Últimas

Sexta-Feira, 18 de Abril de 2008, 23h:38 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

PESAR

Morre, aos 64 anos, o secretário Vettorato


Corpo de Cloves Vettorato está sendo velado no auditório da Famato
Foto: Edson Rodrigues

   Morre, aos 64 anos, o secretário de Estado de Projetos Estratégicos, Cloves Vettorato. Ele estava na UTI do Santa Rosa, em Cuiabá, havia 15 dias. Sofreu falência múltipla dos órgãos. Vettorato foi acometido por um câncer no pulmão. Ele permaneceu sedado e em coma induzido nos últimos cinco dias. Veio a falecer nesta sexta (18), às 23h08.

   O corpo está no hospital. Sua família estuda onde será velado, se Cuiabá ou Rondonópolis. O governador Blairo Maggi, que está em Sapezal, deve cancelar a agenda deste sábado para acompanhar o velório. Vettorato era um dos seus assessores de maior confiança. Ele estava na administração desde janeiro de 2003. Durante todo esse período atuou no Projetos Estratégicos, salvo quatro meses quando fora remanejado para a secretaria de Projetos Estratégicos. (Romilson Dourado, Alline Marques e Pollyana Araújo)

(À 0h30) - Vettorato já foi candidato a vice-prefeito

    Cloves Vettorato só tentou um cargo eletivo, assim mesmo motivado por uma situação inusitada. Em 1996, ele atuava junto ao Sindicato Rural de Rondonópolis e resolveu compôr chapa como candidato a vice-prefeito numa chapa encabeçada pelo então deputado federal Augustinho de Freitas. Vettorato estava no antigo PPB (hoje PP). Ele e Freitas entraram no páreo quando faltava somente um mês para as eleições. Acontece que o grupo do antigo PFL (que se transformou em DEM) e do PL (que se fundiu com o Prona e originou o PR) havia lançado Jota Barreto e, como a candidatura não "decolou", resolveu "jogar a toalha" e buscar outro nome. Mesmo com a dupla Freitas-Vettorato, o grupo amargou derrota. Ganhou o então peemedebista Alberto de Carvalho, que, dois anos depois, veio a renunciar ao cargo de prefeito ante ser cassado pela Câmara Municipal por supostos atos de improbidade administrativa.

(À 0h55) - Governador decretará luto oficial de 3 dias

Cloves Vettorato, durante palestra em janeiro de 2004    O governador Blairo Maggi vai decretar luto oficial de 3 dias pelo falecimento de Cloves Vettorato. Maggi se emociona quando lembra do aliado. Fora o seu então secretário extraordinário de Projetos Estratégicos quem o orientou a se inserir na vida pública. Vettorato conheceu o empresário Maggi na década de 1980. Ele prestava consultoria aos segmentos do agronegócio em Rondonópolis e descobriu em Maggi um lider empresarial que poderia fazer sucesso na carreira política. Assim, o incentivou a integrar a chapa de Jonas Pinheiro (já falecido) como primeiro suplente de senador, em 98. A chapa saiu vitoriosa. Um ano depois, Maggi viveu a primeira experiência de ocupar cargo eletivo. Foi senador por 4 meses. O contato e consultoria de Vettorato junto a Maggi se manteve. Depois, na administração Maggi, Vettorato foi secretário de Projetos Estratégicos e também de Desenvolvimento Rural. Foi o responsável pela criação dos 15 consórcios rodoviários e da elaboração de projetos sobre as cadeias produtivas nos municípios. Hoje, o MT Regional está sob José Aparecido, o Cidinho, presidente da Associação Mato-Grossense dos Municípios.

(À 1h10) - Velório começa na Famato a partir das 7h

   O corpo de Cloves Vettorato será velado na Federação da Agricultura do Estado (Famato), em Cuiabá, a partir das 7h. O enterro será mesmo na Capital. Vettorato era gaúcho de Alegria. Se formou em administração de empresas pela Universidade Federal de Rio do Sul e morava há 22 anos em Mato Grosso. Ele deixa a esposa Elisabeth e o filho Gustavo. Trabalhou em várias empresas, como o Grupo Olvebra e Petropar Agropecuária. Entre outras atividades, foi integrante das diretorias da Associação dos Produtores de Sementes de Mato Grosso (Aprosmat), Associação Comercial e Industrial de Rondonópolis (Acir), Associação dos Criadores de Suínos de MT (Acrismat) e Produtores de Algodão (Ampa).

