Últimas

Sexta-Feira, 09 de Maio de 2008, 19h:11 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

VARIEDADES

MPE apura acordão entre vereadores de Poconé

   O acordo espúrio firmado oficialmente entre vereadores poconeanos sobre eleição da Mesa Diretora, com testemunho da deputada estadual Chica Nunes (PSDB), conforme o RDNews revelou - confira aqui -, motivou o promotor de Justiça, Rinaldo Segundo, da Comarca de Poconé, a instaurar inquérito administrativo. Ele se baseia nas informações divulgadas pela imprensa e também de representações formuladas pelos parlamentares que se sentiram ofendidos com a quebra do acordo.

   Rinaldo Segundo disse ao RDNews nesta sexta que o acordo em si não configura crime, mas que pode revelar atos de improbidade administrativa. "Por enquanto, tudo são suposições. O acordo é visto primeiramente como uma questão imoral. Acordos políticos são considerados normais, mas é preciso apurar onde pode atingir a Legislação", ressalta Segundo.

  O "acordão" foi descumprido e por isso veio à tona. Elvis Gomes de Arruda (PPS), Antônio Diógenes de Carvalho (DEM), Lauro Eubank (DEM), Emir Lucas de Paula Santos, o Arrepiado (PMDB), além da vice-presidente da Câmara, Ornella Falcão (PSDB) combinaram de eleger como presidente da Mesa Diretora o peemedebista Arrepiado. Este, por sua vez, após um ano de mandato deveria renunciar ao cargo. Arrepiado, no entanto, se recusa a deixar a presidência e agora enfrenta a ira dos colegas parlamentares. Ele chegou a assinar uma nota promissória de R$ 50 mil como garantia de que cumpriria o acordão. 

   A investigação da Promotoria de Justiça pode perdurar por seis meses, com possibilidade  de ainda haver prorrogação de prazo, mas Rinaldo Segundo adianta que pretende avançar nos trabalhos, de modo a não perdurar muito tempo. (Simone Alves)

Eis um dos documentos do acordão entre  vereadores

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • olivia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ate agora eu nao vi nada de mais nesse acordo. Apenas foi para garantir a realizacao da sessao pelo meu entendimento,e ainda a proposta da mudanca do regimento interno da Camara, passando a eleicao de bienal para anual como já vem acontecendo em varios municipios do estado de MT. Alias ate considero salutar diminuir o tempo de mandato de presidente de camara. A democracia ganha com isso. Eu sinceramente vi esse acordo mais como proposta de campanha da mesa que poderia assumir do que outro fato. Agora com relacao a duplicata acho que foi uma armacao contra o Arrepiado feita pelos vereadores Celso, Mariana,Rodomilson entre outros de oposicao ao Arrepiado. Concordo com o Promotor que considera normal o acordo pois nao envolveu cifras e sim acordo regimental pos eleicao da mesa. Acho que querem colocar a cidade rosa mais uma vez na lama e ela nao merece. Outra coisa o que tem a Chica com essa historia? O fato de alguem ser testemunha de qualquer fato eu nunca vi ser crime mto pelo contrario e sinal de mta coragem.Eu to comecando a crer que para dar
    mais ibope os seus adversarios a colocam nos causos né? Entao seria correto alguem se propor ser testemunha apenas do que é politicamente correto? Isso nao seria um ato de tamanha covardia caro Romilson? Fica ai para vc refletir ok

  • Rosangela | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    estivi falando com uma amiga Poconeana por telefone e me Contou que nestá ultima sessão da camarâ o vereador arrepiado fes 02 vereadores corre do prenário sumiu e até agora está desaparecido da Cidade.se alguém saber o paradeiro por favor.ligue para a policia de poconé. o arrepiado foi cutucado por eles,e por mas alguns outros vereador,quando presidente arrepiado falou que acordos e termo de compromisso foi feito na mesa passada e apresentou o documento original e autenticado pelo cartorio e foi além dissse que não tem filho empregado na prefeitura,espossa é so vereadora Mariana,Rodemilsom,Ornella e Celso fontes e tbém quem vende midia e gasolina para a prefeitura não era arrepiado mas sim Celso fontes depois disso sumiu os dois vereadores.Arepiado disse ainda que os dois vereador ficaro três ano brincando de caça,caça,caça o mandato nissso teve as brigas,cadeirarada Celso é evagelico perdeu o equilibrio e bateu no dia das mulheres na Dr Debora vc não alembre se quiser ver eu tenho uma cópia guardadinho posso mandar uma´cópia entre en contato.olha beijinho,beijinhoooooooooooo

  • José | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    a maioria dos vereadores de Poconé, dormiro três anos e meio,em ves de trabalhar e fiscalizar o executivo,negociaro os seu mandato a troco de emprego para seus familiares Ex. o vereador rodemilsom barros que era oposicão ao atual prefeito até dezembro 2007 e agora é o lider de Clovis na camara empregou a sua esposa Maildes coodenadora da Cleche municipal professora Dica Jà a vereadora Prof. Mariana empregou ofilinho Marcinho na sec de transporte,o vereador Celso Fontes conhecido como vereador bate em mulher,vereador quebra,quebra,vereador da baderna. deixe o homem trabalhar conte com o apoio de minha familia arrepiado

