Últimas

Segunda-Feira, 03 de Novembro de 2008, 16h:47 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

CONFRONTO

Na bronca com Novacki, Jayme subirá à tribuna

Major Novacki, porta-voz do governo MaggiSenador Jayme Campos, cacique do DEM As críticas do senador Jayme Campos (DEM) ao governo Blairo Maggi, em entrevista ao RDNews no sábado (1º de novembro), e a réplica do secretário-chefe da Casa Civil, Eumar Novacki, no mesmo dia, motivaram o democrata a levar a discussão para o Congresso Nacional. Jayme prepara discurso para esta quarta (5), da tribuna do Senado. Será a tréplica do confronto com Maggi, via Novacki.

  O jornalista e marqueteiro Paulo Leite, que presta consultoria para o senador, disse que Jayme se sentiu ofendido pelo secretário-chefe da Casa Civil. O próprio Paulo, que foi secretário de Comunicação do governo Jayme (91/94), também ficou na bronca. Primeiro, o senador criticou a administração estadual na área de segurança pública. Disse que os índices de violência em Mato Grosso são alarmantes e até comparou o Estado ao Iraque - saiba mais aqui.

   Já Novacki disse que Jayme está mal informado, talvez por ficar mais tempo em Brasília, culpou a assessoria do senador por não interá-lo dos fatos reais sobre avanços do governo na área de segurança e, por fim, ainda ironizou. Disse que o parlamentar democrata não sabe onde fica MT e nem o Iraque.

  "O senador vai fazer pronunciamento. As críticas foram ao governo e de forma construtiva. O Jayme fez um apelo à reflexão à sociedade e ao governo do Estado para não se furtar ao debate sob pena de prejudicar a todos", explica Paulo Leite. Segundo ele, Novacki, ao insinuar que Jayme seria "vira-casaca" por disparar críticas após as eleições municipais, "desceu ao linguajar da caserna" e entende que isso é natural para o militar quando "agrede subordinado". "Ele (Novacki) tentou excluir um ex-governador e um senador que teve 800 mil votos. Isso é um desrespeito. Ele, no papel de secretário da Casa Civil, devia se harmonizador político e não desorganizador".

  Sem direção

Jornalista Paulo Leite, assessor de Jayme  Sobre o fato do porta-voz do governador ter dito que Jayme não sabe nem onde fica o Iraque, o ex-secretário de Comunicação conta que Novacki entrou no governo justamente quando o hoje senador comandava o Estado e deveria reconhecer que foi naquela época que o Estado passou a ter a Academia da Polícia Militar. "Antes do governo Jayme, oficiais eram contratados e o Novacki, aliás, não tem formação acadêmica", disparou Paulo Leite. Enfatiza ainda que os números sobre violência, que apontam MT no topo, fazem parte de estatísticas oficiais e foram divulgados pelos Ministérios da Justiça e Saúde e por outras instituições.

Postar um novo comentário

Comentários (63)

  • Dedeu Show | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Eita, major, que pisada de na bola, hein? O Sr. arrumou um montão de sarna para coçar a si e ao Blairo, mas fique trnquilo por enquanto ,pois novas notícias aparecerão neste blog, o tempo vai passando e algumas coisas vão sendo esquecidas, porém o Blairo sabe que seu partido e sua galera estão muito desgastados com tantas cabeçadas: PRTB, Pagot, Caso Ponce De Arruda, Homero,etc, etc e tal e isto tudo vira um campo minado que esplodirá exatamente em 2010. Sua batata está sendo assada pelo Blairo, aguarde Major é só uma questão de tempo.

  • wener santos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Para os mau informados o secretario novak, alem de ter curso superior é um cara serio, leal e muito competente. Nao é atoa que chegou onde chegou...os problemas existem, mas se a oposiçao quisessem realmente ajudar a resolver, agiriam de outra forma, nao com picuinhas politicas tentando desmoralizar o nosso governador. Parabens novak pelo trabalho que vem fazendo na casa civil.Sucesso pra vc jovem.

  • CARLOS ROBERTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    UÉ, O PAULO LEITE TA NA BRONCA POR CAUSA DO CHEFE, E POR QUE O NOVAKCI TAMBEM NÃO PODE DEFENDER O SEU ??

  • Dalila | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Romilson, infelizmente tem assessores que guardam as informações para si. O sucesso do assessorado, nesse caso o seu Jaime Campos, depende e muito de todo um trabalho de equipe, uma vez que ele desempenha atividades fora de Mato Grosso. A falta de informação gera polêmicas. Falha daqueles que não pontuam algumas questões ao parlamentar.

  • pedro lins | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    concordo com o Senador Jaime,
    quem e esse novack, não tem nenhum serviço de
    esta onde esta e ninguem sabe o porque?ou sabemos....


    respeito. esse governo não aceita critica e um governo de arrogantes..