   Vettorato também prestou assessoria especial no Ministério da Agricultura e Pecuária, foi diretor e um dos fundadores da Fundação Mato Grosso e, por fim, secretário de Desenvolvimento Rural e de Projetos Estratégicos. Foi o idealizador do Programa de Desenvolvimento MT Regional, concretizou a criação dos 15 consórcios intermunicipais de desenvolvimento econômico e socioambiental.

(À 1h20) - MT perde um cabeça-pensante, diz AMM

  O presidente da AMM, José Aparecido dos Santos, que vinha atuando junto com Vettorato, lamenta a morte do amigo. "Para mim é uma perda muito grande. Ele (Vettorato) estava envolvido numa série de projetos, principalmente nos consórcios rodoviários. Viajamos juntos praticamente o Estado inteiro. Ele era uma pessoa de visão do futuro. Mato Grosso perde um cabeça-pensante", enfatiza Cidinho, que hoje comanda o programa MT Regional, criado pelo próprio Vettorato.

  Na sua avaliação, Cloves Vettorato sempre estava um passo à frente. "Tinha boas idéias, visão de estadista. Foi quem quem teve, por exemplo, a idéia de criar a Fundação de Pesquisa (Fundação-MT)", completa o presidente da AMM.

(À 1h30) - Cloves escreveu livro e foi braço da gestão

   Vettorato é autor da obra “Os impostos na produção de alimentos”. Também escreveu diversos artigos para jornais e revistas. No governo Blairo Maggi, de quem era amigo pessoal, Cloves Vettorato, atuou como um dos principais braços da área técnica. Recebeu a missão do governador para viabilizar recursos e parcerias e liderou algumas viagens internacionais, como aos Estados Unidos, China, Japão e países da Europa e América do Sul. Ele elaborou estudos, planos, programas e projetos de interesse do governo.

(Às 9h29) - Daldegan se emociona ao falar de Vettorato

  O secretário de Estado de Meio Ambiente, Luis Henrique Daldegan, foi um dos primeiros a chegar no velório. Emocionado, lamenta a morte de Cloves Vettorato e resume em poucas palavras quem foi este homem. "Vettorato era o farol do desenvolvimento no Estado. Ele antecipou as coisas e estava à frente. Hoje se tornou uma estrela que não se apagará", disse quase chorando. 

  O corpo de Vettorato chegou à sede da Famato por volta das 5h30. Neste momento, somente familiares e amigos mais próximos estão presentes no velório.

(Às 9h45) - De Vitto classifica Vettorato de guerreiro

  O secretário de Administração do Estado, Geraldo De Vitto, já chegou ao velório e bastante religioso, pede para Deus dê conforto à família, que passa por um momento difícil. Ele disse ainda que perdeu um grande exemplo. "Vettorato é um exemplo, um lutador. Perdemos um grande guerreiro, mas Deus sabe os caminhos e o que faz. Só temos que crer em Deus", comenta.

(Às 10h22) - Silval admira entusiasmo com que Vettorato vivia

  O vice-governador Silval Barbosa conta que aprendeu a admirar a figura de Cloves Vettorato após a viagem que os dois fizeram para o exterior no passado. Também relatou que Vettorato tinha uma convivência familiar que deve servir de exemplo. "Era incrível a forma como ele convivia com os familiares".

 Silval disse ainda que a característica mais marcante de Vettorato era o entusiasmo e a forma como ele enxergava o Estado. "Sua visão ia bem mais além do tradicional. Quem olhava para ele, tinha a impressão de um homem durão, mas depois de conhecê-lo via que tinha um jeito sensível. Contribuiu para a grandeza de nosso Estado, agora temos que continuar o que ele começou", diz emocionado.

