Últimas

Domingo, 12 de Julho de 2009, 21h:32 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

FISCALIZAÇÃO

Muniz diz que AL não fiscaliza iguala deputados a Caititu

  O deputado Percival Muniz, presidente regional do PPS, admitiu neste domingo à noite, em entrevista ao Ponto de Vista, da TV Rondon (Rede TV!), que a Assembleia não cumpre o seu papel de agente  fiscalizador do Poder Executivo e que se transformou numa "Casa de Homologação". Ele foi mais além. Afirmou que não existe oposição ao governo e que os parlamentares agem igual Caititu, conhecido popularmente como porco-do-mato, que vive geralmente em grupos. "(Na Assembleia) é um bando que segue igual a Caititu. Onde passa um, passa tudo. O que chega de projeto pela manhã, se quiser, aprova pela manhã mesmo, pode ser do Poder Executivo, pode ser do Judiciário".

   Muniz diz que passou os dois primeiros anos de mandato tentando "ser deputado". Confessa que não conseguiu a autonomia que esperava porque requerimentos e pedidos de informações acabam sendo ignorados pelo Executivo e, na AL, não se consegue abrir CPI para fazer valer o papel fiscalizador. Diante disso, confessa que é mais um deputado que segue a carruagem. "Parlamento seria para fiscalizar, promover debates, apresentar sugestões e projetos, mas desisti de ser deputado na essência da palavra. Agora, eu só acompanho a carruagem".

   O ex-prefeito de Rondonópolis por dois mandatos afirma que, enquanto no Congresso Nacional há uma fila de pedidos de CPI, em Mato Grosso a expressão "CPI" é tida como "palavra mau assombrada". "Estamos numa Casa de boa convivência com o Executivo, que é bem intencionado, felizmente, senão, daríamos com os burros n´água." Muniz disse que qualquer um dos 24 deputados que tentar exercer papel fiscalizador, acaba isolado e ainda criticado por "se tornar moralista". "Isso não é crítica, é constatação. A Assembleia é coadjuvante do Executivo, que é quem paga (em forma de repasse de duodécimo". Observa que o governo Blairo Maggi tem apoio de 100% dos deputados. "Essa é a correnteza. Se o governo errar, erramos juntos". A AL recebe um duodécimo de R$ 18 milhões por mês. Cada deputado ganha próximo de R$ 15 mil e tem direito a até R$ 15 mil de verba indenizatória e controla mais de R$ 30 mil de verba de gabinete.

   Questionado pelo apresentador Onofre Júnior se isso não "pegaria mal junto à sociedade", Percival Muniz afirmou que, junto com o então deputado Zé do Pátio (PMDB), hoje prefeito de Rondonópolis, tentou investigar no ano passado as razões de tantos incentivos fiscais concedidos pelo governo às empresas. São R$ 4 bilhões por ano, um terço do orçamento-geral do Estado. Ele confessou que desistiu por dificuldades em levantar informações. Segundo o socialista, qualquer questionamento que se faça, logo vem os aliados dizer que "o papel de apurar essa ou aquela denúncia é do Tribunal de Contas e do Ministério Público". (Romilson Dourado)

----------------------------------------------------------------------
Clique no play e confira o que comenta Muniz sobre a AL e o "efeito Caititu"

Postar um novo comentário

Comentários (24)

  • EDI | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Dep. Percival Muniz, Sabe porque os Deputados da Assembleia Legislativa se comportam como BANDO? Porque se um CAITITU estiver FORA do BANDO vira COMIDA DE ONÇA. Isto segundo algumas Brincadeiras que o Ilustre SENADOR JAIME CAMPOS, costuma PARODIAR quando um politico quer ficar sózinho e CANTAR DE GALO.

  • PEDRO PAULO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    COMO QUE E O SEC. FAZENDA DO ESTADO SE DIZ AUSTERO. DIANTE DO QUE O DEPUTADO FALOU EM 4 BIL EM INCENTIVO FISCAL ESSE SEC. EDER VAI TER QUE RESPONDER O DEPUTADO.

