogância, ignorou o superintendente do Grupo Gazeta de Comunicação, Dorileo Leal, na...

Candidatos, tensão, debate e bate boca

antoniocarlos   Em debate tenso, na TV Vila Real (do grupo Gazeta) e, após troca de acusações sobre atos de corrupção e servidores fantasmas, os candidatos à Prefeitura de Cuiabá Abílio Júnior (Pode) e Emanuel Pinheiro (MDB) protagonizaram bate boca por mais de uma vez. O clima ficou...

Abílio contrata 400 fiscais para eleição

A campanha do candidato Abílio Júnior (Pode) decidiu contratar 400 fiscais para atuar nesta eleição de domingo. Isso derruba o discurso do candidato do Podemos de que todos atuam de forma voluntária em prol da sua vitória. Aliás, quando questionado sobre a grande estrutura que montou neste segundo turno, inclusive sobre a equipe de marketing, disse que todos são colaboradores. Na sua versão, ninguém recebe pelo trabalho,...

Entrando na briga à AMM muito tarde

maurao curtinha 400   Mauro Rosa, o Maurão (foto), que está encerrando o segundo mandato como prefeito de Água Boa, é o único candidato no duelo com Neurilan Fraga, que busca mais um mandato no comando da AMM, entidade que representa as prefeituras mato-grossenses. O problema é que Maurão entrou...