  • pocone | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Está é uma prática corriqueira no município. Em outras legislaturas já houveram inclusive a assinatura de cartas renúncia dos acordados para evitar um possível descumprimento por parte de algum membro da chapa.
    na eleição da primeira mesa desta legislatura, em janeiro de 2005, também foi firmado um acordo semelhante entre o candidato a presidente do grupo, vereador Celso Fontes (PR) e os demais membros, para apoiar outro membro da mesma chapa no segundo biênio (2007/2008) e que também não foi cumprido.
    Na legislatura passada, onze dos treze vereadores da câmara, liderado pelo então presidente Clóvis Martins, hoje prefeito de Poconé, fizeram um acordo juntamente com a vice-prefeita Carlina Falcão, hoje Secretária Municipal de Fazenda, para forjar uma denúncia contra o então prefeito Euclides Santos, a fim de cassar o seu mandato e em decorrência disso empossarem a vice.
    O acordo, denunciado posteriormente por um grupo de dissidentes, foi firmado em uma pousada, assessorado pela advogada Débora Simone, onde cada um dos vereadores assinou carta renúncia, pra não desistir do acordo. O processo, que tramitou na câmara e cujo parecer foi pela cassação, foi barrado judicialmente.
    Com relação ao acordo assinado com o grupo da vereadora Ornélla Falcão (PSDB), sabesse que o vereador foi procurado pela vereadora e no Gabinete da Deputada Chica Nunes (PSDB) em Cuiabá, onde acordo foi firmado. Com relação à Nota Promissória no valor de R$ 50 mil, não se tratou de garantia para entrega do cargo à vereadora, mas todos os cinco vereadores da chapa assinaram documento semelhante para garantir a permanência na chapa até o dia da eleição da mesa.

    Acreditamos que não foi cumprido o acordo de renunciar a presidência, atendendo pedido de correligionários, servidores da câmara e colegas vereadores contrários a entrada da vereadora Ornélla na presidência, que durante o mandato acumulou a antipatia de todos.

  • Marco Antonio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Hoje à tarde passei em frente o MPE e ví os vereadores Celso Fontes, Rodemilson e Mariana. São eles que estão futricando a fim de denegrir a imagem da Câmara de Poconé. Porém, se esquecem que eles também fizeram acordos semelhantes para eleger Celso presidente em janeiro de 2005. Além disso, ambos presidiram a câmara em meio a sérias denúncias de corrupção, como compra de not-book por 10 mil, compra de combustível no posto da família. Isso sem se falar que a vereadora éra vice do vereador e articulou a cassação de seu mandato, que resultou até em caderadas dentro do plenário. Será que eles tem alguma moral? O povo vai avaliar em 05 de outubro.

  • Valdete | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    FOFOCA Na CAMARA Todo dia,Celso fontes chegava á sala do presidente com uma novidade a respeito de seus colegas:
    - Presidente, o senhor ném imagina o que me contaram a respeito de Mariana...
    Neste dia o Presidente não permetiu que ele continuasse.
    - espere um pouco, Celso Fontes.o que você me vai contar Jà passou pelo teste das tres peneiras?
    - Peneiras? que peneira Presidente?
    - A primeira, meu caro,éa da verdade. Você tem certezade que o fato que quer me contar È absolutamente verdaeiro?
    - Não. Não tenho como saber! O que sei foi
    o que me contaram.Mas acho que...
    -- Então sua história ficou na primeira peneira.Vamos a segunda peneira,a da bomdade.
    Oque você quer me contar,gostaria que outros fizessem a seu respeito?
    - Claro que não.Deus me Livre!-afirmou celso fontes,assustado.
    -Então- continuou o presidente- a sua história ficou na segunda peneira.Vamos á terceira:a da necessidade. Você acha mesmo necessariome contar esse fato,ou mesmo passa-lo adiante?
    -Não Presidente.Passamos pelo crivo desas peneiraspercebi que não sobrou nada para contar.
    -Pois é Celso fontes,saiba que pessoas intelizentes falam de sobre ideias,pessoas comuns falam de coisas e pessoas medíocres falam de pessoas.

    Crescer sobre os escombros dos outros não tras felecidade a ninguém.Celso fontes,Mariana,Rodemilsom,Ornella Falcão

Jayme incomodado com Flávio em VG

jayme campos 400 curtinha   A candidatura a prefeito de Várzea Grande do empresário Flávio Frical (PSB), principal aposta da oposição, passou a incomodar a família Campos, que apoia o ex-vereador Kalil Baracat, concorrente ao Executivo pelo MDB. Em uma noite que seria de festa, em comemoração...

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

PSB deve ficar fora da aliança de EP

max russi curtinha 400   O PSB, presidido pelo deputado Max Russi (foto), pulou mesmo do barco de Emanuel Pinheiro. Deve formalizar apoio à candidatura de Roberto França ao Alencastro. O PSB não consta na lista oficial de siglas que estão com o prefeito, que busca à reeleição. Os 11 que estão...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.