Últimas

Quarta-Feira, 31 de Outubro de 2007, 22h:12 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

VÁRZEA GRANDE

Mesmo com aval, Murilo fica vetado à reeleição

   Mesmo com as contas aprovadas pela Câmara numa sessão relâmpago e sem alarde nesta quarta à noite, o prefeito várzea-grandense Murilo Domingos deve ficar impedido de disputar a reeleição. Ocorre que, perante a Justiça Eleitoral, o que vale é o parecer do Tribunal de Contas, que rejeitou o balancete da gestão de 2006 por um placar de 4 a 3 por conter quase 50 irregularidades.

   O prefeito se vê na condição de inelegível e ainda enfrentará investigação por parte do Ministério Público.   Murilo está capenga nas pesquisas de intenções de voto. A última amostragem do instituto Mark o aponta na lanterna na corrida sucessória e também como o nome mais rejeitado.

Edil Moreira, presidente da Câmara de Várzea Grande A manobra para aprovar as contas pegou mal tanto para o prefeito quanto para a Câmara, sob a presidência do vereador Edil Moreira (DEM). Eles aproveitaram uma sessão itinerante no bairro São Mateus para, na chamada calada da noite, apreciar as contas do prefeito. Ignoraram o parecer do TCE. A articulação para promover a sessão e "empurrar" na pauta o relatório das contas do Executivo de 2006 começou no gabinete do prefeito Murilo Domingos. Depois, Edil Moreira reuniu um grupo de vereadores e chegou a um entendimento.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Alexandre Dias | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Mais uma legislatura vai passando sem demonstrar o minimo do que deve ser o papel do legislador. È uma pena, Varzea Grande, principalmente seu povo humilde e acolhedor não merece essa traição. Vamos refletir para termos uma cidade decente.
    "O que me preocupa não é o grito dos violentos...É o silêncio dos bons!" Martin Luther King

  • Régis Rodrigues Ribeiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parece-me que está havendo um erro de avaliação de quem editou esta notícia, pois, no meu simplório conhecimento a Câmara Municipal é soberana em suas conclusões, o Tribunal de Contas apenas EMITE PARECERES E OPINIÕES, e não têm força de impedir o registro de candidatura. Já, se a Câmara Municipal reprovar contas do Prefeito este está inelegível. Esta é minha conclusão, que pode muito bem ser contestada. Assim, deixo aberto a indagação para outras opiniões.

  • marcelo arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Dificíl entender o comportamento de nossa imprensa, que apelidou o prefeito Murilo de "Murilo Dormindo", entretanto todas as atitudes do prefeito de Várzea Grande demonstram que ele não dorme em serviço, como se vê pelas ações a seguir:
    1) Várzea Grande foi a primeira cidade de Mato Grosso a ser habilitada a receber os recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC);
    2) Várzea Grande recebeu o título da Gazeta Mercantil por ser uma das cidades mais dinâmicas do pais, deixando prá trás grande cidades como São Paulo;
    3) Várzea Grande foi considerada a cidade que mais elevou o número de funcionários com carteira de trabalho assinada no Brasil;
    4) Contruiu uma sede da prefeitura, como sendo uma das mais modernas o centro-oeste;
    5) Murilo foi para o Partido da Republica (PR) e levou consigo um número expressivo de vereadores e suplentes de vereadores, construindo uma das chapas mas fortes para disputar a eleição.
    6) Agora tem suas contas aprovadas pelos vereadores.
    7) Sem falar no patrimonio que contruiu ao longo de sua vida.

    Dormindo tá deste jeito, imagine se estivesse acordado.

    Exemplo de que a imprensa tenta colocar a população contra o Murilo criando apelidos e factóides.

    5) Agora, surpreeendentemente, aprova suas contas num periodo

  • Porfiria | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Na minha opinião ja virou piada de chegar proximo do ano de eleição levar a tal sessão itinerante para os bairros para ludibriar os eleitoros com demagogia, mas espero que o povo tenha consciencia e renove em massa as cadeiras da camara de vg e tire essa turma q so sabe mudar nome de rua e não fazem nada para o desenvolvimento de nossa cidade.

Para presidente, BRT é ultrapassado

juca 400 curtinha   Numa sintonia política com o prefeito Emanuel, o novo presidente da Câmara de Cuiabá, vereador Juca do Guaraná (foto), disse ser contra a decisão do governo estadual de "enterrar" o projeto do VLT, cujas obras estão paralisadas desde 2014, para implantar o modal BRT na Região...

Prefeito vai homenagear 2 ex-aliados

ze do patio 400 curtinha   O ex-vereador, ex-deputado estadual e hoje prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio (foto), que está no terceiro mandato, vai homenagear dois aliados que faleceram recentemente, sendo eles o ex-vereador de três mandatos Juary Miranda, que foi líder do Executivo na Câmara...

Maluf deve consultar STF sobre Teis

guilherme maluf 400 curtinha   Assim que retornar de férias, o presidente do Tribunal de Contas do Estado, Guilherme Maluf (foto), dará prosseguimento à análise do pedido de aposentadoria de Waldir Teis, que está afastado do Pleno há três anos e cinco meses, assim como outros três conselheiros...

Novo líder de Pátio na Câmara de ROO

reginaldo santos 400 curtinha   Reginaldo dos Santos (foto), que assume vaga na Câmara de Rondonópolis pela quarta vez, é o novo líder do prefeito Zé do Pátio, com a missão de fazer o trabalho de articulação e defesa do Executivo junto aos colegas do Legislativo. Na legislatura passada,...

Agro sugere Daniella de volta no Indea

daniella bueno 400 indea   Representantes do setor produtivo e um grupo de servidores sugeriram ao governador Mauro o nome da médica-veterinária e servidora de carreira Daniella Bueno (foto) para reassumir a presidência do Indea-MT. Aproveitaram a vulnerabilidade no cargo do presidente Marcos Catão Dornelas, denunciado...

Aumento para vereador só em 2022

Alguns vereadores em Cuiabá, tanto novatos quanto aqueles reeleitos, ficaram surpresos quando informados pela Mesa Diretora de que o aumento salarial de R$ 15,1 mil para R$ 18,9 mil, aprovado agora no final de dezembro, só começa a valer a partir de janeiro de 2022. Não entra em vigor de imediato, mesmo se tratando de nova legislatura, por causa da pandemia, que levou o governo federal a estabelecer, em lei, veto a qualquer tipo de reajuste para servidores até...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.