Últimas

Quinta-Feira, 08 de Março de 2007, 09h:17 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

VARIEDADES

Mulheres perdem espaço nos Poderes em MT

     O Dia Internacional da Mulher, comemorado nesta quinta (8), é lembrado por sua luta e conquistas em vários setores. No campo político, porém, o espaço continua aquém do que as mulheres julgam merecer. Em Mato Grosso, elas saíram das urnas do ano passado com menor representatividade em cargos eletivos tanto no Executivo quanto no Legislativo. A dificuldade já vem desde a campanha eleitoral, quando os partidos não conseguiram preencher a cota mínima de 30% reservada a um dos sexos.

   De três cadeiras na Câmara Federal, a ala feminina perde duas, com o fim dos mandatos das deputadas Teté Bezerra (PMDB) e Celcita Pinheiro (PFL). Teté abriu espaço para o marido Carlos Bezerra, eleito federal, enquanto Celcita foi reprovada nas urnas. Reeleita, Thelma de Oliveira (PSDB) é a única mulher da bancada mato-grossense na Câmara. No Senado, uma das três vagas faz parte da cota feminina, com a petista Serys Marly (PT), primeira senadora eleita da história de MT.

     Na Assembléia, a ala feminina continua com uma representante. Sai Vera Araújo (PT), que não se reelegeu, e entra Chica Nunes (PSDB). De duas cadeiras na Câmara de Cuiabá, as mulheres são representadas apenas por Lueci Ramos (PFL), já que a vereadora Chica se elegeu deputada. Em Várzea Grande, só há uma mulher entre 13 vereadores: Aziza Baracat (PSB).  Das 12 vagas de vereadores em Rondonópolis, duas contam com representação feminina, com Mariuva Valentim Chaves (PMDB) e Wilma Moreira (PSB).

      Executivo

       Na composição do 1º escalão do governo estadual e das prefeituras, as mulheres também têm participação insignificante. Entre as 22 cadeiras de secretários de Estado só há duas. Antes eram três. No primeiro mandato, o governador Blairo Maggi manteve no staff Terezinha Maggi (Trabalho, Emprego, Cidadania e Assistência Social) e Flávia Nogueira - substituída depois por Ilma Grisoste na Ciência e Tecnologia, além de Yêda Marly (Desenvolvimento do Turismo).  Agora para o segundo mandato, o governo tem participação de apenas duas mulheres: Terezinha e Flávia Nogueira, nomeada para a recém-criada secretaria extraordinária de Apoio a Políticas Educacionais.

    Na Prefeitura de Cuiabá não há uma mulher entre as 15 secretarias - Adriana Bussiki, do IPDU, não é considerada secretária. Em Várzea Grande, a jornalista Édna Araújo (Comunicação) é a representante feminina no 1º escalão.

    No Tribunal de Justiça só há duas mulheres no quadro com 30 desembargadores: Shelma Lombardi e Maria Helena Póvoas, promovida há menos de três anos.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Base na Câmara e apoio de Iva Viana

leonardo 400 curtinha   Leonardo Bortolin (foto), que comanda Primavera do Leste e um dos vários prefeitos que prestigiaram a solenidade de entrega 100% do HMC, nesta segunda à noite, em Cuiabá, revelou contar com uma base forte e sólida na Câmara Municipal, o que tem sido importante na aprovação dos...

Ato de EP atrai 5 últimos governadores

emanuel pinheiro 400 curtinha   Emanuel Pinheiro (foto), habilidoso nas articulações políticas, conseguiu levar para o mesmo evento, marcando a entrega 100% do Hospital Municipal de Cuiabá, nesta segunda à noite, quatro ex-governadores e ainda o atual. Prestigiaram a solenidade Júlio Campos, Carlos Bezerra,...

Governador tenta constranger prefeito

mauro mendes 400 curtinha   Mauro Mendes (foto) tentou constranger o prefeito Emanuel, nesta segunda, na festa da entrega para funcionamento pleno do Hospital Municipal de Cuiabá. Na presença de diversas autoridades, inclusive dos últimos cinco governadores, com exceção de Silval, o atual chefe do Executivo, em...

3 vereadores cuiabanos no Cidadania

diego guimaraes 400 curtinha   O Cidadania, hoje sem voz na Câmara de Cuiabá, poderá ter três vereadores a partir de março de 2020, com abertura da janela. Na dança das cadeiras, Felipe Wellaton sairá do PV para aderir ao Cidadania, que já é presidido em Cuiabá pelo seu chefe de...

6 na Câmara tentam barrar projetos

francis maris 400 curtinha   O prefeito cacerense Francis Maris (foto) luta junto aos vereadores, para, enfim, concretizar todas as etapas de um financiamento milionário para projetos na área de saneamento. São R$ 130 milhões para abastecimento de água e cobertura de rede de esgoto, com juros de 6% ao ano e 20...

3 ex-prefeitos se juntam em Poconé

meire pocone 400 curtinha   Em Poconé, o prefeito Tatá Amaral, filiado ao DEM do governador Mauro e apoiado pelo ex-federal Fábio Garcia, está disposto a buscar a reeleição, mesmo com uma gestão pífia, isolado politicamente e com alto índice de rejeição. Enquanto isso, as...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.