Últimas

Terça-Feira, 08 de Dezembro de 2009, 10h:08 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

CORRUPÇÃO

MPF denuncia ex-prefeitos por desvio de R$ 80 mil

  Os ex-prefeitos de Porto Alegre do Norte, José Carlos do Nascimento, e de São José dos Quatro Marcos, Antônio Junqueira, foram denunciados pelo Ministério Público Federal (MPF) por indício de corrupção. O primeiro é acusado de desvio de recursos destinados a construção de um posto de saúde e o segundo como membro da máfia dos sanguessugas. Se provadas as acusações, juntos, eles somam pouco mais de R$ 80 mil de prejuízo aos cofres públicos.

   Segundo o MPF, dos R$ 48 mil recebidos pela prefeitura de Porto Alegre do Norte por meio de um convênio com o Ministério da Saúde, pelo menos R$ 47,9 mil foram desviados em 2002.  Na época, Nascimento realizou licitação de carta-convite, entretanto, de acordo com a Controladoria Geral da União (CGU) não há cópia das cartas-convites emitidas às empresas que supostamente participaram. Apenas uma cópia de três propostas, sem identificação dos destinatários.
 
  Representantes da Martins Engenharia e Construção Ltda - que supostamente participou do certame - relataram aos auditores da CGU que a empresa não participou. No endereço da outra participante, a C.F.C Neto, foi encontrada apenas uma papelaria. Na proposta apresentada pela empresa vencedora, a Comercial Osasco,  não há detalhamento de orçamento e quantificação dos insumos a serem utilizados na obra.

   Além de detectar irregularidades no processo licitatório, a auditoria da CGU identificou que apesar dos cinco cheques emitidos e sacados em nome da Comercial Osasco, nenhuma unidade de saúde foi construída ou ampliada no município. Na ação, o MPF pede que o ex-prefeito seja enquadrado em ato de improbidade administrativa e seja condenado por crime de responsabilidade. O MPF quer também que ele perca os direitos políticos e que restitua o erário.

Já Antônio Junqueira, é acusado de causar um prejuízo de R$ 33 mil aos cofres públicos. De acordo com o MPF, ele superfaturou licitações para compra de ambulâncias e equipamentos hospitalares. A liberação destes recursos vieram por meio de emenda parlamentar de autoria do então deputado federal, Lino Rossi. (Patrícia Sanches e Adriana Nascimento)

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Mais jovem prefeito sucede familiares

Rog�rio Meira_400 jangada   O mais jovem entre os prefeitos eleitos e/ou reeleitos de MT, Rogério Meira (foto), tem um histórico de vida pública, mesmo tendo apenas 24 anos. Atualmente, ele exerce mandato de vereador por Jangada e foi eleito prefeito da cidade ao obter 1.699 votos, 9 a mais que o...

Base forte de EP para Mesa Diretora

juca do guaran� curtinha 400   A base do prefeito Emanuel Pinheiro para o segundo mandato, embora com quatro virtuais candidatos à presidência da Mesa Diretora, está construindo o discurso de que não pode rachar sob o risco de entregar o comando do Legislativo para a oposição....

Deputado ajudou a enterrar Binotti

neri 400 curtinha   O deputado federal Neri Geller (foto), que se acha um grande líder político, ajudou a enterrar nas urnas o projeto de reeleição do prefeito Luiz Binotti (PSD), derrotado à reeleição. Perdeu para o ex-vice-prefeito Miguel Vaz (Cidadania), que contou com apoio do ex-prefeito e atual...

Euclides "torra" R$ 8 mi na campanha

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado milionário Euclides Ribeiro (foto), que tem na carteira de clientes grandes produtores rurais, registra R$ 8,2 milhões de receitas e despesas de campanha ao Senado. Concorrendo pelo Avante, Euclides só chegou a 58.455 votos. Ficou em nono lugar, à frente apenas de Reinaldo...

Fávaro é quem mais gastou ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   O senador reeleito Carlos Fávaro (foto) foi o que mais gastou na campanha. Oficialmente, arrecadou R$ 11,7 milhões. As maiores contribuições financeiras vieram de empresários do agronegócio. Orcival Guimarães, dono de rede de empresas de implementos agrícolas, doou...

Beto deve repensar projeto a federal

beto farias 400 curtinha   A derrota nas urnas do seu afilhado político, vice-prefeito Wellington Marcos (DEM), que tentou o Executivo de Barra do Garças e ficou em segundo lugar, obtendo somente metade dos votos em relação aos atribuídos ao eleito Adilson Gonçalves, pode levar o prefeito Beto Farias (foto)...