Últimas

Quinta-Feira, 08 de Maio de 2008, 12h:40 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

CUIABÁ

MPE notifica o prefeito por não divulgar brasão

Brasão de Cuiabá  A Promotoria de Justiça e Defesa do Patrimônio Público notificou o prefeito de Cuiabá Wilson Santos (PSDB), porque ele vem deixando de usar o brasão do município, enquanto dá ênfase à logomarca do seu governo. O Ministério Público recomendou ao prefeito, que já está em pré-campanha à reeleição, para cumprir as leis federais e municipais. O MP entende que essa ação configura em propaganda extemporânea, já que a logomarca usada hoje remete à figura do atual prefeito.

   Santos deve retirar ou substituir as propagandas atuais pelo brasão dentro de um prazo máximo em seis meses. O prefeito tucano se vê obrigado a trocar todas as propagandas e divulgar o brasão do município em suas cores oficiais para identificar os bens móveis e imóveis, veículos, equipamentos, logradouros, placas, painéis ou cartazes, nas obras públicas municipais, bem como nos materiais, formulários, cartões e fichas oficiais da administração. O brasão também deve ser divulgado em todas as correspondências e convites. Ainda no sítio hospedado na rede mundial de computadores, assim como em todo o material publcitário da Prefeitura de Cuiabá. (Pollyana Araújo com Assessoria)

(Às 14h34) - Lúdio diz que prefeito tentou barrar lei

   O vereador Lúdio Cabral (PT), autor da lei, lembra que a proposta foi aprovada contra a vontade do prefeito, que à época vetou o projeto. Logo depois, os  vereadores derrubaram o veto e a lei foi sancionada.  “O prefeito usou de sua prerrogativa como chefe do poder executivo para tentar impedir que o projeto virasse lei. Não conseguiu. Então passou a ignorá-la e continuar na ilegalidade abusando da autopromoção”, critica o petista.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • SANDRA NOGUEIRA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    QUE O PREFEITO VEM ABUSANDO NAS PROPAGANDAS COM A LOGOMARCA DO SEU GOVERNO, TODOS ESTAMOS CARECAS DE SABER.

    ACHO QUE O MINISTÉRIO PÚBLICO DEMOROU MUITO PARA TOMAR ESSA ATITUDE.

    AFINAL DEPOIS DE 3 ANOS E CINCO MESES, O MP ACORDOU PARA A REALIDADE.

    TEM VÁRIOS FUNCIONÁRIO DA PREFEITURA QUE NEM SE LEMBRA MAIS QUAL É O BRASÃO OFICIAL DO MUNICÍPIO.

  • fernando botelho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    MP..e o MoAGGI pode, em suas obras, muitas vezes vemos mais o simbolo do seu governo do que verdadeiramente obra,
    isso pode?

  • Sociólogo Mauro Cesar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Foi-se o tempo onde os simbolos nacionais, estaduais e municipais eram obrigatórios, basta ver os carros oficiais, as placas, as peças publicitárias. Isso é uma vergonha. Falta de cidadania, abuso do dinheiro público. Além do mais é simplesmente fantasiosa as alegorias empregadas nos veiculos públicos, multicoloridos, basta ver os veiculos da PM da Policia Civil e das prefeituras e governo. O RD News deveria propor uma campanha: valorizando os simbolos brasileiros. Isso é CULTURA!!!

  • RODRIGO AGUIAR DE LIMA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    porque sr prefeito wilson santos nao faça cumprir a propria lei que o mesmo sansionu.ex lei do ver guilherme maluf que proibe pinturas em todos os predios publicos praças e outos na esfera munipal que nao seja pintado com as cores da bandeira de cuiaba. o sr prefeito sera nao conhece a suas proprias lei. o que a jente tem visto eo prefeito wilson santos pintado a cidade de verde wilson santos e o peixe que simbolisa a sua marca que e santista. acorda ministeri publico acorda mccc

  • Antonio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    e estranho o ministerio publico questionar so a prefeitura, o governo maggi ja faz isso desde o seu primeiro ano de governo, maggi ja esta no seu segundo mandato e o ministerio publico nem o mcc nunca questionarom isso porque so a prefeitura, sera porque o gov. almentou ja alguns anos recursos para orgãos da justiça ou so porque ele e o rei da soja manda e desmanda no estado.


    nao estou aqui para defender niguem mas se alei e para o gov. municipal, gov. estadual e gov. federal todos tem que comprir alei.

    e o ministerio publico tem que cobrar nao so do gov. municipal mas tambem do gov. estadual e federal.

Apelo dramático da Santa Casa de ROO

bianca talita 400 santa casa roo   A superintendente da Santa Casa de Rondonópolis, Bianca Talita (foto), fez um apelo dramático nesta terça, num grupo de WhatsApp, esperando sensibilizar o prefeito Zé do Pátio a repassar com urgência os recursos que estão repressados no Fundo Municipal de...

Emendas para todos os 24 deputados

Max 400 curtinha   O presidente da Assembleia, Max Russi (foto), em visita ao Grupo Rdnews, quando concedeu entrevista ao portal e à tv web Rdtv, defendeu as emendas impositivas, que são indicadas pelos deputados e pagas pelo governo, via orçamento. Lembra que são instrumentos importantes para fazer com que obras e...

Deputado defende cultos com até 600

sebastiao rezende 400   Num momento em que a segunda onda de contaminação pelo novo coronavírus avança em MT, levando o governo a retomar medidas restritivas para evitar colapso, já que cerca de 90% das UTIs estão lotadas, o deputado Sebastião Rezende (foto), da Igreja Assembleia de Deus, teve a...

"Batida" em apresentador por engano

ricardo martins 400   Durante a dupla operação deflagrada pela PF nesta terça em alguns municípios de MT, entre eles Cuiabá, agentes federais, por um equívoco no cumprimento de mandados, acabou batendo na porta do apresentador da TV Cidade Verde, Ricardo Martins (foto), que não tem a ver com o caso....

Paccola é cotado para diretor-geral

gianmarco paccola 400   O discreto e atuante delegado Gianmarco Paccola (foto), hoje diretor-geral-adjunto da Civil, já desponta nos bastidores como nome preferencial do Palácio Paiaguás para eventual substituição a Mário Demerval, que deve mesmo deixar o posto de diretor-geral para disputar as...

Luta pra isentar parte dos aposentados

eduardo botelho 400 curtinha   Primeiro-secretário da Assembleia, Eduardo Botelho (foto) disse que foi criada espécie de força-tarefa dos deputados para fechar um acordo com o governo, de modo a ajudar aposentados e pensionistas e portadores de doenças raras para isenção do pagamento da alíquota da...