Últimas

Segunda-Feira, 03 de Setembro de 2007, 08h:59 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

Artigo

Maria, mãe de Deus?

     "Como é que Nossa Senhora pode ser mãe de Deus, que é o pai, se ela é mãe de Jesus, que é o filho de Deus?". Se eu fosse voluntário numa sala de catequese de uma Igreja Católica e estivesse ensinando crianças a rezar a "Ave Maria", imagino que teria dificuldades em responder a essa pergunta, caso alguma criança a fizesse, pois seria um questionamento coerente.
     A frase com esta afirmação está presente no início da segunda parte da oração: "Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nós...". Eu poderia tentar esclarecer esta criança, com explicações sobre a Santíssima Trindade, citando informações sobre a história da igreja, especificamente sobre a origem da frase.
     Na verdade, eu poderia explicar, mas não me sinto à vontade em pronunciar este trecho. Como jornalista, tenho ímpetos de corrigi-lo mentalmente. Acredito que ficaria mais bem esclarecedor se fosse "mãe do Deus filho", "mãe de Jesus", "mãe de um Deus" (o Deus filho) ou ainda "Santa Maria, nossa mãe...". O problema é que o jornalista, por mais incomodado que fique, terá que dar espaço à pessoa que aceita pela fé, pois dificilmente o trecho irá mudar.
     O termo "mãe de Deus" provocou muita controvérsia nos primórdios da Igreja Católica. Tanto que foi necessária a convocação de um Concílio para pôr fim à polêmica, no ano de 431. Convocado pelo papa Celestino I, o Concílio reuniu os bispos em Éfeso, na Ásia Menor (hoje, Turquia). A cidade foi escolhida porque se acredita que Nossa Senhora tenha vivido ali. A polêmica foi causada pelo bispo Nestório, patriarca de Constantinopla, que defendia ser Maria a mãe de Jesus e não de Deus, sob o argumento: "Então, Deus tem uma mãe?". As idéias de Nestório foram derrotadas. Os bispos declararam que Maria seria sim a mãe de Deus, "porque seu filho, Cristo, é Deus". Nestório não acatou a decisão e acabou excomungado.
     Mas, voltando à Ave Maria, esta nasceu, na primeira parte, da junção de frases consideradas de inspiração divina (Novo Testamento). As duas primeiras frases "Ave Maria, cheia de graça. O Senhor é convosco", foram ditas pelo arcanjo Gabriel a Maria, durante o anúncio da concepção. A frase seguinte, "Bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre", é uma saudação da prima de Maria, Isabel, quando Nossa Senhora foi visitá-la, no final de sua gravidez.
     Curiosamente, minha implicância é com o trecho de inspiração humana da oração. O trecho final da Ave Maria tem origem no mesmo Concílio. Lá, o santo Padre Celestino fez uma saudação à virgem Maria, diante da assembléia, nos seguintes termos: "Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nós pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém". Mais tarde surgiu a oração, com a junção de todos os trechos citados.
     Bem, Maria não é mãe do pai de seu filho. É mãe do filho. O problema semântico é que os dois (Pai e Filho) são aspectos da mesma divindade, na qual também se inclui o Espírito Santo (a Divina Trindade).
     Não sei se vou ser considerado a reencarnação das idéias de Nestório, mas defendo um texto mais esclarecedor. E mudanças não são uma heresia ao longo da história da igreja. Até os anos 60, o Pai Nosso era rezado da seguinte forma: "Perdoai as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores" (Mateus). Porém, hoje, rezamos outro trecho (Lucas): "Perdoai as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos têm ofendido".
     Depois de séculos sem mudanças, as missas, que até o Concílio Vaticano II (década de 60) eram celebradas em latim, com o padre de costas para os fiéis, hoje são bem diferentes, rezadas nas línguas nacionais. Ou seja, nem tudo é imutável nas preces e liturgias da Igreja.
     A mudança proposta não alteraria o status de Maria, apenas o deixaria mais claro, certamente, para as crianças na catequese e para jornalistas implicantes.

Sergio Luiz Fernandes é jornalista em Cuiabá (fernamorim@brturbo.com.br )


 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Sorriso tenta aval para conceder RGA

estevam calvo 400   A Prefeitura de Sorriso quer pagar RGA aos servidores, mas não encontrou até agora respaldo legal para assim proceder, considerando a Lei Complementar 173/2020 que, no contexto da pandemia, proíbe reajuste no salário de servidores federais, estaduais e municipais até 31 de dezembro deste...

Ambulância doada pela CBF para MT

Aron Dresch 400   O governo estadual recebeu doação de uma ambulância da CBF como forma de reconhecimento à dedicação dos profissionais da Saúde e dos serviços que estão sendo prestados durante a pandemia. O Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, foi escolhido para...

Fávaro, relatório e vacina sem Anvisa

carlos favaro 400   O senador mato-grossense Carlos Fávaro (foto), eleito na suplementar do ano passado, está comemorando a aprovação pelos colegas do seu relatório ao Projeto 1315/2021, que libera a importação de vacinas e insumos para o combate à Covid-19 no Brasil e sem depender do...

TRE intima deputado pra se defender

gilberto cattani 400   O TRE já citou o deputado Gilberto Cattani (foto) e o comando do PRTB para se manifestar sobre o pedido do suplente Emílio Populo, que quer a perda do mandato do recém-empossado por infidelidade partidária. O relator é o jurista Sebastião Monteiro. Cattani apresenta defesa na...

DEM tem derrotados em 2020 pra AL

anelise silva 400   Alguns filiados do DEM do governador Mauro Mendes estão se movimentando por conta própria, visando as eleições de deputado estadual no próximo ano, alheios ao comodismo do presidente regional do partido, ex-deputado Fabinho Garcia. Em Cáceres, por exemplo, dois são cogitados para...

Vereadores vão devolver a VI de abril

agostinho carneiro 400   Presidida por Agostinho Carneiro (foto), a Câmara Municipal de Ribeirãozinho, um dos menores municípios do Estado, com cerca de 2,5 mil habitantes, decidiu suspender o pagamento da verba indenizatória deste mês de abril de todos os seus nove vereadores. Com isso, os R$ 9 mil que iriam para o...