(Às 10h35) - Missa será às 14h, no auditório da Famato

  A missa católica está programada para acontecer às 14h, na sede da Famato, onde está sendo velado o corpo de Cloves Vettorato. Poucas autoridades passaram pelo velório até o momento. O governador Blairo Maggi deve chegar no local por volta de 11h.

(Às 11h08) - Vettorato se despede de Maggi antes de morrer

  O governador Blairo Maggi chegou há pouco no velório do companheiro, como ele mesmo descreve, Cloves Vettorato. Conta que se inspirou nos ensinamentos dele e ainda brincou relatando que o chamava de "Vettoramus", o comparando com o profeta Nostradamus, se referindo às previsões feitas por Vettorato sobre o Estado.

  Maggi também comentou que Cloves encarou com muita naturalidade a morte e se despediu dele e da família antes de morrer. "Ele morreu como viveu, com bravura", disse.

  O governador também citou uma frase dita por Cloves Vettorato com relação à doença: "quem vive do jeito que quer, não esolhe o jeito de morrer". Vettorato sofria de câncer no pulmão causado pelo uso contínuo de cigarro.

  Blairo considera Vettorado como um exemplo a ser seguido e apesar de bastante abalado disse em tom descontraído: "ainda bem que a gente morre tem amigos para enterrar".

(Às 12h37) - Filha de Maggi chora ao lado de caixão

   A filha mais velha do governador Blairo Maggi, Ticiane Maggi, ficou durante toda a manhã de sábado (19) ao lado do caixão de Cloves Vettorato, e da família. Ela estava emocionada e chorava muito. Foi consolada por sua mãe, Terezinha Maggi, que chegou por volta de 11h. Ticiane teve câncer no cérebro, mas conseguiu se curar.

(Às 12h45) - Prefeito decreta luto ofcial em Cuiabá

  O prefeito Wilson Santos (PSDB) lamentou a morte do secretário de Estado de Projetos Estratégicos, Cloves Vettorato e decretou luto oficial de três dias em Cuiabá. Santos conheceu Vettorato em 1994, através de André Maggi, pai do governador. “O que mais me chamou atenção foi a sua inteligência, a sua capacidade de pesquisar dados econômicos e, por conseqüência, a elaboração de idéias e projetos para Mato Grosso”, comentou.

(Às 13h16) - Eliene manifesta pesar pela morte de Vettorato

  Em nota à imprensa, o deputado federal Eliene Lima (PP) manifestou pesar pelo falecimento de Cloves Vettorato. "Com a morte dele, Mato Grosso perde um de seus políticos mais tradicionais e o Brasil priva-se da atuação de um grande estadista. Um homem que dedicou a vida à causa pública e que muito ajudou o Estado a crescer", afirma. Eliene ressaltou a força de vontade do secretário, que mesmo doente e em pleno tratamento contra o câncer ainda continou trabalhando. "Por tudo isso, manifesto minhas condolências à população mato-grossense e a todos que sabem da dimensão exata desta perda", completou.

(Às 13h43) - Da AL, só Sérgio foi ao velório

   Só o presidente da Assembléia, deputado Sérgio Ricardo (PR), compareceu ao velório de Clóves Vetoratto na manhã deste sábado (19). Ele alegou que os demais deputados foram passar o final de semana em suas bases eleitorais. Sérgio enfatiza que foi representando todos os seus colegas parlamentares. De um modo geral, houve ausência da classe política. A maioria que foi prestar o último adeus ao ex-secretário são do PR do governador Blairo Maggi.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Fabricio R. P. | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pesames a familia Vetoratto, que Deus ilumine Dr. Clóvis uma pessoa portadora de uma grande inteligência, visão e de um enorme coração. Que Deus lhe acolha com todo carinho e respeito. Fica Dr. Clóvis toda a admiração, o respeito, e o reconhecimento do povo matogrossense com os multiplos serviços prestados a este Estado.
    Com certeza o Governo perde um de seus lideres e principal gestor.
    Que Deus lhe abençoe e o V. Excia. possa descansar em paz...

  • Jeverson Missias | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Lamentável o passamante do Vetoratto.
    Que Deus dê à sua familia e amigos o conforto para essa superação.

