Últimas

Quarta-Feira, 07 de Fevereiro de 2007, 09h:23 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

LEGISLATIVO

Muniz 'detona' prefeito de Rondonópolis

Deputado acusa Sachetti de abandonar saúde e criar cabide de empregos    

    O deputado estadual Percival Muniz (PPS) estreou na Assembléia com um discurso duro contra a administração do seu antecessor em Rondonópolis, prefeito Adilton Sachetti, a quem apoiou no pleito de 2004. Sem citar o nome de Sachetti, Muniz acusou, na sessão desta terça (6), a gestão de, aos poucos, transformar a saúde pública num caos e, por outro lado, criar cabide de empregos.

    O ex-prefeito por dois mandatos disse que deixou o cargo com uma ampla equipe de saúde da família. Destacou que era a maior entre os municípios do Estado. Observou que se juntasse as equipes de Cuiabá e de Várzea Grande não superavam as que estavam atuando em Rondonópolis. Enfatizou ainda que deixou a prefeitura com uma fábrica de remédio, 'a única do Centro-Oeste', produzindo 78 tipos de medicamentos para distribuição gratuíta a cerca de 30 mil pessoas por mês. Elencou a construção de um centro de análise, com mais de 20 mil exames feitos de graça, um hospital municipal, além de postos de saúde e parcerias consolidadas com a Santa Casa de Misericórdia e com o Hospital Regional. Após destacar o que sua gestão fez na área da saúde, Percival Muniz, da tribuna, alfinetou: "O que se percebe é que todo esse esforço, que exigiu que gastássemos 26% (do orçamento) com a saúde do município, está, aos pocos, se acabando".

    O deputado disse que a administração Sachetti está diminuindo investimentos na fábrica de remédios, na quantidade de pessoas atendidas no hospital municipal e também em relação às parcerias com a Santa Casa. Por outro lado, critica Muniz, a atual administração começou a criar secretarias. Lembra que quando assumiu o mandato, a prefeitura de Rondonópolis contava com 22 pastas. Reduziu a estrutura do primeiro escalão para 11 e agora, dois anos depois, já são 18. "Então, corta no esencial, que é a saúde pública, para aumentar no cabide de emprego. Há secretaria que só tem a função de acomodar ali um secretário e mais quatro ou cinco adjuntos e coisa e tal", atacou o novo deputado estadual. Segundo Muniz, o governo do Estado 'tem feito muito por Rondonópolis, mas está faltando ao município fazer a sua parte".

     Racha

    Muniz e Sachetti foram aliados na campanha de 2004. A partir do ano passado, começaram a enfrentar divergências. Hoje, ambos estão praticamente rompidos, levando a um novo rearanjos dos forças políticas locais. Enquanto Sachetti se aliou ao ex-adversário, deputado federal Wellington Fagundes, Muniz 'colou' nos peemedebistas Carlos Bezerra e Zé do Pátio, já visando as eleições do próximo ano.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Apoio entre opositores é pura falsidade

diego guimaraes 400 curtinha   O tão propagado apoio político recíproco entre os vereadores de oposição em Cuiabá, principalmente em relação ao futuro cassado Abílio Júnior, não é verdadeiro. Todos são concorrentes entre si. Tentam viabilizar suas...

Joaninha se afasta da Câmara de Sinop

joaninha 400 sinop vereador curtinha   O vereador por Sinop Joaninha (MDB), conforme a coluna Curtinhas adiantou, se licenciou do cargo por 60 dias para se recuperar do acidente que sofreu durante manobra na Competição Duelo de Motos, em Atibaia (SP). Enquanto isso, o suplente Mauro Garcia (MDB), ex-secretário de...

Manifestação de apoio deles para ele

elizeu nascimento 400 curtinha   Mesmo com o apoio dos deputados Elizeu Nascimento (foto), Xuxu Dalmolin e Ulysses Moraes que levaram até assessores, em pleno horário de expediente, a manifestação pró-Abílio na Câmara de Cuiabá foi considerada fraca. Investigado por quebra de decoro...

TCE cria estrutura para atender a AL

maluf 400 curtinha   A Assembleia Legislativa saiu de Guilherme Maluf (foto), mandando-o para o TCE, mas ele não saiu da AL. Alçado à presidência com menos de um ano na cadeira vitalícia, Maluf acaba de criar uma assessoria parlamentar para promover o intercâmbio com as comissões da AL e ainda um...

Cassação de Abílio depois do Carnaval

abilio junior 400 curtinha   Por mais que Abílio Júnior (foto) implore e grite por socorro, na esperança de escapar da cassação, inclusive se colocando como vítima de perseguição política, perderá mesmo mandato. Mas isso só vai ocorrer após o Carnaval. A...

PGR monitora delação de ex-deputado

jose riva 400 curtinha   Membros do alto escalão da Procuradoria-Geral da República, que rejeitou a proposta de delação de José Riva (foto) na esfera federal por causa de omissão de crimes, estão monitorando os bastidores do acordo de colaboração, agora entre o Ministério...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.