Últimas

Terça-Feira, 27 de Outubro de 2009, 13h:06 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

SAÚDE PÚBLICA

Moro prepara "arsenal" de dados para contrapor Santos

  O secretário estadual de Saúde Augostinho Moro foi para a "trincheira" e resolveu contrapor as acusações feitas pelo prefeito de Cuiabá, Wilson Santos (PSDB), que tem insinuado que o caos na saúde da Capital é de responsabilidade do Estado. Ele preparou um verdadeiro arsenal de informações e dados sobre os repasses de R$ 2,6 milhões mensais feitos à prefeitura para comprovar que o governo está cumprindo a sua parte. Todos os dados serão repassados nesta terça (27), durante uma coletiva à imprensa.

   Moro se diz tranquilo com a abertura da CPI da Saúde pela Assembleia Legislativa porque, segundo ele, não são os repasses do governo que estão em “xeque”, mas sim a aplicação do dinheiro pelo município. Ainda na ótica do secretário, a tendência é que a situação fique pior já que as negociações não avançam. “Pelo que tenho acompanhado, o impasse está longe de terminar”, afirmou. Mesmo assim, garante que até agora as demandas têm sido atendidas pelas unidades públicas de saúde e que, se necessário, o Estado arcará com o pagamento de internações na rede privada, como prevê uma liminar concedida pelo Tribunal de Justiça. Segundo a decisão, cabe a prefeitura e ao governo arcarem com os tratamentos dos pacientes, sob pena de pagarem R$ 100 mil de multa diária caso descumpram.

  O secretário argumenta também que o assunto deve ser tratado com seriedade para que não se torne uma questão política. “Precisamos identificar exatamente o que está acontecendo para  buscarmos uma solução em conjunto”, pondera. Assim como o governador Blairo Maggi (PR), ele acredita que o caos na saúde pública se deve a má gestão dos recursos. “Não podemos esquecer que a Copa do Mundo está aí e que os planejamentos neste sentido também tem que ser intensificados. É necessário uma união dos poderes e, se necessário, buscar a ajuda do governo federal”. (Patrícia Sanches)

Postar um novo comentário

Comentários (17)

  • JAIME | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    diante de tudo que a RDNEWS nos informa diariamente e até provavel que mesmo mostrando os doc. dos repasse o sr wilson santos vai sair dizendo que é tudo mentira sera que ele wilson pensa que o povo e burro olha mato grosso ele ainda quer ser governador. fora wilson ou entao trabalhe. cuiaba precisa e nao pedimos pois pagamos nossos imposto e exigimos conf. as leis......

  • edileuza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    é isso ai!!!
    até que fim apareceu uma pessoa que pelo menos está falando a lingua do Povão cuiabano que precisa de pronto socorro ou de qualque unidade de saúde de cuiabá.

  • pedro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    moro e amigo do roque, roque e amigo, socio da ana, ana e depois do roque, dona do IDEP o MORO sabe do que quero falar. logo toda imprensa sabera.

  • Ana Maria Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Senhores Políticos,

    Vamos levar a situação a sério, chega de picuinha. De briga de comadres, o eleitor já está cheio! Se preocupem em resolver o problema do cidadão, que é quem paga os impostos e necessita de um serviço público decente. Parem de considerar o dinheiro público como se fosse dos senhores. Acorda Mato Grosso!!!

  • Marly Santana | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pois é, enquanto isso tanto o Gov. mun. quanto o Est. estão mais é preocupados com o próximo pleito eleitoral, e o povo que está morrendo é que se dane!