  • Farid Tenorio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vettorato é um empreendedor nato, que deixa um legado para toda a classe politica. È possivel articular planejamento e executar politica publica com seriedade. Assim perdemos uma referência.

    Condolencias a Familia.

  • Antonio Fernandes do Amaral | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vettorato foi um grande secretário, eu quando Diretor Administrativo e Financeiro da Paróquia do Rosário, tivemos em Vettorato um grande parceiro na captação de recursos para a restauração da Igreja, nosso primeiro contato no governo Maggi foi com ele.
    Neste ponto, a Cuiabania ganhou muito, com apoio dele e do Governador, a Mon Santo apoiou a restauração!
    Aos familiares, parente e amigos, meus pêsamos e que Deus lhes conforte, pois ele, Vettorato, já esta confortado em Deus!
    Mato Grosso perdeu sim um homem pensante!!

    Antônio Fernandes do Amaral
    Ex-Diretor Administrativo e Financeiro da Paroquia do Rosário e São Bendito

  • rogaciano oliveira sampaio filho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    senhor editor,com muito pesar fiquei sabendo da morte do vettorato.tive a honra de ser seu amigo.perde muito o mato grosso e principalmente a minha região,que é o medio norte.a sua familia as minhas condolencias e que Deus o conforte nesta hora tão triste.rogaciano oliveira sampaio filho.pref.munc.arenapolis.

  • Campos Neto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A INTELIGÊNCIA E O BRILHANTISMO DE CLOVES VETTORATO FORAM FUNDAMENTAIS PARA O ÊXITO DO GOVERNO MAGGI. LAMENTO A MORTE DO SECRETÁRIO E ME SOLIDARIZO COM A TRISTEZA DE AMIGOS E FAMILIARES. DESEJO A TODOS MUITA FORÇA E FÉ NESTE MOMENTO DE DOR.

    CAMPOS NETO, DEPUTADO ESTADUAL

MPE suspende censo previdenciário

jose antonio borges 400 curtinha   O procurador-geral de Justiça, promotor José Antonio Borges (foto), suspendeu o censo previdenciário cadastral dos membros e servidores inativos e pensionistas do MPE. O recadastramento deveria ter iniciado no último dia 11 para ser concluído no final de fevereiro. Borges tomou...

Juca e os 7 secretários da Câmara

andre pozetti 400 curtinha   O presidente Juca do Guaraná definiu sete dos nove secretários que vão ajudá-lo a administrar a Câmara de Cuiabá. O secretário de Administração é Bolanger José de Almeida. O coronel PM da reserva Edson Leite conduz o Patrimônio e...

Morre mais um pastor da Assembleia

pastor jose alves de jesus 400   A Covid-19 transforma mais um pastor da Igreja Assembleia de Deus em vítima fatal. Morreu nesta terça José Alves de Jesus (foto), que presidia há vários anos o Campo Eclesiástico Autônomo da Igreja de Primavera do Leste e região. Ele estava hospitalizado com o...

Mauro e os "cabeças chatas" do CE

mauro mendes 400   O governador Mauro Mendes está disposto a conhecer a experiência da  educação pública  do Ceará, que há anos apresenta os melhores índices no Ideb e é orgulho dos irmãos Ciro e Cid Gomes, ex-prefeitos de Sobral e ex-governadores. Até pretende...

Seduc e microônibus para municípios

alan porto 400 curtinha   A secretaria estadual de Educação, sob Alan Porto (foto), tem buscado parcerias com prefeituras para construir quadras poliesportivas, laboratórios de informática e escolas, além de ampliar salas de aula, adquirir ares condicionados e microônibus escolares, de modo a atender...

Emanuel é quem mais realizou obras

emanuel pinheiro 400 curtinha   Um levantamento da empresa Percent Pesquisa & Consultoria, feita em Cuiabá entre os últimos dias 13 e 14, destaca que, na percepção de 49% dos cuiabanos, o prefeito reeleito Emanuel Pinheiro (foto) foi o que mais fez obras e serviços. Em segundo lugar, com 19,8%, é citado...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.