  • joao | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    EM VARZEA GRANDE TAMBEM É DO MESMO JEITO TODOS OS VEREADORES ESTÃO DO LADO DO MURILO
    TUDO QUE O MURILO NÃO FAZ ESTA CERTO
    ELES FORAM ELEITOS PELO MURILO E NÃO PELO POVO
    ESSES ADMISTRADORES DE V.GRANDE FALAM
    DOS CAMPOS ,MAS TODOS ELES VINHERAM DA MESMA ESCOLA
    OS CAMPOS EM 40 ANOS DE MANDATOS DEU ALA PARA TODOS QUE AI ESTÃO

  • JOÃO CÁCERES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    AS DECLARAÇÕES DO DEP. PERCIVAL É EXTREMAMENTE VERÍDICAS NÃO CONTRÁRIAM A VERDADE DA RELAÇÕES ENTRE OS PODERES EM MATOGROSSO , O EXECUTIVO POR TER AS CHAVES DO TESOURO E TER MAIS PODERES QUE QUALQUER OUTRO PODER PARA NEGOCIAR CARGOS , TORNA-SE O GRANDE NEGOCIADOR DE OPÓRTUNIDADES.
    HOJE COM A VIGILÂNCIA EM TORNO DAS CONTRATAÇÕES O EXECUTIVO FAZ O PAPEL DE CONTRATADOR DE ALGUMAS FIGURAS ABENÇOADAS PELOS DEMAIS PODERES NUMA RELAÇAO DE , É DANDO QUE SE RECEBE.
    O GOVERNO RECEBE EXPLICITAMENTE EM TROCA DE VÁRIOS OUTROS FAVORES SUPOSTAMENTE NÃO LICÍTO , A APROVAÇÃO DE SUA CONTAS NO TC , A BLINDAGEM JURÍDICA DE SUAS DECISÕES E A APROVAÇÃO DE QUALQUER LEI NO LEGISLATIVO.
    TALVEZ EM TROCA DE OUTROS FAVORES SUPOSTAMENTE NÃO LICÍTO , ELE TEM O APOIO DOS 24 DEPUTADOS ESTADUAIS , NÃO É COM CERTEZA PELAS SUAS PELAS OBRAS , MAS ISSO É O MODOS DE OPERAÇÃO DE TODOS , SERÁ QUE O WS NÃO PRATICA ISSA TAMBÉM EM CUIABÁ COM A BANCADA DE VEREADORES, É O SISTEMA , QUE ALIAIS NÃO É LEGAL.

  • Joao | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A camara de Cuiabá é pior que V.Grande.Na gestão do paladino Deucimar todos os projetos que chegão na casa do executtivo são aprovados no mesmo dia sem descuções e nenhuma CPI é aberta,porque sera?São todos filhotinhos de caititu e o prefeito é a maezona.Tchau...

  • Robert Pires | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Eu entendo oq o senhor sente deputado. Pois passei por isso durante minha estadia no mandato de vereador, quando o exercí no período de 2004 á 2008....
    Quando fazíamos qualquer requerimento a base do prefeito fazia de tudo para não aprova-los e dificultava qualquer investigações que tentássemos fazer na administração. Logicamente a câmara perdia sua identidade na importancia maior que era a fiscalização da administração pública municipal.
    Quando vejo o senhor se queixar desta atituda da AL, imagino que esta seja uma prática constante nos legislativos que se comprometem com o executivo em acordos pessoais e tomam decisões individuais, para seu beneficio próprio e não com a responsabilidade que o legislador foi votado para cumprir seu objetivo de fiscalizar e legislar....
    Esta prática infelizmente leva a administração pública a cometer desmandos com o dinheiro público e depois nada pode-se fazer para mudar a realidade política deste país....
    O Povo! este é o único que não fica sabendo oq acontece atras nos bastidores escusos, desta malfadada forma de se fazer política no país....Mas tem sua parcela de culpa , quando vende o seu voto e não procura saber quem é realmente que vai colocar, no legislativo para cuidar e fiscalizar a administração....Ai não adianta reclamar , quando não tem sáude, transporte, segurança, educação de qualidade e por ai vai....
    Dizem que uma andorinha só não faz verão, mas sabe-se que ele está chegando...Continue firme ai deputado....

  • ROBSON ANTUNES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O QUE ESPERAR DA ASSEMBLEIA DE MT, SOB O COMANDO DO RIVA E NA GESTÃO PASSADO DO SERGINHO RICARDO(O PIGMEU DA POLÍTICA DE MT), AGORA COMO SECRETÁRIO. NENHUM MATOGROSSENSE, SABE PELO MENOS A METADE DOS NOMES DOS ATUAIS DEPUTADOS(SUPLENTES) QUE ESTÃO NO EXERCÍCIO DO CARGO. O PRÓPRIO MUNIZ ESTÁ ATORDOADO, NÃO APOIOU ZÉ DO PÁTIO, NEM SACHETTI...EU JÁ DEI MEU NOME...QUERO RECEBER ALGUM TÍTULO DAS MÃOS DO SERGINHO RICARDO...É O OME DOS PROJETOS...PROJETO DA CASINHA...CINCO CÂMERAS!!! FILMA EU TAMBÉM DR DEPUTADO!!!

