Últimas

Sexta-Feira, 11 de Julho de 2008, 09h:38 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

CAMPO VERDE

MP proíbe carreatas e até propaganda em muros


Dimorvan e Onéscimo disputam a Prefeitura de Campo Verde

   A exemplo de Peixoto de Azevedo, onde as regras são limitadas para propaganda eleitoral - leia mais aqui -, o promotor eleitoral Mauro Poderoso, que responde pelas comarcas de Campo Verde e Dom Aquino, resolveu também impor "controle" às ações e atitudes dos candidatos tanto majoritários quanto proporcionais. A intenção é garantir a lisura do processo eleitoral. A pedido do MPE, os candidatos ao pleito assinaram um termo de compromisso, se comprometendo a cumprir algumas determinações, como, por exemplo, em não fazer carreatas e  propagandas em muros e paredes, exceto nas fachadas dos comitês eleitorais.

   No termo, o promotor explica que foi necessário essa atitude na tentativa de evitar que os candidatos façam gastos exorbitantes que, segundo ele, influenciam diretamente no exercício dos mandatos eletivos. A disputa em Campos Verde será acirrada entre o ex-prefeito por dois mandatos, Onéscimo Prati (DEM), e o atual prefeito Dimorvan Alencar Brescancim (PR), que tenta novo mandato. Ambos estão proibidos de trocarem ofensas pessoais.

   Pelas normas, os candidatos têm a liberdade para criticar o concorrente com argumentos políticos. A briga ficou só com Onéscimo e Dimorvan, já que de última hora o vereador de quinto mandato Fernando Schroeter desistiu na candidatura a prefeito. Caso os candidatos não obedeçam as cláusulas previstas no termo de compromisso, devem pagar multa de R$ 10 mil por cada infração cometida e ainda se não cessar com a irregularidade em 24 horas ficar sujeitos à pena de mais de R$ 1 mil por dia de atraso.

   Conforme o documento, os concorrentes ficam proibidos de realizar propaganda em residências ou propriedades urbanas ou rurais em placas, faixas, cartazes, bandeiras ou congêneres, exceto adesivo de 10x30 centímetros. Já a propaganda sonora deve se limitar de 8h às 18h, e respeitar o limite de pelo menos 200 metros de distância de hospitais, sedes de qualquer dos três Poderes (Prefeitura, Câmara e Fórum), promotoria de Justiça, escolas, igrejas, destacamento da Polícia Militar e Delegacia de Polícia.

    O uso de auto-falantes nos comícios será liberado só até as 23h. Os candidatos a prefeito podem contratar somente 10 cabos eleitorais, enquanto àqueles que concorrem à vaga de vereador têm direito a 5. Os compromissários também devem doar todo o material que sobrar da propaganda eleitoral à Cooperativa de Catadores de Lixo do município, além de não fazer queima de fogos de artifícios e soltar rojões e assemelhados. (Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • antonio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É isso ai Onescimo vai pra cima desse cara, é preciso respeitar quem tem história, Campo Verde é o que é porque teve alguém que começou, e não foi por esses oportunistas que querem se manter no poder...Força, queremos Campo Verde sorindo de novo.....Esta chegando o fim da turma da botina...

  • anjo mal | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Antonio, então vc deve morar pouco tempo em Campo Verde, pois quem começou o projeto de Campo Verde foi Sr. Otavio Eckert e não Onescimo Prati.

  • Amado Amador | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Dimorvan é o melhor administrador para Campo Verde nesse momento em que Mato Grosso agrega seus valores agrícolas. Se o prefeito aumentou o salário do seu cargo isso significa que age fora da linha dos políticos hipócritas, e, melhor, possui a convicção da força do seu eleitorado.

Apelo dramático da Santa Casa de ROO

bianca talita 400 santa casa roo   A superintendente da Santa Casa de Rondonópolis, Bianca Talita (foto), fez um apelo dramático nesta terça, num grupo de WhatsApp, esperando sensibilizar o prefeito Zé do Pátio a repassar com urgência os recursos que estão repressados no Fundo Municipal de...

Emendas para todos os 24 deputados

Max 400 curtinha   O presidente da Assembleia, Max Russi (foto), em visita ao Grupo Rdnews, quando concedeu entrevista ao portal e à tv web Rdtv, defendeu as emendas impositivas, que são indicadas pelos deputados e pagas pelo governo, via orçamento. Lembra que são instrumentos importantes para fazer com que obras e...

Deputado defende cultos com até 600

sebastiao rezende 400   Num momento em que a segunda onda de contaminação pelo novo coronavírus avança em MT, levando o governo a retomar medidas restritivas para evitar colapso, já que cerca de 90% das UTIs estão lotadas, o deputado Sebastião Rezende (foto), da Igreja Assembleia de Deus, teve a...

"Batida" em apresentador por engano

ricardo martins 400   Durante a dupla operação deflagrada pela PF nesta terça em alguns municípios de MT, entre eles Cuiabá, agentes federais, por um equívoco no cumprimento de mandados, acabou batendo na porta do apresentador da TV Cidade Verde, Ricardo Martins (foto), que não tem a ver com o caso....

Paccola é cotado para diretor-geral

gianmarco paccola 400   O discreto e atuante delegado Gianmarco Paccola (foto), hoje diretor-geral-adjunto da Civil, já desponta nos bastidores como nome preferencial do Palácio Paiaguás para eventual substituição a Mário Demerval, que deve mesmo deixar o posto de diretor-geral para disputar as...

Luta pra isentar parte dos aposentados

eduardo botelho 400 curtinha   Primeiro-secretário da Assembleia, Eduardo Botelho (foto) disse que foi criada espécie de força-tarefa dos deputados para fechar um acordo com o governo, de modo a ajudar aposentados e pensionistas e portadores de doenças raras para isenção do pagamento da alíquota da...