Últimas

Quarta-Feira, 18 de Julho de 2007, 17h:44 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

ARTICULAÇÃO

Ministro indica primo à Ager; Prado é aprovado

Ministro Gilmar Mendes terá o primo como diretor da Ager   O ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, mato-grossense de Diamantino, sugeriu o nome do seu primo Francisval Dias Mendes para o cargo de diretor-regulador-ouvidor da Agência de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Estado (Ager/MT). De pronto, o governador Blairo Maggi acatou a indicação. Maggi e Mendes mantêm relações de amizade. Agora, o nome de Francisval, hoje assessor no Detran, será apreciado pelos deputados. Para assumir o cargo cujo mandato é de quatro anos precisa passar por sabatina.

Paulo Prado, chefe do MPE/MT, terá o primo na Ager    Enquanto isso, o nome de Marco Prado, primo do procurador-geral de Justiça do Estado, Paulo Prado, foi aprovado na sessão desta terça pela Assembléia. Ele vai assumir a diretoria de Transportes da Ager. O cargo estava vago desde abril, com o vencimento do mandato de Antônio Gabriel Muller, que fazia parte da cota do DEM. Marco Prado vinha atuando no governo. Estava lotado como superintendente da secretaria de Infra-Estrutura.

    Se de um lado a Assembléia aprovou o nome de Marco Prado, de outro rejeitou o do advogado Geraldo Araújo. A Comissão de Constituição, Justiça e Redação o vetou, sob alegação de que Araújo estava atuando como diretor da MTGás, empresa que, em tese, é fiscalizada pela Ager.

    Além da presidência, hoje sob Márcia Vandoni, a Ager tem uma estrutura com três diretorias. A de Transportes será ocupada agora por Marco Prado, assim que a Casa Civil do governo Maggi oficializar a nomeação. O diretor de Energia e Saneamento é Pedro Paulo Carneiro, indicado pelo DEM. Seu mandato se estende até abril do próximo ano.

     Já em relação ao ouvidor, cuja cadeira era ocupada por Diogo Sanches até abril, continua vaga, mas por enquanto. A tendência é Francival, com "empurrão" do ministro Mendes", vir a ser nomeado ao posto. Para acelerar o processo, os democratas na Assembléia querem um outro cargo no governo para Gabriel Muller, ex-diretor da Ager.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • marcus mediato | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse nepotismo "cruzado" talvez seja a explicação do porquê o Ministério Público Estadual ser tão duro no cambate ao nepotismo contra as prefeituras (o que devemos aplaudir) e nada fazem em relação ao nepotismo reinante no governo estadual. Dona Terezinha Maggi continua secretário e o Sr. Paulo Prado parece que nada vê. Será que é porque seu irmão foi confirmado em cargo de confiança no Governo?

  • Maria Luiza Indignada | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Ministério público está ficando desmoralizado e nem percebeu ainda.
    Quando a Assembleia Legislativa vai cumprir o nepotismo?
    Quando os Desembargadores vão parar de pedir emprego na Assembleia?
    Quando os filhos, esposas, genros, noras e etc.. dos Conselheiros do Tribuanl vão ser exonerados da Assembleia?
    Quando vai parar a permuta? Nomeia aqqui que eu nomeio ali?ou seja os troca trocas de favores.
    Quando os ex- deputados vão parar de ficar com gabinetes montados na Assembleia?
    Quando os fantasmas vão parar de receber na Assembleia?
    Quando o Dr. Paulo Prado vai notificar os deputados a exonerarem a familia?
    Quando vai acabar a farra de ter 24 deputados eleitos e 30 recebendo salário?
    Até quando vai continuar a farra com o dinheiro público?
    Com a palavra o Ministério Público......

Trentini perde de novo para Pitucha

roland trentini 400 curtinha   Na queda-de-braço nos bastidores, o ex-prefeito por três mandatos de Alto Garças, Roland Trentini (foto), perdeu de novo para o rival político histórico, o também ex-prefeito Júnior Pitucha. Ambos, que já protagonizaram disputas acirradas, tensas e...

2 maiores líderes sob crise partidária

mauro mendes 400 curtinha   Os dois maiores chefes de Executivos em MT hoje enfrentam problemas partidários internamente. O governador Mauro Mendes (foto), mesmo sendo a principal estrela do DEM no Estado, não está confortável dentro do partido por causa de conflitos com os irmãos Júlio e Jayme Campos....

MM e deputados derrotados do MDB

carlos bezerra 400 curtinha   Por coincidência, deputados do MDB que tiveram seus candidatos derrotados nas urnas estão de afagos com o governador Mauro. E até convidaram-no para deixar o DEM e migrar para o MDB, numa articulação do cacicão do partido, o federal Carlos Bezerra (foto), que puxou a corda da...

Os Maia fincam força no Legislativo

silvio maia 400   O ex-prefeito por quatro vezes de Alto Araguaia, Maia Neto, perdeu nas urnas na majoritária, mas ganhou na proporcional. De um lado, a irmã Martha Maia, seu braço-direito durante todos os mandatos, foi derrotada à prefeita por Gustavo Melo, que se reelegeu. Por outro, Maia Neto viu dois dos seus...

Reeleito, Gustavo derruba o clã Maia

gustavo melo 400   O jovem prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), de 36 anos, manteve mesmo o "apertado" favoritismo, conforme mostrou na reta final a pesquisa do instituto Analisando, e derrotou o clã Maia. Venceu por 962 votos de diferença. Filiado ao PSB, Gustavo chegou a 4.805, enquanto Martha Maia (PP) registrou 3.840...

Nivelando para cima o debate em VG

emanuelzinho 400   Em discurso na Câmara Federal, Emanuelzinho (foto), 3º colocado a prefeito de Várzea Grande, disse ter ajudado a nivelar, por cima, o debate eleitoral, com grandeza e altivez e se mostra entusiasmado. Destaca que "política se faz com seriedade, transparência e com o coração sintonizado...