  • magalhães | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Se é assim tinha que acabar com a obrigação de votar, para colocar esse povo na rua e apresentar projeto de fato para ser eleito, como em varios outros Países, isto aqui e um atrazo de vida, onde poucos arruma a sua. Onde já se viu dar muito poder a uma só pessoa, foi assim que começou com varios ditadores tipo: Ritler, Chuchuline, Mussuline, Fidel entre outros. Vamos acabar com a obrigatoriedade de votar. Vamos acabar com esse ninho de porco do mato. Onde o cabeça tem varios processos.

  • Jaques | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Bom dia a todos.
    Que coisa mais estranha essa atitude do até então Dep. Est. Percival... Pois, o mesmo tem experiencia de executivo, vai para assembleia e vem dizer que não consegue fazer nada, não consegue quando não se quer.
    Não sei pra que, mas me parece que outro dia o Dep lançou candidatura a Governador, agora vai a midia e começa a criticar, e oque é mais feio, a sua própria casa, a Casa da Cidadania.
    Será que o Dep esta começando sua campanha de Governador na forma do Bate-Bate, para assim conseguir visibilidade???
    Ou será que é para conseguir algo mais em barganha???

    Poxa Dep Percival, até então tinha uma outra visão sobre a sua pessoa, pois estou aqui gastando esse meu tempo pelo simples fato de na eleição passada ter lhe dado o meu voto.
    Hoje me sinto triste, pois estou vendo claramente que não fiz uma boa escolha. Porque no meu entender o senhor esta fazendo como outros políticos, embarassando a ideia da população com esses discursos.

    Abraços

    Jaques

  • Elisio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Cuidado deputado. o IBAMA vai te autuar por crime contra a honra dos inocentes CATITUS. Pode comparar os bichos a qualquer outra coisa, mas a um deputado, nunca. É ofensa muito grave.

Froner segue com o vice de Gilberto

osmar froner 400   Osmar Froner de Mello (foto), escalado de última hora para a disputa em Chapada dos Guimarães, manteve de vice o mesmo que estava na chapa de Gilberto Mello (PL), o vereador Carlos Eduardo, que era conhecido como Carlinhos do PT e agora é do PDT. Froner e Carlinhos não têm afinidades...

Ministro Tarcísio rasga elogios a Fávaro

tarcisio 400 curtinha   O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas (foto), em vídeo de congratulações, só faltou pedir voto para Carlos Fávaro, senador interino que busca à reeleição e que completou 51 anos nesta segunda. Disse que Fávaro, com quem possui bom...

Vinicius e demagogia sobre salário

vinicius nazario 400 curtinha   Em Alta Floresta, o delegado de polícia Vinicius de Assis Nazario (foto), candidato a prefeito pelo Podemos, tem se apresentado como "o novo", prega honestidade, transparência e renovação, mas, em algumas pautas, nada diferente dos demais políticos. Uma de suas propostas, mais de...

2 candidaturas vetadas em Torixoréu

ines coelho 400 curtinha torixoreu   Em Torixoréu, de três candidaturas a prefeito, a Justiça Eleitoral já barrou duas, em decisão de primeira instância. O juiz da 9ª Zona Eleitoral de Barra do Garças, Douglas Romão, indeferiu o pedido de registro da candidatura do ex-prefeito e ex-deputado...

Apoio sem influência de Luciano Hang

otaviano pivetta 400 curtinha   O empresário e vice-governador Otaviano Pivetta (foto), do PDT, contesta a informação de que teria sido convencido por Luciano Hang, dono da Havan, e pelos primos Maggi a apoiar para o Senado a coronel Rúbia Fernanda. Pivetta diz que quem o conhece sabe que nunca foi garantista na...

Sem o agro e apoiado pela Fetagri

carlos favaro 400 curtinha   Na corrida pela cadeira no Senado, na suplementar de 15 de novembro, alguns concorrentes têm rotulado o senador Carlos Fávaro (foto) como candidato dos grandes produtores. Mas as entidades que compõem o Fórum Agro MT estão todas com Nilson Leitão, à exceção...