Últimas

Domingo, 24 de Maio de 2009, 09h:10 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

CONFRONTO

Mendes indica nome para CNJ; partidos ficam na bronca

  Após indicar um “apadrinhado” a uma vaga no Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o polêmico ministro mato-grossense Gilmar Mendes, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), entrou em rota de colisão com lideranças do DEM e do PSDB no Senado. O ministro teria se comprometido em ficar de fora dos debates que circundam a escolha, mas, de última hora, se arrependeu e indicou o professor Marcelo Neves, que dá aulas no Instituto de Direito Público (IDP), de propriedade do próprio presidente do STF. É o que revela o jornal Estadão deste domingo. A interferência de Mendes causou mal-estar e despertou a insatisfação dos dois partidos da oposição que sempre o apoiaram. Os líderes do DEM, José Agripino (RN), e do PSDB, Arthur Virgílio (AM), indicaram o advogado Erick Pereira e, chegaram a conseguir o apoio de outros líderes, como Renan Calheiros (PMDB-AL) e Aloizio Mercadante (PT-SP). Depois, o petista retirou o apoio.

  Os tucanos e democratas esperavam emplacar o seu "escolhido" com facilidade quando foram surpreendidos pela indicação feita pelo presidente do STF. A carta indicatória de Mendes foi lida na sabatina do candidato na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, na quarta (20). Os senadores reclamam que a indicação deveria partir deles e não do ministro. A escolha do novo membro do CNJ deve ser anunciada na quarta (27). (Patrícia Sanches)

----------------------------------------------------------------------------------
Leia aqui  no Estadão matéria deste domingo acerca da nova polêmica envolvendo Mendes

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Ricardo Alexsandro Anzil | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse Gilmar Mendes não aguenta ficar longe da midia mesmo, é lógico que essa indicação do professor é para ajudar a fazer a propaganda e gratuita de sua faculdade, ainda bem que o reinado do mesmo já esta acabando, esse ai só trouxe polemica e vergonha para o Estado.

  • Bruno Carbonato | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não conheco o Gilmar pessaalmente mais pelo que sei trata-se de uma pessoa simples no dia dia que lutou muito para chegar onde chegou. O Gilmar para quem não sabe é de Diamantino e quem o conhece jé comentou que trata-se de uma excelente pessoa e altamente inteligente e competente. O curriculo desse cara merece respeito. Ocorre que não se pode falar que alguem não é do Rio ou São Paulo que existe uma marcação contra. Foi o que aquele individuo fez referindo-se a capangas de Mato Grosso, uma infeliz referencia.. Eu acho que existe inveja em cima do cargo de Gilmar Mendes. Sou Morador do bairro Jardim Imperial em Cuiabá-MT e acho que nos de MatoGrosso temos é que nos orgulhar desse cara e tentar coloca-lo como exemplo a nossos filhos.

  • Angelo M.de Medeiros | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A cada dia que passa este Ministro Gilmar Mendes tem provado que não é um homem digno e honesto que pareceu ser no início, tinha o maior orgulho dele no Supremo, hoje tenho vergonha de saber que o tal é de Mato Grosso.

  • Murilo Mendonça | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse mocinho diamantinense - convenhamos, vergonha do Estado -, é dado a atitudes que contrariam o senso comum.
    Ele deveria estar repensando suas últimas sentenças/decisões, ao invés de se meter em apadrinhar. Até porque pega mal o presidente do Supremo Tribunal assumir hábitos políticos exclusivos de petistas.

  • Dicão | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse Sr. Gilmar Mendes é uma vergonha para a Justiça brasileira. É uma vergonha para o povo de Mato Grosso. Esperávamos que desse exemplo, acabando com o conluio com partidos políticos, com esses líderes políticos que tanto fazem mal a sociedade brasileira. O Sr. Gilmar Mendes está de fato prejudicando a Justiça brasileira. Como acreditar num julgamento desse Senhor onde estiver envolvidos esses políticos, esses partidos?

    É lamentável. Tem pessoas que quando chegam ao poder acham que são únicos, são onipotentes.

  • Francisca Miranda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse é o cara. Podes crer.

  • pedro goncalves | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    HaHaHa, segundo o Estadão o Min. Gilmar Mendes não cumpriu acordo com os partidos de oposição e se aliou ao governo para eleger seu indicado no Senado. Esse Mendes não tem jeito, não cumpre acordo nem com partidos que foram os responsáveis por colocá-lo no STF. Agora faz acordos com o governo, será que vai dar paz ao Pres. Lula a respeito de outras motivações infundadas que ele move contra o governo com o apoio do DEM e do PSDB. Ou ele vai fazer o mesmo, cuspir no prato em que come e trair de novo seus aliados. Ainda bem que Joaquim Barbosa está lá e vai comandar as próximas eleições presidenciais, pois se fosse o Gilmar estaríamos em apuros. Fora Gilmar. Vai cuidar de suas faculdades e não encha mais a nossa paciência.

  • luiz fernando | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse mendes é um fanfarrão!

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

PSB deve ficar fora da aliança de EP

max russi curtinha 400   O PSB, presidido pelo deputado Max Russi (foto), pulou mesmo do barco de Emanuel Pinheiro. Deve formalizar apoio à candidatura de Roberto França ao Alencastro. O PSB não consta na lista oficial de siglas que estão com o prefeito, que busca à reeleição. Os 11 que estão...

Taisir coordena campanha de Eliene

taisir karim 400 curtinha   O ex-reitor da Unemat e uma das lideranças do PSD na região Oeste, Taisir Karim (foto), que chegou a se lançar de última hora como pré-candidato a prefeito de Cáceres, mas logo em seguida recuou, será o coordenador-geral da campanha de Eliene Liberato (PSB), atual...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.