  • wilson nesto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    hé prefeito , a melhor defesa é o ataque

    mas isso nao dura muito, a cpi ta aí,

    depois tem da camara

    depois inpichtman

    depois

    depois

    depois

  • RODOLFO AZUMQUEM | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O QUE O GOVERNO ESTADUAL TEM A FAZER É COBRAR DAS PREFETURAS DO INTERIOR TENHA ESTRUTURA PARA ATENDER SEUS DOENTES EM SUAS CIDADES, TODOS NOS SABEMOS E VEMOS O DESFILE DE AMBULANCIA DO INTERIOR EM CUIABA TODOS OS DIAS, É UMA VERGONHA É UMA FALTA DE RESPEITO COM SER HUMANO TER QUE VIAJAR DOENTE 500 , 700 KM DENTRO DE AMBULANCIA PARA SER JOGADO NO PS DE CUIABÁ AI A CULPA E DO PREFEITO DE CUIABÁ , TA NO HORA DO REI BLAIRO COMEÇAR A OLHAR PARA UMBIGO, POIS SEMANA PASSADA TINHHA AMBULANCIA DE SAPEZAL NA PORTA DO PS DE CUIABÁ DESPEJANDO PACIENTE , CADE A QUALIDADE DA SAUDE NA CIDADE DELE

  • sandro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Augustinho Moro também deveria apresentar os relatorios do Seu Superintendente Financeiro e do seu Coordenador Administrativo para a sociedade cuiabana. Será que ele tem coragem

  • Joaquim da Silva Barros | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Com certeza esse secretário não conhece aonde fica o pronto socorro de Cuiabá, ele é o único secretário de saúde do Brasil que não administra um hospital público, sabe por quê Mato Grosso não tem hospital público, comprou três, e os três estão fechado e abandonado, ah estava esquecendo comprou mais um em V.Grande para a ser abrigo do ex-detentos, enquanto isso nós pobre mortais estamos sem saúde pública, a culpa não é só da prefeitura o Estado também tem sua parcela de culpa, ou nós somos culpados de fica doente.

  • Walmir | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sou presidente de bairro, e posso falar que recebo todo mês a prestação de contas da secretaria de saúde de cuiab´´a. Nunca recebi e nem vi uma prestação de contas da secretaria de estado, porém se houver má gestão, deve ser da SES, pois em cuiabá se tivesse havido má gestão, o Sec Luiz Soares não teria implantado 25 equipes de saúde da família em 8 meses, sem nenhum incentivo do Governo do estado para este fim. Não teria constrído a policlínica do Pedra 90 sem nenhum incentivo financeiro do estado para este fim. Não teria implantado o Programa Escola com saúde, sem nenhum incentivo financeiro do estado para este fim. Afinal todos os avanços da saúde da capital na gestão do Sec. Luiz soares, não houve nenhum incentivo financeiro extra teto, presume-se retaliação da SES.

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...

Candidato da família Oliveira à Câmara

luluca 400 curtinha   O jovem advogado Luluca Ribeiro (foto) é uma das apostas do MDB por renovação na Câmara da Capital. Concorre a vereador e tende a "herdar" o espólio político da família Oliveira, dos tios Dante, ex-governador que morreu em 2006, e Thelma, prefeita de Chapada dos Guimarães....

Deputado tenta censura e sem êxito

xuxu 400 curtinha   Em duas tentativas, o deputado estadual Xuxu Dal Molin (foto), candidato a prefeito de Sorriso pelo PSC, tentou, sem êxito, censurar o portal Rdnews. Na 1ª Vara Cível da Comarca de Sorriso, Xuxu ingressou com pedidos de antecipação de tutela, pleiteando retirada do ar de matérias que...

Rei do Gado entra numa difícil disputa

mauricao 400 curtinha   O leiloeiro Maurição Tonhá (foto), chamado por muitos de "Rei do Gado", está de volta à disputa eleitoral. O pecuarista com bens avaliados em R$ 19 milhões é candidato pelo DEM a prefeito de Água Boa, muncípio já administrado por ele por dois mandatos. Em...

Ajudando a enterrar CPI do Paletó

luciana zamproni 400 curtinha   O Palácio Alencastro está convicto de que, assim como na primeira votação, o relatório da CPI do Paletó que propõe punição ao prefeito Emanuel e vai ser votado nesta terça, será arquivado pela maioria dos vereadores cuiabanos. O desfalque do...

8 candidaturas e Thelma com chances

thelma de oliveira 400 curtinha   Mesmo sem apoio de nenhum outro partido, a não ser do seu PSDB, enfrentando forte desgaste político e rejeição popular e ainda problemas de saúde, se recuperando de tratamento de câncer de mama, a prefeita Thelma de Oliveira (foto) ainda tem chances de...