Últimas

Sábado, 27 de Junho de 2009, 13h:05 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

BRIGA

Multado em R$ 70 mil, líder comunitário critica prefeito

   O presidente da União Cuiabana das Associações de Moradores de Bairros (Ucamb), Édio Martins, contestou as afirmações do prefeito de Cuiabá Wilson Santos (PSDB) de que a partir de uma denúncia formal da loja maçônica Conquista e Integração, fiscais da secretaria de Meio Ambiente da Capital foram no bairro Ribeirão do Lipa, flagraram caminhões a serviço do Estado retirando cascalho de uma jazida sem licença ambiental e apreenderam maquinários - veja aqui. "Ele (Santos) garante que não sabia de nada. Isso é mentira. O prefeito foi avisado por Benedito, presidente do bairro Ribeirão do Lipa. Santos mais uma vez faltou com a verdade", diz Édio.

   Ainda segundo ele, a Ucamb foi multada em R$ 70,8 mil por retirar cascalho do local sem licença ambiental. "Isso é um absurdo, porque retiramos o cascalho do mesmo lugar que a prefeitura retirou há muitos anos, quando pavimentou pela última vez algumas ruas do bairro. Lá é um depósito da secretaria de Saúde e não é área de preservação ambiental", argumenta Édio.

  Conforme o presidente da Ucamb, o episódio serviu para que o prefeito fizesse "sensacionalismo". Édio denunciou o caso à Delegacia de Meio Ambiente. De acordo com o líder comunitário, a apreensão dos caminhões e consequente atraso nas obras estão gerando prejuízos.

   Outro lado

   O secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano Arquimedes Pereira Lima não foi localizado para falar sobre o assunto. Já o titular da pasta de Comunicação, Maurélio Menezes, afirmou desconhecer as argumentações. O prefeito Wilson Santos (PSDB), que participa do seminário "Socioeconômico - Águas de Pantanal", em Cáceres, não foi encontrado. (Flávia Borges)

(Às 15h) - Secretário de Meio Ambiente diz que multa é para empresa e não à Ucamb

  O secretário de Meio Ambiente da Capital, Arquimedes Pereira Lima (PV), assegura que a multa aplicada pelos fiscais por causa de retirada ilegal de cascalho de uma jazida no Ribeirão do Lima não diz respeito à Ucamb, como afirmou seu presidente Édio Martins, mas sim à empresa responsável pelo dano ambiental. "O prefeito já deixou claro que a prefeitura é parceira do Estado e que não há qualquer tentativa de impedir as obras. Agora, é preciso observar as questões legais", enfatiza o secretário. Ele explica que a área onde caminhões estavam sendo utilizados para retirada de cascalho está em processo de litígio e que, na hora do flagrante, o presidente do bairro, conhecido pelo prenome de Benedito, lhe telefonou". "Posso garantir que a Ucamb não foi multada e, sim, a empresa particular. Temos fotos de satélite e já estive lá pessoalmente e garanto que trata-se de uma nova área que foi aberta, inclusive com derrubada de árvores, o que é proibido. Para a extração é preciso ter autorização da licença ambiental", explica Arquidemes.

(Às 20h35) - Prefeito diz que recorrerá à federação de bairros para resolver impasse

   Wilson Santos disse, após participar de um seminário neste sábado em Cáceres, que vai procurar a presidência da Federação Estadual de Associação de Bairros para resolver divergências entre fiscais da secretaria de Meio Ambiente de Cuiabá e comunitários, por causa da apreensão de caminhões a serviço do governo estadual que estavam retirando cascalho em jazida sem licença ambiental. Édio Martins, que comanda a Ucamb, acusa o prefeito de mentir e de atuar com intransigência, ao ponto de fiscais multarem a entidade. Já Santos, garante que esse problema será resolvido em apenas "uma sentada" e que trata-se de "uma questão menor". Disse que já procurou Édio, com quem deve se reunir de novo, juntamente com Valter Arruda, que preside a Federação de bairros.

Postar um novo comentário

Comentários (11)

  • Mary | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse prefeito spo sabe mentir e criar confusão. Vai trabalhar Wilaon Santos, Você esta acabando com a nossa Capital. CHEGAAAAA!!!!!

  • valmir molina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Prefeito Wilson Santos,não vá se reunir com esses líderes comunitários demagogos e participantes do caixa 2 do Alexandre César,finge que nem os conhece.

  • marciocba | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse Édio é papagaio de pirata,não é digno de confiança e tudo que faz é sob a batuta da 1ª Dama do Estado, ai não precisa dizer mais nada.

  • Jerry Santana Barreto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    é lamentável a atitude da Prefeitura Municipal de Cuiabá, que vem trabalhando contra a população de Cuiabá, simplesmente porque o Governador do Estado está arrumando os bairros que não são asfaltado.

