Últimas

Segunda-Feira, 18 de Maio de 2009, 15h:11 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

EM LEVERGER

MP pede inelegibilidade de Glorinha por compra de votos

   O Ministério Público ingressou com um pedido de cassação de registro de candidatura contra a segunda colocada nas urnas à Prefeitura de Santo Antônio do Leverger, Glória Garcia, a Glorinha (PP), por abuso de poder político e econômico e compra de votos no pleito de 2008. O pedido assinado pela promotora eleitoral Julieta do Nascimento Souza sugere além da cassação de Glorinha, sua inelegibilidade e multa de 50 mil UFIRs.

   Conforme a denúncia protocolada pelo MP, o marido da então candidata Glorinha, Guilherme Garcia,  teria dado três folhas de cheque a um cabo eleitoral, no valor de R$ 3,8 mil, para financiar o conserto de um automóvel durante a campanha do ano passado. Caso seja condenada, Glorinha, que já manifestou o desejo de disputar novamente a prefeitura após a cassação de seu adversário, Faustino Dias Neto, não poderá entrar no páreo.

   As eleições em Santo Antônio do Leverger foram acirradas. Faustino saiu vitorioso com 5.776 votos. Glorinha chegou a 5.758. O democrata chegou a conseguir uma liminar de efeito suspensivo em duas cassações no TSE, mas foi afastado após ter seu mandato cassado pela terceira vez. Ele ainda pode recorrer junto ao TRE e ao TSE, mas não demonstra mais ânimo para isso. Voltou a trabalhar como fiscal da secretaria de Fazenda do Estado. Após o julgamento de todos os recursos, a Justiça Eleitoral definirá se vai haver novas eleições. A tendência é que a população volte mesmo às urnas neste primeiro semestre.

   Atualmente, a cidade é comandada pelo presidente da Câmara, vereador Harrison Benedito (PSDB), que também será candidato à reeleição em novo pleito a ser realizado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) no município. O seu vice deve ser o ex-prefeito Eduardo Belmiro, o professor Edu, do mesmo partido. (Flávia Borges)

Postar um novo comentário

Comentários (47)

  • ana arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Como pode um ex-funcionário público estadual, demitido a bem do serviço público, ser Prefeito em Santo Antonio. O padoreiro da cidade deve estar revirando ao presenciar tanta insensatez. Chega, de Faustino, Glorinha Garcia, Harrison e Edu. Santo Antonio merece com certeza coisa melhor.

  • jose | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    a justiça tarda mais não falha.esta na hora de falar a verdade sobre essa CANDIDATA.TODO MUNDO SO FICAVA JULGANDO O faustino que tbm não é flor que se cheire,e esqueceram da OUTRA AI QUE É PIOR AINDA.SINCERAMENTE SANTO ANTONIO DEVERIA DIVIDIR COM OUTRO MUNICIPIO.AI EU QUERIA VER COMO QUE ESSES BANDOS QUE MAMAM NA PREFEITURA IRIÃO FIKAR INCLUINDO TODOS NÃO DEIXANDO NENHUM DE FORA.

    JUSTIÇA SEJA FEITA...

  • silvia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • FAUSTINA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    isso ai naum vai dá em nada
    esses do dem e do psdb tão com medo da mulher guerreira pq sabe q se ela entra ela sai vitoriosa, só naum saiu na primeira pq fizeram sacanagem ainda ganharam só por 18 votos
    nessa aki num teim p ninguém neim p eduzinho q num fez nada quando foi prefeito neim pro harrison q tá fznu alguma coisa mais com intenção, já isso naum serve p ser prefeito!!

  • franscisco | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Larga de ser besta o processo do faustino quando não colocaram o nome dele foi extinto, então tre tem q agir com a mesma imparcialidade....

    Se o do faustino foi extinto q é gravissimo esse do marido de glorinha não vai dar em nada... não adianta oposição querer cassar glorinha o errado é faustino....

    Faustino chega desse cara...

  • masria cruz | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    nossa evaldo,vc consegui ver o que tava procurando como binoclu naquele domingo....bom se era ver se veraldo com iracy foram com a bandeira lá no alcides deve ter conseguido.pq eles forarm na casa de alcides...fora glorinha.......

  • Afonso Dias | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Um momento de grandes incertezas se abate sobre leverger, só de pensar em Harrison como prefeito defenitivo dá um certo asco, é de embrulhar o estomago, esse homem foi exonerado pelo Blairo da Sec. de Fazenda por coisas que não vou citar aqui, mas a população de Leverger sabe. Levanta a cabeça Glorinha e seus eleitores sabem que a Guerreira não vai dessistir.

  • DEMOSTENES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    MULHER GUERREIRA Q FAZ A DIFERENÇA ATITUDE PARA GOVERNAR COM PREPARO E EXPERIENCIA....

    PODEM INGRESSAR NO MINISTERIO PUBLICO ONDE QUISEREM TEM Q TER PROVAS... GLORINHA NÃO FEZ NADA DE ERRADO...

    QUEM VIVER VERA NÃO ADIANTA FICAR DISCUTINDO COM ESSES MAL INFORMADOS DO DEM,,,,, PUXA DE FAUSTINO... VÃO TRABALHAR MAMADORES DA PREFEITURA...

  • JIBOIA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O MEU VOTO E DA MINHA FAMILIA ESSA DUPLA NÃO TEM E NUNCA TERA.... DEMITIDO DA SEFAZ.... O OUTRO FICOU 4 ANOS E NÃO FEZ BULUFAS NENHUMA.... NÃO CONSEGUIU NEM ELEGER O PROPRIO FILHO .... SAI PSDB SAI FORA,,... ESSE PARTIDO SÓ TEM INTERESSEIROS

  • FAUSTINA DIAS... | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    MEU POVO E MINHA POVA... K K K K K

    ESSE PROCESSO NÃO VAI DAR EM NADA...

    O TRE TERA Q AGIR COM IMPARCIALIDADE, POIS O PROCESSO DO CASSADO FOI EXTINTO PQ NÃO TINHA O NOME DELE ESSE SÉRA FACIL PRA GG...

    NÃO SE PREOCUPEM DEM E PSDB... NÃO VAI DAR EM NADA... ISCUITA SÓ.... K K K K K K

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

PSB deve ficar fora da aliança de EP

max russi curtinha 400   O PSB, presidido pelo deputado Max Russi (foto), pulou mesmo do barco de Emanuel Pinheiro. Deve formalizar apoio à candidatura de Roberto França ao Alencastro. O PSB não consta na lista oficial de siglas que estão com o prefeito, que busca à reeleição. Os 11 que estão...

Taisir coordena campanha de Eliene

taisir karim 400 curtinha   O ex-reitor da Unemat e uma das lideranças do PSD na região Oeste, Taisir Karim (foto), que chegou a se lançar de última hora como pré-candidato a prefeito de Cáceres, mas logo em seguida recuou, será o coordenador-geral da campanha de Eliene Liberato (PSB), atual...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.