Últimas

Terça-Feira, 29 de Janeiro de 2008, 18h:20 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

VARIEDADES

MP denuncia 2 por morte de servidores da UFMT

Léa Batista, procurador federal O servidor público Jorge Luiz Tabory e o lavador de carros Jaeder Silveira dos Santos foram denunciados pela procuradora Léa Batista de Oliveira como responsáveis pela morte de três servidores da UFMT, campus de Rondonópolis. O crime ocorreu em novembro do ano passado. Além da denúncia, a procuradora encaminhou parecer favorável ao pedido de prisão preventiva feito pela Polícia Federal. A Justiça Federal recebeu a denúncia do Ministério Público Federal e já decretou a prisão preventiva.

  O interrogatório foi marcado para esta quinta 31).
A pró-reitora Soraiha Miranda de Lima e os servidores Luiz Mauro Pires Russo e Alessandro Luiz Fraga foram executados a mando de Jorge Tabory. Quem os executou a tiros foi Jaeder dos Santos. O crime se deu por volta de 23h30, quando os três servidores da UFMT retornavam de uma reunião de trabalho em Cuiabá.

   De acordo com a denúncia do MPF, apesar da condição de servidor público da UFMT, Jorge Tabory mantinha há anos contratos irregulares com a Universidade para a prestação de serviços de lavagem de veículos oficiais. A empresa estava em nome de um laranja para simular legalidade na contratação do serviço de lava-jato. Assim que detectou as irregularidades, Soraiha e Luiz Mauro começaram a viabilizar uma forma de lavar os carros na própria Universidade.

   “Diante da eminente possibilidade de ver esta fonte de receita tolhida, Jorge arquitetou a trama criminosa e contratou Jaeder para execução do repugnante intento, de modo a garantir a viabilidade dos negócios empresariais ilícitos que mantinha com a UFMT", afirma a procuradora Léa Batista.

   Jorge Luiz Tabory, mandante dos crimes, foi denunciado por homicídio triplamente qualificado, em concurso material e posse irregular de munições de uso permitido. Jaeder, executor do crime, também foi denunciado por homicídio triplamente qualificado em concurso material e porte de arma e munição de uso restrito. Os dois estão presos desde o final de dezembro. O processo tramita na Vara Única da Justiça Federal de Rondonópolis.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • DONIZETE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    olha a policia federal tenhe que fazer uma investigação mais profunda pois esta escondendo muita coisa grande atraz destas morte são tres ( 03 ) vitima inocente.

  • marcus penna | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    bom ,pelo que to vendo nao vai ter moleza nao a dra lea batista e mto competente ,experiente e tem pulso firme em tdo o que faz.reprenta mto bem a força da mulher com muita dignidade e talento ,parabens dra lea pelos seus serviços prestadaos

  • Manuel | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Por ai se vê a necessidade de uma investigação dentro desses contratos na UFMT não apenas de Rondonópolis, mas de todo o Estado.Com certeza irão ressucitar mistérios.
    Taí cadê TJMT, MPE e outros poderes?

  • Maria S. Lima | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    AGORA E A VEZ DOS INFIES!!! PROCURADORA LEA, MOSTRE PARA A SOCIEDADE QUE PODEMOS COMFIAR NELA, CASSE ESSES INFIES

  • J. Marcondes (Muvuca) | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Drª Léa, parabéns novamente pela atuação... ah! e o pedido de casamento ainda está em pé, hein!!

Taisir coordena campanha de Eliene

taisir karim 400 curtinha   O ex-reitor da Unemat e uma das lideranças do PSD na região Oeste, Taisir Karim (foto), que chegou a se lançar de última hora como pré-candidato a prefeito de Cáceres, mas logo em seguida recuou, será o coordenador-geral da campanha de Eliene Liberato (PSB), atual...

Inaugurados 67 km de asfalto da 020

mauro mendes 400 curtinha   O governador Mauro Mendes (foto) inaugurou nesta 5ª a pavimentação de 67,5 km da MT-020, entre Paranatinga e Canarana. Essa estrada faz parte do pacote de obras que foi retomado e já concluído nesta gestão. Foram investidos R$ 45 milhões do governo estadual. O...

Saggin critica "ditadura" e apoia Raye

paulo raye 400 curtinha   O empresário e advogado Sandro Saggin, que desistiu da candidatura a prefeito de Barra do Garças e agora apoia Paulo Raye (foto), do Pros, explica que em nenhum momento os diretórios estadual e nacional do Podemos, de cujo partido é filiado, encaminharam qualquer orientação aos...

Pode abandona Raye e pune Saggin

sandro saggin curtinha 400   Sandro Saggin (foto) amargou outra derrota em Barra do Garças. Inicialmente, seria candidato a prefeito pelo Podemos. Mas resolveu, por conta própria, levar o partido para uma coligação com partidos de esquerda que lançaram o ex-prefeito Paulo Raye, apoiado pelo PC do B, PT e Pros. A...

Ex-vereador recua para apoiar primo

divino 400 barra do bugres   Ex-vereador, ex-presidente da Câmara e empresário bem sucedido, Chico Guarnieri (PTB) não será candidato a prefeito de Barra do Bugres nas eleições deste ano. Guarnieri, que disputou a prefeitura em 2016, até ensaiou, mas recuou ao ver que o primo, pedetista Doutor Divino...

3 ex-prefeitos viram cabos eleitorais

percival muniz 400 curtinha   Dois candidatos de oposição em Rondonópolis têm ex-prefeitos como principais cabos eleitorais. O empresário Luiz Fernando, o Luizão (Republicanos), conta com apoio de Adilton Sachetti, que já comandou o município e perdeu na tentativa de reeleição, e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.