Últimas

Sexta-Feira, 16 de Março de 2007, 09h:33 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

RONDONÓPOLIS

Muniz avalia pesquisa e admite disputar prefeitura

Ex-prefeito diz que cabe 3ª candidatura, além das de Pátio e Sachetti 

   O ex-prefeito de Rondonópolis e deputado estadual Percival Muniz (PPS) disse que avalia com 'certa reserva' o resultado da pesquisa Mark, que o aponta em desvantagem sobre Zé do Pátio e Adilton Sachetti, numa eventual disputa à sucessão municipal. Na amostragem feita entre terça e quarta (dias 13 e 14), Muniz figura com percentuais entre 12% e 28% das intenções de voto, dependendo dos nomes colocados na simulação. Na espontânea é lembrado por 6,4%, o que representa o terceiro lugar, atrás de Sachetti (16,2%) e de Pátio (25,3%).

   De acordo com o ex-prefeito, as discussões sobre o processo eleitoral estão começando agora. Considera cedo qualquer prognóstico eleitoral para 2008, mas, de uma coisa concorda: a cristalização da candidatura do peemedebista Zé do Pátio. Presidente regional do PPS, Muniz admite todas as possibilidades, desde sua disposição de entrar na disputa, passando por uma candidatura do partido mais para marcar posição e eleger vereadores, até uma aliança com o PMDB. Ele só acha difícil compor com Sachetti, a quem ajudou a vencer em 2004. Alega que o prefeito buscou alianças com velhos adversários, como o deputado federal Wellington Fagundes, e também por algumas medidas administrativas. "Tudo é possível, mas o difícil é apoiar Sachetti. O projeto do PPS vai ser distaciado (da atual administração)".

    O deputado afirma que não está pleiteando candidatura de prefeito, mas deixou claro que, se for preciso, entrará no páreo. Na sua avaliação, Pátio mantém, na pesquisa Mark, os mesmos índices da última eleição, assim como Sachetti. Em seguida, cutucou o instituto, que atua no mercado há 10 anos e pertence ao empresário de Cuiabá, Marco Polo de Freitas, o Popo. "Tenho dúvidas sobre esse instituto. Ele já errou muito em Rondonópolis e tem que ver quais os critérios adotados, então vejo isso com reserva. Mas, uma coisa é certa: há consenso de que a candidatura do Pátio é forte", afirmou o deputado socialista.

    Muniz afirma também que Pátio ainda leva vantagem pelo fato de ter disputado as eleições de 2004 e, de lá para cá, manter o mesmo projeto, o que o deixa na lembrança da população como candidato natural na próxima eleição. Sobre o seu desempenho eleitoral, diz que 'está bom para o início de jogo'.

    Terceira via

    Na avaliação do ex-vereador, deputado federal constituinte, prefeito por dois mandatos e deputado estadual, a pesquisa Mark revela que, apesar do voto cristalizado ao nome de Pátio e também a manutenção dos mesmos índices de Sachetti se comparado à campanha de 2004, ainda há espaço para uma terceira candidatura, inclusive com possibilidade real de vitória. Percival Muniz não se considera o fiel da balança, mas adianta que a tendência é o PPS lançar candidatura própria. Entende que o favoritismo de Pátio, na sua avaliação, pode levar o PMDB a dificultar uma composição política. "O PPS talvez seja forçado a disputar, nem que seja para marcar posição, fomentar o debate e eleger uma bancada na Câmara Municipal. Não justifica ficar sem disputar depois do partido tem conquistado um grande espaço". 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Máquinas para reciclar garrafas pets

maquina 400 curtinha   Sob iniciativa da secretaria de Inovação e Comunicação da Capital, dentro dos projetos que buscam a sustentabilidade, a prefeitura vai colocar máquinas de reciclagem de garrafas pets em 15 pontos da cidade e com possibilidade de ampliar os locais de recolhimento. Em troca, o cidadão...

4 fora da reeleição em Rondonópolis

jailton 400 vereador curtinha   Em Rondonópolis, quatro dos 21 vereadores não devem ir à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (DEM), Rodrigo da Zaeli (PSDB), Hélio Pichioni (PSD) e Jailton do Pesque e Pague (foto), do PSDB. Thiago e Rodrigo têm esperanças de concorrer a...

Prefeito apoia vice à briga em Cáceres

eliene liberato 400 curtinha   Francis Maris vai mesmo declarar apoio oficial à pré-candidatura da empresária Eliene Liberato à sucessão em Cáceres. Em público, o prefeito faz mistério para não contrariar outros pretensos candidatos do grupo e que têm esperanças de receber...

Preparando um dos aliados a federal

mauro carvalho 400 curtinha   Embora não comente publicamente, o governador Mauro Mendes está "costurando" acordos políticos com líderes mais próximos, visando não só o pleito de 2020, mas também às eleições gerais de 2022. Em época de busca de projetos e de...

Salvando 1º ano de mandato no cargo

selma arruda 400 curtinha   Embora "sangrando" e com a imagem arranhada, a juíza aposentada e senadora cassada pelo TRE-MT Selma Arruda, que trocou o PSL pelo Podemos, consegue concluir este primeiro de oito anos de mandato. E vai se licenciar nos próximos dias para ceder espaço aquele que financiou a sua campanha,...

Barbudo é menos empreguista de MT

nelson barbudo 400 curtinha   Dos oito deputados federais de MT, o estreante Nelson Barbudo (foto) é o menos "empreguista". Nestes 10 primeiros meses de mandato, ele nomeou no gabinete em Brasília e no escritório político em Cuiabá apenas 15 assessores. Cada gabinete pode ter até 25 secretários...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.