Últimas

Sexta-Feira, 16 de Novembro de 2007, 16h:50 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

INVESTIGAÇÃO

MCCE denuncia jogo de azar em Várzea Grande

  MCCE pede que MP acione judicialmente o governo do Estado, Assembléia, prefeitura e seis pré-candidatos

      O Movimento de Combate a Corrupção Eleitoral (MCCE) ingressou com uma representação junto à Polícia Federal, ao Ministério Público Federal e ao Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) contra a promoção de um bingo ilegal que seria realizado no feriado desta quinta (15), em Várzea Grande, pela União Várzea-Grandense das Associações de Moradores de Bairro (Univab).

      Coordenador do MCCE, Antônio Cavalcante, o Ceará, argumenta que a cartela do jogo trazia como patrocinadores o governo do Estado, a Assembléia Legislativa e a Prefeitura de Várzea Grande. "Bancar jogos de azar não é uma finalidade da administração pública", observa. Além do Executivo e Legislativo, o MCCE denuncia por propaganda extemporânea os pré-candidatos à eleição em 2008 cujos nomes aparecem estampados na cartela do bingo. São eles: os deputados estaduais e "prefeitáveis" de Várzea Grande, Maksuês Leite (PP) e Wallace Guimarães (DEM), além do diretor-presidente do Departamento de Água e Esgoto, Dito Loro (PSDB), de Denize Baracat, do policial Baiano Pereira e ainda de Mateus Magalhães, presidente da Univab e responsável pelo bingo.

  Ceará explica que a Univab estava utilizando uma entidade filantrópica como fachada para influenciar a venda de cartelas. "Eles tentaram passar uma imagem de que era um bingo pequeno, mas não era. Os prêmios divulgados chegavam ao valor de R$ 11 mil". Diz ainda que o bingo é um típico "jogo de azar". O coordenador do MCCE protocolou representação "para coibir o crime, bem como a propaganda eleitoral extemporânea". (Pollyana Araújo)

    Leia aqui a íntegra do documento que pede providências.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Marcos Marques Domingos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Mas uma vez o senhor Mateus Magalhaes envolvido, era bom o mcce analisar o contrato de concessao dele no terminal andré maggi tbém, e ver os contratos que o mesmo tem com a prefeitura, pelo que eu sei, funcionario publico nao pode ter contrato com prefeitura.

  • Sergio P Martins | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O MCCE deveria fiscalizar o novo prédio da Prefeitura de Várzae Grande, pois se der outra chuva forte...o prédio vem ao chão. Uma parte já desabou, o prédio treme..Eu hein, vai saber a qualidade dos materiais utilizados lá?

    Lembram-se das obras do Sergio Naia? Tomara que aqui não ocorra uma tragédia.

  • Rafael Damian | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    1

    Parabéns ao MCCE.

    Falta ter o jogo do bicho estatal agora.

  • julio augusto de oliveira soares | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O povo ordeiro da querida Varzea grande Não merce estes tipos de politicos ,paabéns ao MCCE,com a palavra os nobres e isentos senhores do MPE

2 da AL em chapas distintas à AMM

nininho 400   Dois deputados estaduais estão divididos em chapas de honra da eleição da AMM, que acontece no próximo dia 15. O curioso é que Ondanir Bortolini, o Nininho (foto), filiado ao PSD e hoje presidente de honra da entidade comandada pelo segundo mandato consecutivo por Neurilan Fraga (PL), caiu fora da...

Trentini perde de novo para Pitucha

roland trentini 400 curtinha   Na queda-de-braço nos bastidores, o ex-prefeito por três mandatos de Alto Garças, Roland Trentini (foto), perdeu de novo para o rival político histórico, o também ex-prefeito Júnior Pitucha. Ambos, que já protagonizaram disputas acirradas, tensas e...

2 maiores líderes sob crise partidária

mauro mendes 400 curtinha   Os dois maiores chefes de Executivos em MT hoje enfrentam problemas partidários internamente. O governador Mauro Mendes (foto), mesmo sendo a principal estrela do DEM no Estado, não está confortável dentro do partido por causa de conflitos com os irmãos Júlio e Jayme Campos....

MM e deputados derrotados do MDB

carlos bezerra 400 curtinha   Por coincidência, deputados do MDB que tiveram seus candidatos derrotados nas urnas estão de afagos com o governador Mauro. E até convidaram-no para deixar o DEM e migrar para o MDB, numa articulação do cacicão do partido, o federal Carlos Bezerra (foto), que puxou a corda da...

Os Maia fincam força no Legislativo

silvio maia 400   O ex-prefeito por quatro vezes de Alto Araguaia, Maia Neto, perdeu nas urnas na majoritária, mas ganhou na proporcional. De um lado, a irmã Martha Maia, seu braço-direito durante todos os mandatos, foi derrotada à prefeita por Gustavo Melo, que se reelegeu. Por outro, Maia Neto viu dois dos seus...

Reeleito, Gustavo derruba o clã Maia

gustavo melo 400   O jovem prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), de 36 anos, manteve mesmo o "apertado" favoritismo, conforme mostrou na reta final a pesquisa do instituto Analisando, e derrotou o clã Maia. Venceu por 962 votos de diferença. Filiado ao PSB, Gustavo chegou a 4.805, enquanto Martha Maia (PP) registrou 3.840...