    À dois anos atraz a propria prefeitura retirou cascalho do Residencial Dom Bosco sem nenhuma autorização do proprietário dizendo que os terrenos eram da Prefeitura, será é por isso que o chamam de PINÓQUIO.

    WILSON CONTRA CUIABÁ, É TRISTE MAIS É VERDADE. FORA PINÓQUIO.

  • fabiana silverio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    este prefeito està de brincadeira da uma volta nos bairros da periferia duvido se nao apanha esta tao feio na foto que pra fazer politicagem juntou com jaime e forao la pra caceres ao inves de tocar as obras do pac mais quero que sai candidato a governo pois vai ser a unica forma de vermos este omem sem h fora das nossas vidas e ai jogar a ultima pà de cal nesta corjas

  • Sergio Costa Duarte | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sr Édio Martins procure a Dema Delegacia Ambiental e leia o processo em andamento que lá existe a respeito de possivel delito praticado pela prefeitura contra terceiros.
    O processo é de invasão e extração mineral sem a devida autorização dos proprietários da area e sem licenças ambientais , retirada do produto mineral justamente para pavimentação e aterro de bairros perifericos da capital.
    No caso do processo da Dema , tudo foi devidamente documentado e fotografado no ato da pratica da inlegalidadeo o bairro em questão é o Jardim Vitória.
    Procure ver o processo e veja a grandeza de erros dos orgãos publicos municipais supostamente envolvidos na inregularidade.

  • Juca do Dom Aquino | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    Tá certo tem que repeitar a legislação. Se a lei manda preservar manaciais, mesmo que seja de residuo solido, tem que se respeitar a quantidade de resdiduo no déposito.
    Agora se esse pessoal da Sinfra não sabe o que é isso, basta observar a legislação ambiental.
    Quanto a esse suposto defensor comunitário da Ucamb, cujo mandato graças a Deus está termiando, não passa de um defensor da turma da botina e de Maggi.
    Multa pra ele , Cadeia pra ele !!!

  • joy cuiabano | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    este prefeito è o puro CÈRNE DA MENTIRA PRIMEIRO DISSE QUE A ÀREA ÈRA DE INTERESSE ANBIENTAL DEPOIS UMA JAZIDA AGÒRA ESTA DIZENDO QUE A AREA ESTA EM PROCESSO DE LITIGIO NEM ELES SEBEM QUAL A REAL SITUAÇAO DA AREA COMO QUE A AREA È ANBIENTAL ENTAO O BARRACAO QUE ESTA LÀ ESTA ILEGAL A SEDE DA MAÇONARIA TAMBEM E OCENTRO DE ZOONOZES VIGILANCIA SANITARIA PSF DO RIBEIRAO,CENTRO DE EVENTOS DO PANTANAL.TODOS ESTES ESTABELECIMENTOS ESTAO A MENOS DE 10 METROS DO LOCAL DESAFIO QUALQUER CIDADÂO A FAZER UMA VISITA NO LOCAL E VER QUEM REALMENTE ESTA FALANDO A VERDADE È NOS FUNDOS DO CENTRO DE EVENTOS DO PANTANAL ESTES SAO OS TUCANOS NAO E ATOA ESCOLHERAO ESTA AVE COMO SINBOLO NÈ WIRRRRSO.

  • Leandro Marcos da Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    É lamentável que o governador do estado que se diz sério e correto com ás coisas públicas tenha a coragem que colocar máquinas do estado nas mãos de pessoas despreparadas e desqualificadas como esses dirigentes da ucamb, á poucos dias todos eles foram denunciados por compra e venda de votos, e é com esse tipo de gente que o governador BLAIRO gosta de se envolver, na verdade o governador gosta mesmo é de puxa sacos, e nisso esses pseudos lideres comunitários são bons.

  • Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Tudo que vir para ajudar a cominidade e bem vinda, a prefeitura não consegue atender as necessidades do cidadão que paga imposto, o governo do estado também tem direito de ajudar a comunidade!!! quanto a multa nada mais e que uma questão politica que não deveria exister.
    Att. Silva

Jayme incomodado com Flávio em VG

jayme campos 400 curtinha   A candidatura a prefeito de Várzea Grande do empresário Flávio Frical (PSB), principal aposta da oposição, passou a incomodar a família Campos, que apoia o ex-vereador Kalil Baracat, concorrente ao Executivo pelo MDB. Em uma noite que seria de festa, em comemoração...

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

PSB deve ficar fora da aliança de EP

max russi curtinha 400   O PSB, presidido pelo deputado Max Russi (foto), pulou mesmo do barco de Emanuel Pinheiro. Deve formalizar apoio à candidatura de Roberto França ao Alencastro. O PSB não consta na lista oficial de siglas que estão com o prefeito, que busca à reeleição. Os 11 que estão...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.