Últimas

Sexta-Feira, 07 de Setembro de 2007, 17h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

SOLENIDADE

Militante do PPS desfila com a "vaca" de Renan

   Com seu velho Pampa, o sociólogo Hélio Silva, membro da executiva do PPS de Cuiabá, encerrou o desfile de 7 de Setembro desta sexta, em Cuiabá. Ele desfilou transportando imagem de uma vaca e com uma frase fixada na grade sobre a carroceria e escrita "O Caça-Corrupto". Segundo ele, foi mais uma protesto contra os esquemas de corrupção envolvendo políticos.

    A vaca, explica Hélio Silva, serve para lembrar os episódios envolvendo o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e o ex-senador Joaquim Roriz (PMDB-DF). Acusados de quebra de decoro parlamentar, ambos apresentaram justificativas de despesas sobre compra de gado. Os dados são considerados fictícios. Roriz acabou renunciando ao mandato. Já Renan, mesmo acuado, resiste.

   Este não é o primeiro protesto público de Hélio Silva, candidato derrotado a deputado federal no ano passado - teve apenas 1.557 votos. Ele se identificou na campanha como o "Papa-Corrupto" e transportava bonecos, numa cela improvisada no seu veículo Pampa, simbolizando mensaleiros e sanguessugas.

    Na última Corrida de Reis, organizada pela TV Centro América (afiliada da Rede Globo), Hélio fixou quatro bonecos em postes nos trechos que fizeram parte do itinerário. Na visita do presidente Lula a Cuiabá, no final de julho, o sociólogo apareceu no aeroporto internacional Marechal Rondon, em Várzea Grande, para recepcionar o petista na direção do seu Papa-Corrupto. Ficou à distância, sob olhar atento dos seguranças do Palácio do Planalto.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Célio Alves Martins | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Romilson Dourado, você anda meio medroso. Publica amenidades, até quando se fala em protestos. Você sabe que Blairo e Wilson foram vaiados no desfile por manifestantes. Mas será que colorá isso no seu site? Veremos, questionável jornalista.

EP cresce 5; Abílio perde 3, diz Ibope

emanuel pinheiro 400 curtinha   Pelos números do Ibope, revelados nesta sexta à noite pela TV Centro América (Globo), Abílio Júnior (Podemos) oscilou negativamente 3 pontos percentuais em menos de uma semana, de 48% para 45% das intenções de voto. Já o emedebista Emanuel Pinheiro (foto)...

Sob arrogância, ataque e desrespeito

abilio junior 400 curtinha   O candidato Abílio Junior (foto), que disputa o segundo turno em Cuiabá com o prefeito Emanuel, chegou bastante nervoso e irritado para o debate nesta sexta, na TV Vila Real (Record). Demonstrando arrogância, ignorou o superintendente do Grupo Gazeta de Comunicação, Dorileo Leal, na...

Candidatos, tensão, debate e bate boca

antoniocarlos   Em debate tenso, na TV Vila Real (do grupo Gazeta) e, após troca de acusações sobre atos de corrupção e servidores fantasmas, os candidatos à Prefeitura de Cuiabá Abílio Júnior (Pode) e Emanuel Pinheiro (MDB) protagonizaram bate boca por mais de uma vez. O clima ficou...

Abílio contrata 400 fiscais para eleição

A campanha do candidato Abílio Júnior (Pode) decidiu contratar 400 fiscais para atuar nesta eleição de domingo. Isso derruba o discurso do candidato do Podemos de que todos atuam de forma voluntária em prol da sua vitória. Aliás, quando questionado sobre a grande estrutura que montou neste segundo turno, inclusive sobre a equipe de marketing, disse que todos são colaboradores. Na sua versão, ninguém recebe pelo trabalho,...

Entrando na briga à AMM muito tarde

maurao curtinha 400   Mauro Rosa, o Maurão (foto), que está encerrando o segundo mandato como prefeito de Água Boa, é o único candidato no duelo com Neurilan Fraga, que busca mais um mandato no comando da AMM, entidade que representa as prefeituras mato-grossenses. O problema é que Maurão entrou...

Com Paccola, Câmara terá polêmicas

paccola 400 curtinha   O vereador eleito pela Capital, tenente-coronel PM Marcos Eduardo Ticianel Paccola (foto), do Cidadania, promete levar muitas polêmicas para os embates que pretende travar no Legislativo. Ele é daqueles sem papas na língua. Defende, por exemplo, que a população tenha direito de se armar. Em...