  • alberto Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    Caso Jaime X Novacki parace aquele ato de 2 pesos e 2 medidas:
    1º Se Jaime, considera politicamente forte, por que fica então mamando na teta do Governo, afasta-se,tira os seus indicados dos cargos comissionados, tenha dignidade, Senador! Na verdade sua fonte já está minando, em 2010 jamais terá alguma chance, pois, temos gente novas surgindo, graças a Deus!
    2º No caso do pau mandado, major Novacki, ele tem que ver o seu lugar, pra todo efeito tem que respeitar a instituição que o Senador Jaime representa!
    e não ficar falando asneira, que nem um ventríloquo inconsequente.

  • Benedito | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Dante era Engenheiro, Blairo é Engenheiro Agrônomo, Wilson é Bacharel em Direito e História, Novacki é bacharel em direito e bacharel em segurança pública.

    Agora nos digam... Jaime tem qual formação acadêmica?

    Não me faça rir marqueteiro de meia tigela... vá fazer campanha em outro canto! Se alguem tem curriculum, apesar da pouca idade, essa pessoa chama-se Eumar Novacki.

  • MARCOS | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    - NÃO ADIANTA CRITICAR A PASTA DA SEGURANÇA PUBLICA ESTADUAL, ENQUANTO NÃO HOUVER LEIS SUFICIENTEMENTE CAPAZES E ATUAIS, É FÁCIL CRITICAR, MAS A POLICIA E A SECRETÁRIA NÃO TEM MEIOS DE COMBATE SEM LEI ADEQUADA, É UM TAL DE PRENDE E VEM O MAGISTRADO E MANDA SOLTAR,SERIA MELHOR OS NOSSOS PARLAMENTARES TRABALHAREM NISSO AO INVES DE FICAREM CRITICANDO, SUBA E FAÇA O SEU CONTRA, MAS SENADOR, RESOLVA ISSO, QUE É DA COMPETENCIA DE VOCES MESMOS, AO INVES DE SEREM CABOS ELEITORAIS COM O NOSSO DINHEIRO.

  • Laisa Dias | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É, a segurança na ótica do secretário deve estar boa mesmo. Pense, dia inteiro em um gabinete com ar condicionado, carro blindado que leva e tras, almoço do getúlio trazido no próprio gabinete... Moleza.
    Agora para o cidadão que pega ônibus, que rala todo dia, que enfrenta esse trânsito da cidade, quase parado, e que no meio de um sinaleiro vê uma arma apontada pra sua cara.. é outro mundo que não faz mais parte da vida do secretário, diga-se MAJOR DA POLICIA MILITAR.
    É, explica-se bem o fato da nossa polícia estar como está. Eles estão mais preocupados em puxar o saco do governador pra conseguir uma boquinha no governo, um carguinho pra poder descansar e esquecer do mundo real que todos nós enfrentamos pra conseguir SOBREviver.

  • IVAN WALBUGIS NUNES DE MATTOS | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Nao sou, nunca fiu e jamaia serei eleitor de JAYME CAMPOS, porém o referido senador por mais que faça politica de arrogancia na cidade de Várzea Grande, tem serviços prestados aquela cidade bem como ao estado de Mato Grosso.

Com Covid-19 e frequentando a AL

paulo araujo 400   O deputado Paulo Araújo (foto), do PP, está com reinfecção pelo Covid-19 e, mesmo assim, continua frequentando o prédio da Assembleia normalmente, como se não tivesse contaminado. Na primeira vez que foi infectado pelo vírus, também fez igual. Colegas parlamentares e...

2 abstenções e briga pela 4ª Secretaria

silvio favero 400   Dois deputados se abstiveram na eleição da Mesa Diretora da Assembleia desta terça cujo votação foi secreta. Nos bastidores, os comentários são de que as abstenções foram de Sílvio Fávero (foto), que se lançou à disputa e, sequer, teve...

Petista, incoerência e voto contrário

ludio cabral 400   O petista Lúdio Cabral (foto), daqueles parlamentares do morde e assopra, na tentativa de marcar posição, expõe cada vez mais suas incoerências em votação na Assembleia. Na sessão que antecedeu a eleição para a nova Mesa Diretora, provocada pela decisão...

Projeto sobre VI na Saúde está na AL

gilberto figueiredo 400 curtinha   Já está na Assembleia, para votação dos deputados, o projeto do governo que garante retomada do pagamento da verba indenizatória aos profissionais da Saúde que atuam na linha de frente do combate à Covid-19 nas unidades hospitalares, ambulatoriais e...

2 desembargadores vão para TRE-MT

carlos alberto tj 400 curtinha   O Pleno do Tribunal de Justiça define, na quinta (25), em votação secreta e por videoconferência, dois desembargadores que comporão os quadros de comando do TRE-MT pelos próximos dois anos. O ex-presidente do TJ, Carlos Alberto Alves da Rocha (foto), é um dos inscritos...

Primeira-dama pede retorno de auxílio

marcia_pinheiro_curtinha400 Primeira-dama de Cuiabá Márcia Pinheiro (foto), em visita à sede do Rdnews e entrevista ao Rdtv, pede que a bancada federal de MT se mobilize e vote favorável ao retorno do pagamento do auxílio emergencial às famílias em situação de vulnerabilidade. Márcia...